Mitose – Revise Biologia Enem com aula da Khan Academy

Mitose e Meiose caem direto no Enem e nos Vestibulares. Você lembra de Prófase, Metáfase, Anáfase e Telófase? - Se não respondeu 'sim' em dez segundos, é hora de revisar Mitose nesta aula gratuita. Confira.

Você treme e tem até calafrios quando ouve falar de Mitose e Meiose? A situação piora quando você ouve os danados dos nomezinhos de suas fases? Não se preocupe! Nós vamos ajudá-lo a entender todo o processo da Mitose e da Meiose!

As fases da Mitose: Prófase, metáfase, anáfase e telófase. Esses temidos nomes podem parecer coisa de ficção científica. Porém, as fases da mitose estão ocorrendo nesse momento em seu organismo e são elas que permitem o perfeito funcionamento dos seus órgãos.Mitose - Biologia

A mitose faz com suas células se multipliquem e possibilite o crescimento de seu organismo e a renovação dos seus tecidos. Então, que tal revisar esse processo de divisão celular?

 Mitose:

Como você sabe, a mitose é uma divisão utilizada pelas nossas células para a multiplicação, em que uma célula mãe manda cópias de seu conjunto de cromossomos para duas células filhas menores.

Este processo é utilizado em varias ocasiões em nosso organismo, como, por exemplo, no crescimento do nosso corpo. Mas, antes de começarmos a falar especificamente da divisão celular, é importante relembrar as fases do ciclo celular.

As Fases do Ciclo Celular

Interfase: É o período em que a célula desenvolve suas funções vitais. Vai do fim de uma divisão até a próxima divisão celular. Corresponde ao período mais longo da vida de uma célula. Compreende três fases:

– G1: Período da vida da célula em que há intensa produção de moléculas orgânicas (RNA, proteínas, enzimas etc.).

Período S: “S” de síntese. É o período em que a duplicação semiconservativa do DNA ocorre. É uma preparação para a divisão. Depois dessa fase, cada cromossomo passa a ter dois filamentos – as cromátides, unidas pelo centrômero.

– G2: Intensa síntese de proteínas e outras biomoléculas que irão ser utilizadas na divisão celular. Ocorre também a duplicação dos centríolos, se for uma célula animal.

Observação: No fim da fase G1 a célula pode fazer uma “avaliação” para verificar se cresceu suficientemente para realizar uma divisão. Caso a avaliação seja negativa, a célula não irá se dividir, entrando na fase G0, que pode ser bastante longa, dependendo do tipo de células (como os neurônios).

Dica 1: Quer relembrar um pouquinho sobre DNA antes de começar a estudar as fases da mitose? Então, veja este post: https://blogdoenem.com.br/biologia-khan-academy/  DNA e RNA

Relembrou as fases da vida da célula? Beleza! Agora vamos estudar as fases da mitose:

Veja as Fases da Mitose:

Prófase:

É a fase que inicia a divisão. É como uma preparação e organização das estruturas celulares e do DNA para que a célula possa separar os cromossomos. Neste momento, a cromatina começa a se enrolar, ou seja, o DNA que foi duplicado na interfase dobra-se várias vezes sobre si mesmo, e forma os cromossomos. Os centríolos começam a formar o os fusos mitóticos que irão funcionar como “cabos de guerra” para separar as cromátides irmãs. Por último, o envoltório nuclear se dissolve.

Metáfase: Os cromossomos estão condensados ao máximo. Ao centrômero de cada cromossomo estão ligados duas fibras de fusos mitóticos que vêm dos centríolos, uma de cada lado. Os fusos movimentam-se e organizam os cromossomos bem no meio da célula, na chamada placa metafásica.

Anáfase: As fibras do fuso encolhem-se e começam a puxar as cromátides de cada cromossomo para polos opostos das células, separando-as. Isso quer dizer que cada cópia do DNA realizada na interfase se encaminha para um dos polos da célula.

Telófase: Última fase da divisão celular. Nesta fase, os cromossomos que foram para cada um dos polos da célula vão se descondensar e se agrupar nas extremidades opostas, montando dois novos núcleos.  A telófase é finalizada com a citocinese (que é a divisão completa da célula – membrana e citoplasma). Nas células animais, a citocinese ocorre de fora para dentro (centrípeta) com invaginações da membrana plasmática que dividem a célula como se um anel a estrangulasse.

Para resumir o assunto, veja a figura a seguir:

Mitose - Biologia

Observações importantes:

  • Na célula vegetal ocorrem algumas diferenças:
  • – Não há centríolos.
  • – Por conta da parede celular destas células, não há como fazer uma divisão centrípeta, por isso, a citocinese é centrífuga (do centro para fora) com a formação de uma lamela que cresce do centro da célula para fora.

E da Meiose, você lembra?

MEIOSE é o processo em que a célula mãe forma quatro células filhas com metade do número cromossômico. Uma célula diploide (2n ) forma quatro células haploides (n).

O tema é quente para os vestibulares e para o Enem também. Veja aula gratuita sobre Meiose para mandar bem nas questões de Biologia: https://blogdoenem.com.br/meiose-biologia-enem/ Meiose

Aula Gratuita sobre Mitose

Para concluir o assunto, veja esta super vídeo-aula sobre as fases da mitose da Khan Academy:

Gostou do vídeo? Beleza! Então,  veja todo o post novamente para  descomplicar ainda mais e dar aquela fixada no conteúdo!

Dica 2: Que tal dar uma relembrada no que são cromossomos, cromátides e cromatina? Então veja este post: https://blogdoenem.com.br/biologia-khan-academy-2/

Exercícios sobre Mitose:

Então, deu para desmistificar um pouco o conteúdo? Ótimo! Agora, vamos exercitar?

1)      (PUC-RS) Para fazer o estudo de um cariótipo, qual fase da mitose que seria mais adequada usar, tendo em vista a necessidade de se obter a maior nitidez dos cromossomos, em função do seu maior grau de esperalização?

a)      Prófase

b)      Metáfase.

c)       Anáfase.

d)      Telófase.

Resposta: b. Pois é na metáfase que os cromossomos estão em seu máximo de espiralização, deixando-os mais nítidos ao microscópio.

2)     (Fuvest 2005) No processo de divisão celular por mitose, chamamos de célula-mãe aquela que entra em divisão e de células-filhas, as que se formam como resultado do processo. Ao final da mitose de uma célula, têm-se:

a) duas células, cada uma portadora de metade do material genético que a célula-mãe recebeu de sua genitora e a outra metade, recém-sintetizada.

b) duas células, uma delas com o material genético que a célula-mãe recebeu de sua genitora e a outra célula com o material genético recém-sintetizado.

c) três células, ou seja, a célula-mãe e duas células-filhas, essas últimas com metade do material genético que a célula-mãe recebeu de sua genitora e a outra metade, recém-sintetizada.

d) três células, ou seja, a célula-mãe e duas células-filhas, essas últimas contendo material genético recém-sintetizado.

Resposta: A. As células filhas recebem a mesma quantidade de material genético que a célula-mãe tinha antes da fase S da interfase. Porém, esse material genético foi duplicado, lembra? Então as células filhas receberão 46 duplas fitas de DNA formados por uma fita proveniente da célula-mãe de sua genitora e outra formada por sua genitora, pois a duplicação do DNA é semiconservativa.

Dica 3: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente! https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-apostila-gratuita/
Dica 4: Precisa revisar mais conteúdos de biologia? Veja os vídeos de Biologia da Khan Academy já traduzidos para o Português pela equipe da Fundação Lemann no http://www.fundacaolemann.org.br/khanportugues/#videos

Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos

Juliana Rede Enem