Faltam:
para o ENEM

Período Helenístico – Aula de História Enem sobre a Grécia antiga.

Nesta aula de História Enem, entenda como o rei Felipe II, após conquistar a Grécia, expandiu a cultura helenística por todo o Mundo Antigo conhecido. É o ciclo do Período Helenístico. Confira abaixo.

Revisão de História Enem sobre o Período Helenístico. Confira.

É uma história antiga que tem tudo a ver com a formação da cultura Ocidental, onde o Brasil está inserido. O Período Helenístico está marcado por guerras e conquistas que levaram à novas culturas pela convivência (nada pacífica) entre diversos povos. Esse período também é conhecido como macedônico ou macedônio. Na linha do tempo imagine os anos de 323 antes de Cristo a até 146 antes de Cristo. Foram, portanto, 177 anos de muitas guerras de mudanças.

Felipe II foi o rei macedônio que conquistou os gregos após a batalha de Queroneia, tentando assim ser o primeiro a unificar todoas as cidades-Estado gregas em um único reino.  O filho de Felipe II, Alexandre, foi educado pelo filósofo grego Aristóteles, o que criou nele uma mentalidade tipicamente grega. Alexandre expandiu ainda mais o império de seu pai chegando até às margens do rio Indo.

Fundou diversas cidades, que chamou de Alexandria, inclusive a Alexandria do Egito. Alexandre morreu cedo, acometido por uma febre, e pouco restou de seu império, que foi dividido entre seus generais por não possuir herdeiros com idade para assumi-lo.

aula2_fig1.tif

Mapa dos territórios conquistados por Alexandre Magno

Dica 1 – Estude as civilizações do Oriente Antigo e revise tudo sobre os Fenícios, os Hebreus, os Persas, os Indianos e os Chineses em mais uma aula de História Enem – https://blogdoenem.com.br/povos-oriente-historia-enem/

Mas a cultura helenística, resultado da fusão da cultura grega com a oriental, sobreviveu e foi herdada mais tarde pelos romanos, quando conquistaram a Grécia e a Macedônia.

aula2_fig2.tif

Mural encontrado em uma casa de Pompeia sobre a batalha entre Alexandre Magno e Dario III

Dica 2 – Preparado para a prova de História do Enem? Nesta aula vamos revisar as ações do Governo Militar Autoritário e o processo de Redemocratização. – https://blogdoenem.com.br/governo-militar-redemocratizacao-historia-enem/

O que é preciso saber sobre o período Helenístico: Alexandre, filho de Felipe II, educado por Aristóteles, expandiu o império, criou a cultura helenística, fundou Alexandria.

Saiba mais sobre o Período Helenístico nesta aula do canal gratis videoaulas, disponível no Youtube. Após assistir, revise o que você aprendeu respondendo aos nossos desafios!

Desafios para você resolver e compartilhar as soluções

Questão 1

Como característica do helenismo, podemos assinalar corretamente:

a) a propagação da cultura grega durante o “período de ouro”, século V a.C.
b) a incorporação da cultura grega pelos romanos, apesar da conquista da Grécia e da escravização dos gregos.
c) a expansão da cultura grega pelo ocidente europeu após as conquistas de Alexandre, o Grande.
d) a fusão da cultura grega com a cultura oriental, favorecendo o progresso, ao mesmo tempo, das ciências exatas e do misticismo.
e) a cultura oriunda dos fenícios.

Questão 2

Assinale a alternativa correta sobre os macedônios.

a) Eram um povo basicamente agrícola.
b) Tinham desenvolvido uma forte burguesia comercial marítima.
c) Eram vizinhos do norte da Grécia.
d) Tinham uma religião dualista.
e) Eram divididos em cidades-Estado, que se uniram aos romanos.

Dica 3 – Para você entender um dos principais períodos da história do Brasil, acompanhe esta aula de História Enem que traz tudo sobre a Era Vargas e o Estado Novo – https://blogdoenem.com.br/era-vargas-historia-enem/

Questão 3

Sobre Alexandre, o Grande; é certo dizer que:

a) Era um aproveitador de impérios decadentes, daí sua fama.
b) Veio de uma classe social baixa, por isso era adorado pelo povo.
c) Foi um grande conquistador, derrotando o império persa, entre outros.
d) Dividiu o império grego em ocidental e oriental.
e) Era um pacifista contrário à existência de um exército.

Questão 4

(PUC-RS 06) INSTRUÇÃO: Para responder à questão, relacione os períodos históricos da civilização grega (coluna A) a suas respectivas características essenciais (coluna B).

Coluna A

1. Período Homérico

2. Período Arcaico

3. Período Clássico

4. Período Helenístico

Coluna B

( ) Consolidação das estruturas fundamentais da “polis”, a mais célebre das instituições gregas. O período é marcado pela expansão territorial e pela intensificação do comércio entre as cidades.

( ) Dissolução da comunidade gentilícia conhecida como “genos”, com a formação das cidades-estado. Grande parte do conhecimento sobre o período deve-se às informações fornecidas pelos poemas Ilíada e Odisséia.

( ) Difusão da cultura grega no Oriente, a partir das campanhas militares de Alexandre Magno, levando à fusão do racionalismo grego com o misticismo oriental. Ocorreu, no período, a progressiva ruptura na identificação do cidadão com sua “polis” de origem.

( ) Formação da Confederação de Delos, que consolidava a hegemonia comercial e política de Atenas. Verificou-se, neste período, o máximo desenvolvimento da filosofia, da poesia, das ciências e das artes.

A numeração correta na coluna B, de cima para baixo, é

a) 2 – 1 – 4 – 3
b) 1 – 2 – 3 – 4
c) 3 – 2 – 4 – 1
d) 4 – 3 – 1 – 2
e) 3 – 4 – 2 – 1

Questão 5

(UFPR 06) “O exército persa era bem visível. Mesmo assim, Alexandre avançou, em formação, com passo firme, evitando um avanço muito rápido que pudesse afetar a linha de ataque, deixando flancos em aberto. (…) Alexandre à frente de suas tropas, no flanco direito, correu, colocando toda a atenção na velocidade de ataque”.

“A cavalaria persa, diante dos tessálios de Alexandre, iniciada a batalha, decide atacar violentamente os tessálios. A cavalaria atacava com grande furor e os persas foram superados quando souberam que os mercenários gregos estavam sendo destroçados pela infantaria macedônica e que o próprio Dario estava em debandada. Este foi o sinal para a fuga generalizada e aberta. Os cavalos com equipamento pesado sofreram particularmente e os milhares de homens que fugiam em pânico, desordenados, buscando a fuga nas trilhas e nas elevações locais, morreram pela ação do inimigo (…)”. (ARRIANO, “A Batalha de Íssus”. 2, p. 10-11.)

Os trechos apresentados são dois momentos distintos da narrativa de Arriano sobre a Batalha de Íssus, em que Alexandre, o Grande venceu o general persa Dario em 333 a.C. A partir desses relatos de Arriano, é correto afirmar:

a) As guerras na Antigüidade exigiam pouca participação pessoal dos comandantes nos combates travados, como se evidencia nos relatos de Arriano.
b) No texto de Arriano, há uma valorização da figura de Alexandre perante a de Dario, para reforçar as virtudes morais e militares do general macedônico.
c) Arriano desconhecia as estratégia e práticas de guerra da época de Alexandre, elaborando apenas uma ficção a respeito das batalhas.
d) Essa vitória sobre Dario teve pouca repercussão nas conquistas do jovem Alexandre.
e) Na Antiguidade, as guerras não desempenhavam papel significativo nas relações políticas.

 

Você consegue resolver estes exercícios? Então resolva e coloque um comentário no post, logo abaixo, explicando o seu raciocínio e apontando a alternativa correta para cada questão. Quem compartilha a resolução de um exercício ganha em dobro: ensina e aprende ao mesmo tempo. Ensinar é uma das melhores formas de aprender!