Faltam:
para o ENEM

Biologia Enem – ATP: Adenosina Trifosfato, a moeda energética das células

O ATP armazena a energia proveniente da quebra dos alimentos. A molécula de ATP serve como um reservatório temporário de energia. Revise o metabolismo celular e saiba tudo sobre Adenosina Trifosfato para arrasar em Biologia no Enem!

Biologia Enem: O ATP, ou adenosina trifosfato, é uma pequena molécula considerada como a “moeda energética” das células.

Esta fama se deve ao fato de que o ATP consegue armazenar em suas ligações químicas pequenas quantidades de energia provenientes da quebra dos alimentos. Portanto, a molécula de Adenosina Trifosfato serve como um “recipiente” de armazenamento temporário de energia.

Ao estudar os processos que acontecem dentro das células (como a respiração celular e a fotossíntese) você verá constantes referências às moléculas de ATP. Portanto, antes de estudar estes processos, é extremamente importante entender a estrutura e o funcionamento destas moléculas. Então, vamos revisar os ATPs para arrassar nas questões de Biologia do Enem? Veja nesta figura o esquema tridimensional de uma molécula de ATP. Em verde e vermelho vemos os três grupamentos fosfatosAdenosina Trifosfato - ATP

Os ATPs são formados por uma molécula de adenosina (base nitrogenada adenina + açúcar ribose) combinada a três radicais fosfato ligados em cadeia. A energia liberada pela quebra de nutrientes é temporariamente armazenada nas ligações da cadeia de fosfatos.

A molécula de Adenosina Trifosfato não pode ser estocada, ela precisa ser utilizada praticamente de imediato pela célula. Para o estoque de energia em longo prazo, a célula utilizará as moléculas de carboidrato e de lipídios. Veja abaixo a estrutura da molécula de ATP:BIO2

 

Quando a célula precisa de energia para fazer funcionar uma bomba de sódio e potássio, por exmplo, ela irá quebrar a molécula de ATP. Essa quebra é bastante simples, uma vez que é feita por hidrólise (quebra pela água). Assim, quebra-se a ligação entre o 2º e o 3º grupo fosfato e libera-se a energia que mantinha esses dois grupamentos ligados.

Dessa maneira, ao fim da quebra dessa molécula, temos um grupo fosfato livre e uma molécula de ADP – adenosina difosfato (“di” porque a molécula passa a ter apenas dois grupamentos fosfato). Veja na figura o esquema demonstrando a transformação de ATP em ADP. BIO3

 

Caso a célula precise novamente armazenar energia temporariamente, ela pode reunir novamente a molécula de ADP com o grupo fosfato, formando ATP. A recarga do ADP para a produção de ATP pode ocorrer tanto durante a fosforilação oxidativa (processo que ocorre na respiração celular) como na fotofosforilação (processo que ocorre na fotossíntese).

Importante sobre Adenosina Trifosfato:

A produção de ATP é considerada um anabolismo, pois é um processo de síntese de uma molécula. Já a quebra de ATP em ADP + grupo fosfato é considerada uma reação de catabolismo, pois quebra uma molécula para produzir energia.

Agora, para finalizar sua revisão, veja esta super videoaula da Khan Academy: http://www.fundacaolemann.org.br/khanportugues//ciencias/biologia/atp_adenosina_trifosfato

Agora que você já sabe tudo sobre os ATPs, que tal testar seus conhecimentos emAdenosina Trifosfato?

01 – (UNIRG TO/2013)   Uma célula viva, independente do organismo ao qual ela pertence, para manter-se viva, necessita realizar, ininterruptamente, a produção de

a) glicose.

b) adenosina trifosfato (ATP).

c) aminoácido (aa).

d) ácido graxo.

Gab: B

02 – (ESCS DF/2012)   Nos pontos de encontro entre duas ou mais placas tectônicas localizadas em regiões oceânicas profundas, podem existir as chamadas fontes hidrotermais. Nessas fontes, água rica em enxofre jorra a temperaturas que podem alcançar desde 60ºC até 450ºC. Embora não haja chegada de luz solar, ecossistemas bastante diversificados têm sido descritos no entorno dessas fontes. Sobre esses ecossistemas é correto afirmar que:

a) os produtores das fontes hidrotermais utilizam a quimiossíntese para a produção de ATP e parte da matéria orgânica provém da decomposição de organismos pelágicos;

b) os produtores da região fótica realizam fotossíntese na superfície e se dirigem maciçamente às regiões profundas durante a noite, sendo consumidos pelos predadores existentes nas fontes;

c) os produtores da região fótica realizam fotossíntese na superfície e se dirigem maciçamente às regiões profundas durante o dia, sendo consumidos pelos predadores existentes nas fontes;

d) não existem produtores; matéria orgânica e energia são continuamente recicladas entre os consumidores e decompositores existentes;

e) os produtores das fontes hidrotermais utilizam o calor como fonte de energia para a produção de ATP.

Gab: A

03 – (UNIOESTE PR/2012)   Relativo à produção e consumo de energia pela célula, é correto afirmar que

a) o processo que permite às células utilizarem o CO2 como oxidante das moléculas orgânicas e a respiração celular.

b) lipídios representam o combustível preferido das células, mas na falta deste composto as células utilizam glicose ou até mesmo proteínas como fonte de energia.

c) elétrons H+ são capturados durante a glicólise e o ciclo de Krebs para a produção do ácido cítrico, que representa a molécula inicial no processo de respiração.

d) no organismo humano, a fibra muscular estriada pode realizar o processo de fermentação, que é um processo anaeróbio de produção de ATP.

e) a fonte imediata que permite a síntese de ATP na fosforilação oxidativa é a transferência de fosfatos de alta energia provenientes do ciclo de Krebs.

Gab: D

04 – (UERJ/2011)  

No esquema abaixo, estão representadas as duas etapas finais do processo fermentativo em células musculares quando submetidas a condições de baixa disponibilidade de oxigênio.

BIO4

O grupo funcional encontrado nos três compostos que participam das etapas representadas é:

a) fosfato

b) hidroxila

c) carbonila

d) carboxilato

Gab: D

Dica 1: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente! https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-apostila-gratuita/
Dica 2: Precisa revisar mais conteúdos de biologia? Veja os vídeos de Biologia da Khan Academy já traduzidos para o Português pela equipe da Fundação Lemann no http://www.fundacaolemann.org.br/khanportugues/#videos
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima sobre Adsenosina Trifosfato foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.