Faltam:
para o ENEM

O Esqueleto Humano: Veja os tipos de ossos e articulações. É Biologia Enem

Revisão completa do Esqueleto Humano para as questões de Biologia no Enem. Veja tudo sobre Ossos e Articulações. Ilustrações comentadas e vídeos da Khan Academy. Aula da professora Juliana Evelyn Santos. Confira abaixo!

Você domina o Esqueleto Humano? – Sabe tudo sobre ossos e articulações?

Você lembra da aula sobre ‘falange, falanginha, e falangeta’? – É hora de revisar o Esqueleto Humano, ossos e articulações, porque cai sim em Biologia no Enem e nos Vestibulares. Vamos lá! Cada um dos ossos que formam nosso esqueleto possui diferentes formas e funções em nosso organismo. Porém, sejam eles planos, cúbicos, longos ou irregulares, todos possuem uma estrutura básica em comum que se modifica e cresce ao longo do tempo.

Aliás, esse crescimento faz com que nossos ossos se fundam uns aos outros e nosso esqueleto que ao nascer possui cerca de 300 ossos, passe a ter 206 ossos na vida adulta. Você sabia disso? Não? Então revise isso e muito mais sobre o esqueleto humano aqui, com o Blog do Enem!

Se você está achando complicado logo no começo esta revisão de ossos e articulações, é hora de dar uma paradinha e revisar as divisões do esqueleto humano? Então, veja aqui as Divisões do Esqueleto, com dicas da professora Juliana Evelyn dos Santos.ossos e articulações no Esqueleto Humano

Tipos de ossos do Esqueleto Humano:

  • Podemos classificar os ossos de acordo com seu formato em quatro grupos: longos, curtos, planos e irregulares.
  • Ossos longos: São os ossos que possuem comprimento maior que sua largura e espessura. Outras características destes ossos é que, geralmente, possuem um corpo (diáfise) e duas extremidades (epífises) um pouco mais largas. Exemplo: Os ossos que compõem a coxa e a perna – fêmur, tíbia e fíbula.

 

  • Ossos planos: São ossos que possuem espessura muito fina, achatada, sendo sua largura e comprimento maiores que a espessura. Exemplo: ossos do crânio e esterno (osso localizado bem no centro do peito).
  • Ossos curtos: Também chamados de ossos cúbicos, são ossos que possuem comprimento, largura e altura semelhantes.  Exemplo: ossos do carpo (ossos do punho).
  • Ossos irregulares: São ossos que apresentam formatos bastante irregulares, com proeminências e reentrâncias. Veja nos exemplos a imagem das vértebras.ossos

 

A Estrutura dos ossos:

Você já comeu doce de mocotó? Pois então, querido (a) candidato (a), detesto “destruir sua infância”. Mas, no doce de mocotó entre os ingredientes estão um material presente na parte interna dos ossos de bovinos, muito semelhante ao que encontramos no interior dos ossos dos humanos: a medula óssea.

Esse tecido que chamamos popularmente de ‘tutano’ tem um aspecto gelatinoso, e a sua principal função é produzir as células sanguíneas, que são constantemente renovadas.estrutura ossos

Os dois tipos de Medula Óssea:

Há dois tipos de medula óssea no interior dos ossos dos vertebrados: a medula óssea amarela e a medula óssea vermelha. A vermelha está ligada com a produção de células sanguíneas. Já a medula óssea amarela é composta basicamente por tecido gorduroso. Para abrigar esse tecido hematopoiético, os ossos possuem uma estrutura interna vazada, formado por vários “buraquinhos”, como uma colmeia. Esse é o osso esponjoso. Em volta dessa estrutura, há o osso compacto, que forma um canal rígido que se estende dando forma a cada osso.

O tecido ósseo, ao contrário do que você talvez imagine, não é algo estático. Por sua aparência rígida proporcionada pelo enriquecimento da matriz celular por sais minerais (principalmente o cálcio), muitas pessoas acham que os ossos são estruturas sem vida. Mas, muito pelo contrário, otecido ósseo está em constante construção.

Podemos observar isso, por exemplo, nas pessoas que usam aparelhos dentários, cujos dentes são movimentados na matriz óssea,uma vez que ela se constrói e desconstrói para melhor acomodá-los. Ou ainda, quando partimos um osso durante uma queda e ele é reconstruído. Sendo assim, os ossos são órgãos altamente irrigados por vasos sanguíneos e nervos, tendo metabolismo e sensibilidade como qualquer outo órgão.

As Articulações:

Articulações são regiões de encontro entre ossos. Geralmente quando pensamos em articulações pensamos em regiões móveis do nosso esqueleto, porém nem todas são assim. Classificamos as articulações em três tipos de acordo com a sua capacidade de movimento: móveis (como a do joelho e do cotovelo), semimóveis (como as vértebras que possuem movimentação limitada) e imóveis, como as articulaçõesque formam nosso crânio. ossos articulaçõesPodemos também classificar as articulações móveis de acordo com o tipo de movimento que realizam, como as “dobradiças” dos joelhos e cotovelos e as esféricas, que se movem em todas as direções, como a do fêmur com o quadril e úmero com o ombro.

Aula Gratuita sobre o Esqueleto

Veja agora este vídeo da Khan Academy, que fala sobre a importância do esqueleto e a estrutura dos ossos (este vídeo está em inglês, porém você pode optar por traduzir a legenda no segundo símbolo abaixo do lado direito do vídeo). Fácil, fácil de localizar a tradução. Vai!

E aí, curtiu o vídeo? Ótimo, não é mesmo? Beleza! Agora, para dar aquela “fixada” no conteúdo e arrasar nas questões de Biologia do Enem e dos vestibulares, veja este resumo que preparamos para você!

Dicas do Blog do Enem

A – Que tal relembrar também o sistema respiratório? Para isso, veja aqui este super post com dicas da professora Juliana Evelyn dos Santos e vídeo da Khan Academy. :

B –  Precisa revisar mais conteúdos de biologia? Veja aqui vídeos de Biologia da Khan Academy já traduzidos para o Português pela equipe da Fundação Lemann.
C – Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe aqui apostila de biologia gratuita!
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.