37 IES portuguesas usam as notas do Enem como forma de ingresso. Veja quais são elas!

Levantamento recente realizado pelo Inep revelou que pelo menos 1.200 brasileiros já ingressaram em Instituições de Ensino Superior portuguesas por meio dos convênios do Inep

Os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) já podem ser usados por 37 Instituições de Educação Superior (IES) portuguesas.

O Instituto de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) assinou novo convênio com a Universidade Europeia, que pertence ao maior grupo mundial de Ensino Superior (Laureate International Universities), e confere graus acadêmicos de Licenciatura, Mestrado e Doutorado, bem como cursos de Pós-graduação, em diversas áreas como gestão, direito, psicologia, recursos humanos, marketing, comunicação, desporto, informática, tecnologias e destaca-se como a instituição de ensino de Gestão Hoteleira e Turismo. O acordo foi publicado no Diário Oficial da União do dia 24 de dezembro de 2018.

Os convênios favorecem a comunicação entre as IES e o Inep para conferência dos resultados dos participantes que pretendem utilizar as notas do Enem. As IES portuguesas conveniadas têm liberdade para definir qual será a nota de corte para o acesso dos estudantes brasileiros aos cursos ofertados.

Levantamento recente realizado pelo Inep revelou que pelo menos 1.200 brasileiros já ingressaram em IES portuguesas por meio dos convênios do Inep. O mapeamento inédito considerou 23 das 29 IES portuguesas que mantinham o acordo em abril de 2018, data de finalização do estudo. Seis instituições ainda não consolidaram os dados.

Relação das IES portuguesas e data de assinatura dos acordos:

  • Universidade de Coimbra (26/05/2014)
  • Universidade de Algarve (18/09/2014)
  • Instituto Politécnico de Leiria (24/04/2015)
  • Instituto Politécnico de Beja (10/07/2015)
  • Instituto Politécnico do Porto (26/08/2015)
  • Instituto Politécnico de Portalegre (08/10/2015)
  • Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (09/11/2015)
  • Instituto Politécnico de Coimbra (24/11/2015)
  • Universidade de Aveiro (25/11/2015)
  • Instituto Politécnico de Guarda (26/11/2015)
  • Universidade de Lisboa (27/11/2015)
  • Universidade do Porto (09/03/2016)
  • Universidade da Madeira (14/03/2016)
  • Instituto Politécnico de Viseu (15/07/2016)
  • Instituto Politécnico de Santarém (15/07/2016)
  • Universidade dos Açores (04/08/2016)
  • Universidade da Beira Interior (20/09/2016)
  • Universidade do Minho (24/10/2016)
  • Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (24/03/2017)
  • Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (05/04/2017)
  • Instituto Politécnico de Setúbal (05/04/2017)
  • Instituto Politécnico de Bragança (06/04/2017)
  • Instituto Politécnico de Castelo Branco (22/05/2017)
  • Universidade Lusófona do Porto (25/05/2017)
  • Universidade Portucalense (26/07/2017)
  • Instituto Universitário da Maia (26/07/2017)
  • Instituto Politécnico da Maia (06/10/2017)
  • Universidade Católica Portuguesa (22/01/2018)
  • Universidade Fernando Pessoa (26/02/2018)
  • Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida (27/04/2018)
  • Instituto Leonardo da Vinci (27/04/2018)
  • Escola Superior de Saúde do Alcoitão (23/05/2018)
  • Universidade Lusíada (23/05/2018)
  • Universidade Lusíada-Norte (23/05/2018)
  • Escola Superior de Enfermagem de Coimbra- ESEnfC (21/09/2018)
  • Escola Superior Artística do Porto – ESAP (29/10/2018)
  • Universidade Europeia (20/12/2018)

Fonte: Portal Inep