Engenharia de Minas: o curso, a profissão e o mercado de trabalho

O Brasil é um país com grande potencial mineral devido ao seu tamanho e também aos tipos de solo. Com isso, surge a necessidade de profissionais que façam estudos e pesquisas sobre reservas minerais e combustíveis fósseis. Veja abaixo o curso de graduação em Engenharia de Minas, o mercado de trabalho e a carreira deste profissional.

O profissional formado em Engenharia de Minas realiza pesquisas, prospecções, extração e aproveitamento de minerais. Além disso, é o responsável por atividades em carvão, águas subterrâneas e também combustíveis fósseis.

Em geral, os engenheiros de minas têm interesse pelo estudo de minérios, gostam do trabalho no campo e do contato com a natureza. Além disso, possuem raciocínio lógico e senso crítico, principalmente para avaliar projetos.

Engenharia de Minas

O curso superior de Engenharia de Minas

Pode não parecer, mas o curso de Engenharia de Minas é bem antigo e chegou ao Brasil quando D. Pedro I criou a Faculdade de Engenharia de Minas de Ouro Preto. Seu objetivo era tentar retomar a exploração de ouro e também de pedras preciosas em Minas Gerais. Hoje, o Brasil é um dos maiores exportadores de minério de ferro do mundo.

O curso de graduação de Engenharia de Minas tem a duração média de 5 anos. Nos primeiros anos de curso, o aluno estudará as disciplinas do ciclo básico das engenharias. São elas: Cálculo, Física, Geometria Analítica,Geometria Linear, Introdução à Engenharia, Química, Algoritmos e Programação, Mecânica Geral, Estatística, dentre outras.

Já nos anos finais, terá aulas mais específicas, como Mineração, Topografia, Reciclagem de Resíduos e Geologia.

Os alunos realizam muitas aulas em laboratórios e visitas a empresas de mineração. Ao final do curso, é obrigatória a realização de um estágio supervisionado.  As empresas que geralmente recrutam estagiários pertencem aos ramos de consultoria, mineração e petrolíferas.

Dica 1 – Veja as notas de corte no Sisu para Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia de Minas e todos os outros cursos nas universidades  públicas que participam do Sisu: https://blogdoenem.com.br/notas-corte-universidades

Confira o vídeo que o “Programa Profissões”, da TV São Luís, produziu sobre a profissão de Engenheiro de Minas, e que disponibilizou no YouTube:

5 cursos de Engenharia de Minas pra você escolher

Os cursos de Engenharia de Minas do Brasil ainda não possuem conceito no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), pois ainda não foram avaliados. O Enade é regulamentado pela Portaria Normativa nº40 de 12 de dezembro de 2007 e tem o objetivo de aferir o desempenho dos estudantes de cursos de graduação em relação aos conteúdos programáticos previstos nas respectivas grades curriculares.
Algumas universidades que contam com o curso de Engenharia de Minas são:

  • Universidade de São Paulo (USP)
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Univesidade Federal de Ouro Preto (UFOP)
  • Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • Univesidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Quer conhecer outros cursos de Engenharia de Minas? Acesse e faça a busca por estado no mapa ou a busca textual pelo nome da instituição, pelo nome do curso, conceito no Enade e muitos outros critérios!

Engenharia de Minas

O mercado de trabalho para o engenheiro de minas

O Brasil é um dos países com a maior reserva de minério de ferro do mundo. Além disso, é rico em outros minerais. Isso faz com que o mercado para os engenheiros de minas esteja em expansão devido ao crescimento do setor mineral.

As principais empregadoras são as mineradoras. Porém, o profissional pode atuar em indústrias de cimento, carvão, petróleo, química e fertilizantes.

O mercado internacional também é promissor para os engenheiros de minas. O motivo disso é que o mercado internacional de mineração está de olho na tecnologia brasileira. Além disso, empresas como Petrobras e Vale do Rio Doce estão presentes também em outros continentes e oferecem oportunidades reais para engenheiros de minas.

Dica 2: Você sabe quais são os conteúdos que caem na prova de Matemática e suas tecnologias? Contamos para você. https://blogdoenem.com.br/category/cainaprova/matematica

O perfil do profissional após a formação

Para atuar no mercado, o recém-formado precisa estar registrado no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea). Entre as principais atividades exercidas no início da carreira estão a elaboração de projetos, o desenvolvimento de trabalhos de turno e a assessoria da produção de minerais.

O salário médio inicial é de R$ 4 mil reais, podendo chegar até R$ 20 mil ou mesmo R$ 30 mil no auge da carreira. O recém-formado deve estar sempre atualizado, ter disponibilidade para viagens a trabalho e gostar de trabalhar no campo.

E aí, Engenharia de Minas é o curso escolhido? Não, então acesso o nosso Guia de Profissões e conheça outras áreas.
 
Este texto foi escrito por Lidiane Franqui, blogueira e redatora freelancer. Escreve para sites e blogs de diversos segmentos, entre eles educação, marketing digital e desenvolvimento pessoal.  Facebook: https://www.facebook.com/lidiane.franqui.3