Como é a prova de redação do Encceja? 

Você tem receio de não saber como escrever a redação do Encceja? Confira um guia com todos os detalhes sobre esta parte da prova e, ainda, um curso gratuito para aprender a elaborar o texto dissertativo-argumentativo do zero.

A redação do Encceja é reconhecida como uma das etapas mais importantes da avaliação, visto que é responsável por uma parcela significativa da pontuação total. 

Embora possa ser um caminho para o sucesso, o texto também pode se tornar um obstáculo decisivo para aqueles que desconhecem seus aspectos e requisitos essenciais.

Por isso, hoje preparamos um guia prático para que você possa entender tudo o que é necessário para chegar à nota máxima nessa etapa da prova. Vamos começar?

Leia também: Como estudar para a prova do Encceja 2024?

Cronograma completo do Encceja 2024

  • Justificativa de ausência no Encceja 2023
    Período de justificativa: 25/03 a 05/04/2024
    Resultado: 15/04/2024
    Recurso: 15 a 19/04/2024
    Resultado do recurso: 23/04/2024
  • Inscrições: 29/04 a 10/05/2024
  • Ressarcimento: 29/04 a 10/05/2024
  • Atendimento Especializado e Tratamento pelo Nome Social
    Solicitação: 29/04 a 10/05/2024
    Resultado: 17/05/2024
    Recurso: 20 a 24/04/2024
    Resultado do recurso: 29/05/2024
  • Aplicação: 25/08/2024
  • Gabaritos: até o 10º dia útil após a aplicação
  • Resultado: 23/12/2024

Leia tambémGuia completo do Encceja: da inscrição à solicitação do certificado

Como é a redação do Encceja?

A redação do Encceja segue o gênero textual dissertativo-argumentativo sobre um tema contemporâneo de relevância social, cultural, política ou científica, e os candidatos devem apresentar um ponto de vista por meio de argumentos. 

O formato segue as diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC) e é composto por uma proposta que apresenta o tema a ser abordado, seguido por instruções específicas sobre como desenvolver o texto. 

Essa proposta de redação inclui um texto motivador que serve como ponto de partida para reflexão e argumentação.

Os candidatos devem elaborar um texto estruturado, com introdução, desenvolvimento e conclusão, apresentando argumentos consistentes que sustentem sua posição em relação ao tema proposto. 

Além disso, é fundamental que o texto apresente coesão e coerência, respeitando as normas da língua portuguesa.

Regras da redação do Encceja

O texto dissertativo-argumentativo cobrado no Encceja apresenta algumas regras. Veja quais são:

  • Ter, no mínimo, 5 linhas escritas;
  • Ser escrito em Língua Portuguesa;
  • Apresentar letra legível;
  • Abordar o tema proposto; e
  • Ser dissertativo-argumentativo.

Para não zerar a redação, o candidato não pode:

  • Copiar os textos motivadores da proposta de redação ou das questões da prova;
  • Escrever um texto que não seja dissertativo-argumentativo;
  • Não abordar o tema proposto;
  • Escrever menos de cinco linhas de texto legível; 
  • Escrever em outro idioma sem ser língua portuguesa;
  • Escrever apenas na folha de rascunho;
  • Escrever ofensas, palavrões ou zombarias
  • Desenhar, fazer cálculos ou escrever bilhetes ou textos sobre um assunto diferente.

Competências da redação do Encceja

Para entender melhor como é a prova de redação do Encceja, é preciso conhecer os critérios usados para a correção. Tanto a prova do Ensino Fundamental como a do Médio, tem quatro competências:

  1. Competência 1: Demonstrar domínio da norma-padrão da língua portuguesa escrita;
  2. Competência 2: Elaborar um texto dissertativo-argumentativo dentro do tema proposto, aplicando conceitos das várias áreas do conhecimento para desenvolvê-lo;
  3. Competência 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  4. Competência 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;

Na prova do Ensino Médio, ainda há uma quinta competência: elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos. 

A orientação fornecida pela cartilha de redação do Encceja enfatiza a importância dos direitos humanos, fundamentados em diversos documentos internacionais e na Constituição da República Federativa do Brasil. 

Estes princípios, delineados nas Diretrizes para a Educação em Direitos Humanos, na Declaração Universal dos Direitos Humanos, na Carta da ONU e na Declaração de Durban, ressaltam a necessidade de garantir direitos básicos, como liberdade, igualdade, justiça e respeito à diversidade, a todas as pessoas, sem exceção.

A compreensão e respeito por tais direitos são fundamentais para os participantes do exame, uma vez que qualquer violação desses princípios na elaboração da proposta de redação pode resultar na atribuição de uma pontuação zero na Competência 5 da avaliação. 

Leia também: 9 motivos que podem zerar a redação do Encceja

Temas que já caíram na redação do Encceja

Conheça as temáticas que já caíram no Encceja nos últimos anos.

Ensino Médio

2023: Ações para cuidar da saúde mental do trabalhador

2022: Desafios da indústria da moda para a preservação do meio ambiente

2020: Combate ao abuso sexual contra crianças e adolescentes no Brasil

2019: A organização do tempo e o acesso às redes sociais

2018: Os riscos do trabalho noturno para a saúde do trabalhador

2017: A questão da adoção de crianças e adolescentes no Brasil

Ensino Fundamental

2023:A importância do respeito às religiões de matrizes africanas

2022: O papel da tradição oral na preservação da cultura no Brasil

2020: Abandono afetivo do idoso no Brasil

2019: Novas formas de consumo consciente

2018: Possibilidades de uma alimentação segura para a população brasileira

2017: A importância da vacinação para a saúde pública

Qual é a diferença entre a redação do Ensino Médio e do Ensino Fundamental

Embora as redações do Ensino Médio e do Ensino Fundamental possuam uma estrutura semelhante, há algumas distinções importantes entre elas. 

No caso do Ensino Médio, além das competências avaliadas no Ensino Fundamental, os candidatos também são avaliados na competência cinco, que inclui a proposta de intervenção como parte integrante da redação.

Os participantes devem desenvolver uma proposta de intervenção para o problema abordado no texto. Para que essa proposta seja considerada completa, é necessário incluir cinco elementos essenciais: 

  • Agente: entidade ou grupo responsável por realizar a ação proposta na intervenção. Pode ser um órgão governamental, uma organização não governamental, a sociedade civil, instituições de ensino, entre outros.
  • Ação: atividade específica que será realizada pelo agente para solucionar ou mitigar o problema abordado na redação. Essa ação deve ser claramente definida e viável.
  • Meio: recursos, instrumentos ou estratégias que serão utilizados para executar a ação proposta, como recursos financeiros, humanos, materiais, tecnológicos, entre outros.
  • Finalidade: objetivo ou resultado esperado da intervenção. É importante especificar qual será o impacto ou benefício da ação proposta para a solução do problema.
  • Detalhamento das ações a serem tomadas: descrição detalhada de como a ação proposta será implementada. Isso inclui etapas, cronograma, responsabilidades, parcerias necessárias, entre outros aspectos operacionais. Quanto mais detalhado for esse planejamento, mais clara será a compreensão da viabilidade e eficácia da proposta de intervenção.

Estrutura da redação do Encceja

A estrutura da redação no Encceja é fundamental para garantir a clareza e a coesão do texto, possibilitando uma comunicação eficaz das ideias do candidato. A redação geralmente é organizada em três partes distintas: introdução, desenvolvimento e conclusão, como veremos a seguir.

Introdução

A introdução estabelece o tom e o direcionamento do texto. Aqui, o candidato deve apresentar sua tese de maneira clara e objetiva, e contextualizá-la dentro de um repertório cultural relevante. 

Por exemplo, ao discorrer sobre o tema da preservação ambiental, o candidato pode iniciar sua introdução com uma citação de um autor renomado sobre o assunto ou mencionar um evento recente que evidencie a urgência da questão ambiental. 

Além disso, é fundamental que a introdução apresente uma visão geral do que será discutido no desenvolvimento do texto, fornecendo uma espécie de mapa para o leitor entender o caminho que será percorrido na argumentação. 

Desenvolvimento

O desenvolvimento da redação é a parte em que o candidato tem a oportunidade de aprofundar sua tese e argumentar de forma consistente e persuasiva. 

Nesta etapa, é importante estruturar o texto de maneira lógica e organizada, utilizando tópicos frasais para introduzir cada novo argumento. 

Se o tema da redação trata da importância da educação na sociedade, o candidato pode começar um parágrafo do desenvolvimento com a frase: “Um dos principais benefícios da educação é…”, seguida por argumentos e exemplos que sustentem essa afirmação. 

É preciso ainda enriquecer a argumentação com repertório sociocultural, como referências a obras literárias, filmes, eventos históricos ou estudos acadêmicos relevantes, como forma de fortalecer os argumentos apresentados e demonstrar conhecimento sobre o tema em discussão.

Conclusão

A conclusão da redação no Encceja é o momento de fechar o texto de forma coesa e impactante, apresentando possíveis soluções ou reflexões sobre a problemática discutida. 

Aqui, os candidatos que realizam a prova do Ensino Médio são desafiados a propor intervenções práticas que contribuam para a resolução do problema abordado. 

Por exemplo, se o tema da redação tratou da desigualdade de gênero, o candidato pode concluir sua redação sugerindo a implementação de políticas públicas de empoderamento feminino, como a promoção da igualdade salarial e o incentivo à participação das mulheres em cargos de liderança. 

É importante detalhar essas propostas de intervenção, indicando o agente responsável por sua execução, as ações a serem realizadas, os meios necessários e os objetivos almejados. 

Curso de Redação Encceja Começando do Zero

Que tal aprimorar as suas habilidades de escrita até a data da prova? O Curso do Encceja Gratuito, além de oferecer aulas de todas as disciplinas cobradas, tanto para o Ensino Médio quanto para o Fundamental, ainda conta com um curso completo de redação. 

O Curso de Redação Encceja Começando do Zero vai te guiar com um passo a passo detalhado e simplificado para que você possa entender como estruturar o texto dissertativo-argumentativo completo, respeitando os critérios que garantem uma boa nota.

Ao acessar o curso Redação Encceja Começando do Zero, você vai encontrar a seguinte trilha de aprendizado:

Faça a sua inscrição agora mesmo!

Melina Zanotto

Melina Zanotto é Jornalista, formada pela Universidade de Caxias do Sul em 2007. De lá para cá, sempre atuou com conteúdo digital em seus mais diversos formatos. Hoje, é redatora da Rede Enem, produzindo textos para o Blog do Enem e Curso Enem Gratuito.
Categorias: Encceja, Redação Encceja
Encontrou algum erro? Avise-nos para que possamos corrigir.

Enccejagapixel

Enccejagapixel