Faltam:
para o ENEM

Diluição de soluções químicas – Revisão vestibular e Enem

Você já observou a embalagem de alguns produtos de limpeza, que orienta que eles sejam diluídos antes de sua utilização? Isso é explicado através de um assunto de química que é a diluição.

Vamos relembrar?

A diluição de soluções ocorre quando acrescentamos solvente (geralmente a água) a alguma solução, com isso o volume da solução aumenta e sua concentração diminui, porém a massa do soluto permanece inalterada.

Isso é feito, por exemplo, quando diluímos um produto de limpeza antes de usá-lo.

Dica 1 – O que mais cai em Química nos Vestibulares e no Enem? As melhores dicas!

Química - Diluição de soluções químicas

A concentração da solução inicial e final pode ser calculada a partir das expressões:

  • Para a concentração inicial: C1 = m1 / V1
  • Para a concentração final: C2 = m1 / V2

Como a massa m1 continua constante, podemos chegar à fórmula:

C1.V1 = C2.V2

Preste atenção!!

Não confunda diluição com dissolução. Quando estamos fazendo um suco e adicionamos o soluto (refresco em pó, por exemplo) ao solvente (água), está ocorrendo uma dissolução. Mas quando acrescentamos mais água a uma solução de água com refresco em pó, temos uma diluição.

Saiba um pouco mais sobre diluição de soluções assistindo a videoaula do Descomplica com o professor Marcelo Cruz. Não deixe de conferir!

Dica 2– Complemente seus estudos acessando o nosso Blog do Enem e conferindo um super-resumo preparado especialmente para você sobre as reações de Neutralização. Não deixe de estudar!

Entendeu? Que tal um exemplo sobre diluição de soluções químicas para mandar bem nos próximos vestibulares e provas do Enem? Fique com a gente!

Imagine que se diluiu um suco desses em 3 L de água. Se a concentração inicial do suco era de 40g/L, significa que tinha uma massa de 40 g para cada litro do solvente. Mas como teremos 3 L, a massa será dividida por 3 e a concentração será então de aproximadamente 13, 33 g/L, ou 13 gramas para cada litro de solução. Porém, na solução inteira ainda permanece a massa do soluto de 40g.

O cálculo dessa nova concentração pode ser feito da seguinte maneira:

Solução inicial:
Ci: 40g/L
m1: 40g
vi: 1L

Solução final:
Cf: ?
m1: 40g
vf: 3L

Ci . vi   = Cf . vf
(40 g/L) . (1 L) = Cf . 3L
Cf = 40 g /L

Dividindo por 3 temos:

Cf = 13,33 g/L

Dica 3 – Fique atento as dicas aqui no nosso Blog.  Você já fez sua inscrição para o Enem? Inscrições Abertas Enem 2014: O que precisa? O que cai na prova? Saiba tudo! https://blogdoenem.com.br/inscricoes-enem-2014-saiba-tudo/

Quer ver mais explicações? Então confira um exemplo que o Biolugia preparou para você através de uma videoaula muito interessante e gabarite as questões de química do Enem e de outros vestibulares do Brasil.

Depois dessa videoaula, você já deve estar sabendo tudo desse assunto não é? Vamos testar?

O Blog do Enem lança um desafio para você sobre diluição, vamos lá? Pode fazer a diferença na hora de resolver as provas do Enem e dos vestibulares!

A 200 mL de solução aquosa de ácido sulfúrico (H2SO4) 1,0 mol/L, será adicionada água até que o volume final da solução seja 500 mL. Qual deverá ser a concentração, em quantidade de matéria (mol/L), de ácido sulfúrico na solução final?

Resposta: 0,4 mol/L

Dica 4 – Relembre outros assuntos de química acessando o nosso blog www.blogdoenem.com.br e gabarite as questões de química nas provas dos vestibulares e do Enem.
Munique Química e Matemática
Os textos e exemplos de apresentação desta aula foram preparados pela professora Munique Dias para o Blog do Enem. Munique é formada em química pela UFSC, tem mestrado e atualmente cursa o doutorado em Engenharia. Química, também pela UFSC. Facebook: https://www.facebook.com/MuniqueDias .