Mitose e Meiose – Introdução à Divisão Celular com aula Khan Academy

Você acha que mitose e meiose são coisas místicas do além que só seu professor de biologia entende?  Não sabe para que servem estes processos na célula? Sem problemas! Nós vamos te ajudar!

Mitose e Meiose são divisões celulares que ocorrem nas células dos seres pluricelulares, inclusive nos seres humanos.

A Mitose é essencial para a multiplicação das células, crescimento do organismo e renovação dos tecidos.

Mitose - Biologia

Já a Meiose é imprescindível para a reprodução sexuada, uma vez que forma os gametas. Lembrou? Só um pouquinho? Ainda está se confundindo com esses nomes tão parecidos? Então dê uma olhada neste infográfico e depois no post que preparamos para te ajudar!  meiose - Biologia

 Duplicação do DNA e formação dos cromossomos

Antes de tudo você precisa relembrar que o nosso DNA é formado por 46 “pedaços” que permanecem boa parte do tempo desespiralizados dentro do núcleo da célula. Durante este período, a célula precisa “ler” o DNA para produzir proteínas e assim desenvolver suas funções no organismo. Este período da célula é chamado de interfase e neste período o DNA se encontra no estado de cromatina.

Interfase: 2n Cromossomos e 1x DNA

Dizemos que durante a interfase a célula humana possui 2n cromossomos (ou seja, duas vezes o número mínimo de cromossomos encontrado em uma célula humana), e 1x a quantidade de DNA (pois há apenas uma cópia de cada filamento de DNA).

Quando a célula precisa iniciar uma divisão celular (tanto a mitose quanto a meiose), ela tem que produzir cópias de todos os filamentos de DNA, garantindo que as células resultantes tenham recebido cópias de toda a carga genética contida em seu núcleo. Então, ela iniciará o processo de duplicação ou replicação do DNA.  No fim da duplicação, a célula ainda continuará tendo 2n cromossomos, porém terá 2x a quantidade de DNA, pois cada um de seus filamentos de DNA foram copiados.

Dica 2: Ih… O que é essa tal duplicação? Para saber mais sobre cromatina, cromossomos e duplicação do DNA, dê uma olhada neste post: Colocar aqui o link para o post Biologia Enem: DNA, cromossomos e cromatina – Aula da Khan Academy.

Depois que a célula copiou todo o seu DNA, ela começa a organizar esse material genético para garantir que as células resultantes da divisão celular recebam exatamente os filamentos de DNA necessários. Então, para facilitar o processo, o DNA enrola-se sobre proteínas chamadas histonas e dobra-se sobre si mesmo muitas vezes, como em um novelo de lã.

Logo, na fase inicial das divisões celulares, temos o DNA enovelado, na forma de cromossomo. Como o DNA está duplicado, cada cromossomo terá dois segmentos, as cromátides, unidas por uma região chamada de centrômero.

Cariótipo:

Outro conceito importante que você precisa lembrar antes de estudar as divisões celulares é o conceito de cariótipo. Cariótipo é o conjunto total de cromossomos de uma célula diploide (2n) de determinada espécie. No nosso caso, um cariótipo normal possui 2n cromossomos = 46 cromossomos, ou 23 pares de cromossomos.

Estes 46 cromossomos estão presentes em todas as células somáticas do nosso corpo.  Quando dizemos que os nossos cromossomos formam 23 pares, estamos nos referindo à homologia entre eles. Traduzindo: 23 cromossomos que vieram do pai mais 23 cromossomos que vieram da mãe, sendo que os cromossomos que formam cada par trazem genes para as mesmas características genéticas, porém podem trazer informações diferentes.

Já os gametas, possuem metade do número normal de cromossomos de um indivíduo normal, ou seja, n cromossomos – células haplóides. Na espécie humana, tanto o óvulo quanto o espermatozoide possuem 23 cromossomos cada. Mas, por que isto ocorre? Simples!

O fato de os gametas terem apenas metade do número total de cromossomos de nossa espécie compensa a fecundação, uma vez que, durante a união dos gametas o número de cromossomos de um soma-se ao número do outro, refazendo o número de cromossomos da célula diploide. Se não fosse assim, ao juntarmos um espermatozoide 46 cromossomos com um óvulo também 46, teríamos um zigoto com 92 cromossomos! Coisa que é inviável! Então, o fato de os gametas serem n cromossomos ajuda na manutenção do número de cromossomos de uma espécie.

Muito bem, agora você já lembrou todos os conceitos básicos sobre DNA e os cromossomos, vamos pensar nas divisões celulares!

mitose e meiose

Mitose:

A mitose é uma divisão utilizada pelas nossas células para a multiplicação, em que uma célula mãe manda cópias de seu conjunto de cromossomos para duas células filhas menores. Este processo é utilizado em varias ocasiões em nosso organismo, como, por exemplo, no crescimento do organismo. Veja bem, assim que o espermatozoide se junta ao óvulo, ele forma um zigoto.

A partir daí esta única célula precisa se multiplicar para chegar aos bilhões de células que formam um ser humano. Para isso, o zigoto realiza mitose. Logo, a mitose nada mais é que a que o processo em que nossas células tiram cópias de si mesmas, mantendo o seu número de cromossomos constante. Por tal motivo dizemos que a mitose é equacional. Resumindo: após realizar a mitose, uma célula 2n produz duas células menores também 2n, portanto, as células-filhas são geneticamente iguais à célula-mãe.

Meiose:

A meiose é uma divisão realizada por nossas células germinativas, presentes nos ovários e nos testículos, para produzir os gametas. Esta divisão celular, ao contrário da mitose, reduz o número de cromossomos pela metade. Cada célula que inicia a meiose irá produzir quatro células menores com n cromossomos cada (23 cromossomos).  Por isso, dizemos que a meiose é reducional.

Dica 1: Antes de continuar a estudar as divisões celulares, que tal relembrar um pouquinho sobre DNA e RNA? Veja o post a seguir: https://blogdoenem.com.br/biologia-khan-academy/

Para introduzir o conteúdo de mitose e meiose,  veja esta super vídeo-aula da Khan Academy!

Exercícios

Então, gostou do vídeo? Deu para relembrar um pouco o conteúdo? Beleza! Agora, para organizar as ideias e se dar bem nas questões de Biologia do vestibular, veja os exercícios que preparamos para você:

1)     (UFPA – 2006) Os óvulos e espermatozoides são formados a partir de um processo de divisão celular, no qual uma célula diploide origina:
a) quatro outras células, cada uma com o mesmo número de cromossomos da célula inicial.
b) duas outras células, cada uma com o mesmo número de cromossomos da célula inicial.
c) quatro outras células, cada uma com metade do número de cromossomos da célula inicial.
d) duas outras células, cada uma com metade do número de cromossomos da célula inicial.
e) duas outras células, cada uma com o dobro do número de cromossomos da célula inicial.

Resposta: Letra c. Pois a meiose é reducional, reduzindo o número de cromossomos pela metade e gerando 4 células filhas.

2) (UFSC) A mitose e a meiose são dois tipos de divisão celular. Com relação a esses processos,  assinale a(s) proposição(ões) VERDADEIRA(S).

(01) A mitose é uma divisão do tipo equacional.

(02) A meiose ocorre em quatro etapas sucessivas.

(04) O número de cromossomos das células resultantes de ambos os processos é igual ao das células que lhes deram origem, porém somente as células que sofreram meiose podem apresentar recombinação genética.

(08) A mitose ocorre nas células somáticas.

(16) A meiose ocorre na linhagem germinativa,  quando da produção dos gametas.

(32) Ambos os processos ocorrem em todos os seres.

(64) Em alguns organismos a mitose é utilizada como forma de reprodução.

Resposta: 89.

Dica 3: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente! https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-apostila-gratuita/
Dica 4: Precisa revisar mais conteúdos de biologia? Veja os vídeos de Biologia da Khan Academy já traduzidos para o Português pela equipe da Fundação Lemann no http://www.fundacaolemann.org.br/khanportugues/#videos
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.