Faltam:
para o ENEM

Ciência da Computação – curso de graduação, carreira e o mercado

Já pensou em fazer Ciência da Computação? Saiba tudo sobre o curso, a carreira e o mercado de trabalho no Blog do Enem!

A informação é uma ferramenta poderosa para quem está tentando escolher uma profissão. Saber se o curso tem mais matérias de exatas ou humanas, práticas ou teóricas, se o mercado de trabalho está aquecido para determinada profissão, quanto é o salário inicial, entre outros fatores pode ajudar o estudante a encontrar uma carreira com a qual se identifica. Por isso, o blog do Enem preparou uma série de posts sobre profissões, para você conhecer um pouco mais sobre o curso, a carreira e o mercado daquelas que te interessam e de outras que você ainda não conhecia, mas podem ser uma boa escolha! E o post de hoje é sobre a graduação em Ciência da Computação! Está pensando em escolher esse curso? Então leia atentamente esse post e descubra se essa é mesmo a escolha ideal para você.

O que é a Ciência da Computação

Ciência da Computação é o conjunto de técnicas e conhecimentos exigidos  para a criação de programas de informática. O profissional graduado em Ciência da Computação se baseia na necessidade dos usuários para criar programas e aplicativos, gerencia equipes de criação, e instala sistemas de computação. Criação de softwares também são sua responsabilidade, desde programas mais básicos até os mais complexos sistemas de processamento de informações.

Mas trabalhar com criação não é a única alternativa possível para esse profissional. Oferecer assistência aos usuários, manter rede de computadores funcionando e assegurar conexões com a internet fazem parte do seu trabalho. Em indústrias e institutos de pesquisa, quem é graduado em Ciência da Computação implanta bancos de dados e instala sistemas de segurança para as operações de compra e venda pela rede.

O curso de graduação em Ciência da Computação forma profissionais capacitados para atuar desde o desenvolvimento de algoritmos até a criação e administração de um software. Simplificando, o cientista da computação é um criador de softwares (conjunto de produtos que inclui os programas para computadores e manuais, especificações, etc.).  Trabalhando em equipe com o engenheiro da computação e com o bacharel em sistemas de informação ou análise de sistemas, esse profissional promove a migração de métodos manuais de trabalho para a informatização e a automação.

 Perfil do profissional

Optar por cursar Ciência da Computação deve ser uma atitude tomada com base em fatores que não sejam apenas a afinidade com jogos, MP3 ou computadores. “A formação básica é composta essencialmente por lógica e matemática pura. É preciso ter habilidade com as Ciências Exatas. Se o candidato não souber entender uma regra de três, por exemplo, ele não vai conseguir levar o curso”, disse a professora Renata Pontin de Mattos Fortes, coordenadora do curso de Ciências da Computação da Universidade de São Paulo (USP), ouvida pelo G1.

Por isso, muitos alunos se decepcionam com o curso quando se deparam com os dois primeiros anos de graduação cheios de números e cálculos, quando esperavam já desenvolver jogos e programas para computadores. Não seja um deles!

MERCADO DE TRABALHO

Assim como todas as outras carreiras em Tecnologia da Informação (TI), o mercado de trabalho  está extremamente favorável para profissionais formados em Ciência da Computação. O bacharel é contratado para atuar no desenvolvimento de aplicativos para web, softwares e jogos. Pode, também, se dedicar à análise de problemas e soluções à informatização de folhas de pagamento ou, ainda, trabalhar em pesquisa genética. Incentivos dados pelo governo federal ao setor ajudam a aquecer o mercado para esse profissional, diz Jussara Marques de Almeida, coordenadora do curso na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), ouvida pelo Guia do Estudante.

Como todas as atividades relacionadas à web oferecem subsídio as outras áreas de TI, o cientista da computação é um profissional muito requisitado. O desenvolvimento de aplicativos para smartphones é uma das áreas recentes que emprega muitos graduados em Ciência da Computação.

As melhores oportunidades para esse profissional estão na Região Sudeste, onde estão também a maioria das oportunidades. Porém, a Região Sul e em Recife também são locais com um bom mercado.

SALÁRIO INICIAL: entre R$ 2.000,00 e R$ 3.000,00 – Fonte: prof. Maurício Nacib Pontuschka, da PUC-SP.

Dica 1 – Veja aqui 11 profissões em alta na área de Tecnologia da Informação. Salários de R$ 1.300,00 a R$ 17.000,00:

O curso de graduação em Ciência da Computação

A graduação em Ciência da Computação, com duração de quatro anos, exige facilidade para raciocínios abstratos e para envolvimento com verdadeiras maratonas de cálculos. As disciplinas básicas incluem matemática, eletricidade e fundamentos da computação. Fique preparado para atuar com atividades que buscam o aprimoramento da capacidade de expressão. Entre as optativas estão princípios de interação homem-computador e informação, comunicação e a sociedade do conhecimento. A maioria dos cursos inclui disciplinas de administração e empreendedorismo. Na conclusão, exige-se uma monografia.

Os dois primeiros anos do curso de Ciência da Computação possuem muitas disciplinas que envolvem matemática, cálculos, geometria, álgebra e lógica. Só depois do terceiro ano é que os futuros cientistas da computação terão contato com as disciplinas mais específicas do curso, que inclui formulação de projetos, linguagem de programação, engenharia de software, banco de dados, inteligência artificial, arquitetura de computadores, multimídia, computação gráfica, rede e sistemas, etc.

computação

E depois da faculdade?

O Guia do Estudante preparou uma lista com as opções de caminhos que o estudante de Ciência da Computação pode seguir depois de formado. Confira a lista abaixo e veja se algum desses caminhos combina com os objetivos de vida que você tem:

Banco de Dados

Criar programas de computador que organizem, classifiquem, façam a indexação e permitam acesso à informação.

Desenvolvimento de Softwares e Aplicativos

Elaborar programas e jogos de computador, adaptando-os às necessidades do cliente.

Marketing e Vendas

Divulgar e vender software e hardware. Analisar e planejar novos produtos que atendam às necessidades dos usuários.

Suporte

Assessorar usuários na compra de equipamentos e programas. Dar manutenção a sistemas e redes de computadores.

Dica 2 – Fazer um curso superior ajuda a mudar a sua história de vida. Veja como cresce o salário a cada nível de ensino concluído. Quem termina faculdade ganha 144% a mais do que os colegas que param no Ensino Médio:

ONDE ESTUDAR? (CURSOS QUE FORAM CLASSIFICADOS COMO 5 ESTRELAS PELO GUIA DO ESTUDANTE)

– Universidade Federal da Bahia (UFBA) – Salvador,  BA

– Universidade Federal de Goiás (UFG) – Goiânia, GO

– Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Belo Horizonte, MG

– Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) – Campina Grande, PB

– Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) – Recife, PE

– Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Rio de Janeiro, RJ

– Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Porto Alegre, RS

– Universidade de Campinas (Unicamp) – Campinas, SP

– Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – São Carlos, SP

– Universidade de São Paulo (USP) – São Paulo, USP

E aí, preparado para o curso de Ciência da Computação? Ainda não é esse o seu curso? Então, clique aqui e conheça nosso Guia de Profissões. Existem mais de 100, um deve ser o seu!