Engenharia Sanitária e Ambiental: curso, profissão e mercado de trabalho

Tem curiosidade de saber como é a vida do profissional de Engenharia Sanitária e Ambiental e o que se estuda no curso? Então confira e tire as suas dúvidas!

Está na fase de escolher a profissão? Conte com a ajuda do Blog do Enem para saber como é o mercado de trabalho e quais são as principais disciplinas do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental.

Cuidar do planeta e preservar a natureza é importante para praticamente todo mundo. Entretanto, alguns pessoas resolvem fazer disso a sua profissão e criar formas de garantir a preservação do meio ambiente. Você acha importante e gosta de pensar em estratégias para conservar os recursos naturais do mundo? Então a Engenharia Sanitária e Ambiental pode ser o curso certo para você!

Descubra como funciona o curso, como atua o profissional da área e como é o mercado de trabalho na Engenharia Sanitária e Ambiental.

DESTACADA

Quem é o profissional da Engenharia Sanitária e Ambiental?

Em um sentido mais amplo, o engenheiro é aquele que cria ou constrói algo. Pensando assim, o engenheiro sanitarista e ambiental é quem cria formas de promover o desenvolvimento econômico sustentável e idealiza maneiras de garantir o respeito aos limites da exploração dos recursos naturais. Além disso, os engenheiros formados pelo curso também estão habilitados a projetar, construir, ampliar e operar os sistemas de água e esgoto.

É importante que o profissional goste de questões ecológicas. Mais do que isso, elas devem ser vistas como uma causa, pois é com estes temas que o engenheiro ambiental vai lidar todos os dias. Outra habilidade importante é a aptidão para a matemática, pois os cálculos serão intensos durante o curso. Outra característica importante é gostar de se manter atualizado e de se comunicar, já que precisa conhecer novos recursos de preservação e convencer as pessoas a cuidarem do meio ambiente – o que não é tarefa fácil.

Nas cidades, o engenheiro ambiental atua em diversos serviços, alguns que muita gente nem imagina, como na coordenação e supervisão das redes de distribuição de água, as estações de tratamento de esgoto, destinação correta dos resíduos sólidos (o que chamamos de lixo), além de fiscalizar e prevenir a poluição causada pelas indústrias.

O curso de graduação em Engenharia Sanitária e Ambiental

A graduação em Engenharia Ambiental tem uma duração média de cinco anos, sendo que ao longo desse período os estudantes irão aprender conteúdos das áreas das Ciências Exatas e Biológicas. Em uma divisão básica, em geral, o curso de graduação tem como principais disciplinas:

– Cálculo I, II, III;
– Geometria Analítica;
– Física I, II;
– Química Geral e Inorgânica;
– Mecânica dos Materiais;
– Química Ambiental;
– Geotécnica Ambiental;
– Saúde e Higiene Ambiental;
– Planejamento e Gestão Ambiental;
– Estatística Aplicada.

Para a conclusão do curso é necessário fazer estágio obrigatório e entregar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

A TV UFG da Universidade Federal de Goiás preparou um vídeo especial sobre o curso de Engenharia ambiental. Confira aqui.

5 cursos de Engenharia Sanitária e Ambiental com conceito 5 no Enade

O conceito do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) leva em conta uma série de critérios como, por exemplo: o desempenho dos estudantes do curso em uma prova realizada anualmente; o corpo docente; a infraestrutura; os recursos didático-pedagógicos; além dos programas de pós-graduação.

– Universidade Federal de Viçosa (UFV) – Viçosa, MG

– Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Porto Alegre, RS

– Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Rio de janeiro, RJ

– Universidade Federal de Itajubá (Unifei) – Itajubá, MG

– Universidade Federal do ABC (UFABC) – Santo André, SP

Mercado de trabalho para Engenharia Ambiental

Com o aumento da conscientização ambiental e das legislações de preservação do meio ambiente, o mercado tem se tornado cada vez mais promissor. Instituições públicas, empresas privadas e Organizações Não Governamentais (ONGs) empregam os profissionais do campo para planejamentos ambientais, recuperação de áreas e fiscalização da aplicação correta das leis vigentes.

Em relação ao salário médio do engenheiro sanitarista e ambiental, a legislação federal fixa o pagamento mensal mínimo em seis salários mínimos, enquanto estudos de mercado apontam que o salário médio na área gira em torno dos R$5.500,00.

Dica 1: Confira detalhes sobre cursos,  mercado de trabalho e dicas de estudo: https://blogdoenem.com.br/guia-de-cursos-e-profissoes/

Perfil do profissional após a formação

A média do salário inicial é de é R$ 2300,00, mas este valor pode variar de acordo com a região.

Dica 2 – Já escolheu a sua profissão? Veja aqui as 10 profissões com os melhores salário.
Dica 3 – Tirar uma nota boa no Enem faz toda a diferença na sua vida. Pode abrir as portas da universidade e do mundo. Estude com as apostilas e aulas gratuitas que o Blog do Enem selecionou para você.
Dica 4 – Veja as Notas de Corte em todas as Universidades Públicas no Estado de São Paulo e que adotaram a nota do Enem para selecionar os estudantes, acabando com o vestibular.