8 coisas que estão prejudicando meus estudos – Veja como sair dessa!

Você pode estar na mesma situação de muitos alunos que sofrem durante a experiência de aprendizagem por não conseguir aproveitá-la da melhor maneira. Se você se encaixa nessa situação, veja abaixo como se livrar das oito coisas que mais atrapalham seus estudos. Confira.

1 – Aparelhos eletrônicos

distrações nos estudosOs aparelhos eletrônicos definitivamente merecem o topo dessa lista, principalmente os que têm acesso à internet e propiciam a instalação de aplicativos. A tecnologia pode ajudar bastante nos seus estudos e é muito útil em vários momentos. Mas é preciso dosar o quanto e quando utilizamos nossos aparelhos.

Na sala de aula, por exemplo, é aconselhável que sejam desligados smartphones, tablets e notebooks, principalmente quando o professor estiver explicando a matéria. Caso queira pesquisar algo na internet, anote em um pedaço de papel para que isso seja feito em um momento mais propício. Há escolas que usam os equipamentos durante a aula. Mas, se não é este o caso, off total é a melhor dica!

2 – Conversas em sala de aula

ds-2-psychology-pMuitos alunos pecam nesse sentido e não sabem o quanto são prejudicados. A conversa dentro de sala de aula é adequada e aconselhada quando o professor solicita que um trabalho seja feito com o colega ou quando ele pergunta se existem dúvidas sobre o que foi explicado. Fora isso, ela tira a atenção e dispersa, sem deixar que a mente volte e se concentre no que está sendo dito.

E não adianta chegar no Enem com a conversa em dia e sem saber os conteúdos. Não vale nota na prova o papo furado em sala de aula. Lembre-se de que o momento com o professor é único e precioso. Nosso colega de sala de aula está conosco nos intervalos, nas redes sociais e em outros ambientes. Então, aproveite ao máximo o fato de estar em sala de aula.

compartilhe

3 – Carteira com muitas distrações

Já reparou que ao sentar na cadeira para ouvir o professor, até o barulho de moto que passa fora da escola parece ser mais interessante? Isso acontece por nossa falta de disciplina e concentração. E para reforçar isso, ainda temos em nossa mesa mil acessórios que não servirão durante a aula. A dica é: deixe na mesa apenas um lápis, um caderno e uma borracha.

4 – Má alimentação

Muitos pensam que uma coisa não tem nada a ver com a outra. Porém, nossa alimentação está totalmente ligada à forma como nosso corpo reage ao que nos é passado e como ele está preparado para se concentrar em uma tarefa. Tente fazer experimentos próprios, fazendo lanches antes e depois da aula. Você verá que sua mente terá reações diferentes.

O aconselhável é que as refeições sejam feitas nos horários adequados, sem muitos exageros para não gerar desconforto. Assim, você estará apto para receber novas informações e processá-las da melhor forma.

Dica do Blog – Veja exemplos de Redação Enem nota 1000 – Leia os textos e perceba que nem é tão difícil assim chegar à nota máxima: https://blogdoenem.com.br/redacao_enem_nota_1000/

5 – Falta de estudos fora de sala de aula

O aprendizado deve ser estendido para além da sala de aula. Amplie seus conhecimentos e experiências estudando na sua casa, em uma biblioteca, parque, praças ou onde você se sentir mais à vontade. O importante é saber que quanto mais você procura conhecimentos, mais atualizado e apto para o mercado de trabalho você está.

6 – Vergonha de expor dúvidas

Para algumas pessoas é muito difícil tirar uma dúvida com o professor. Muitos alunos são tímidos e não conseguem se expor em uma sala de aula lotada de pessoas. Para solucionar este problema, é simples: enquanto o professor estiver explicando a matéria em sala de aula, anote suas dúvidas e, ao final da aula, pergunte a ele se tem um tempinho para esclarecer algumas coisas.

Pode ter certeza de que o professor ficará feliz em poder ajudar. Outra coisa que pode ser feita é tirar suas dúvidas na internet, mas tenha cuidado e use sites confiáveis para a sua pesquisa.

7 – Falta de leitura

Muitos alunos não param para ler livros e perdem oportunidades incríveis de acumular conhecimentos. Livros ajudam a trabalhar aspectos cognitivos como memória e imaginação, que são muito importantes para a vida. Coloque como meta ler pelo menos quatro livros durante um ano, um por trimestre. Acredite, livros nunca serão objetos obsoletos!

8 – Falta de concentração

A falta de concentração acontece por vários fatores, muitos deles citados acima. Mas temos que ter em mente que o momento do estudo é sagrado e que deve ser aproveitado em sua totalidade. Esvaziar a mente antes de pegar um livro, caderno ou entrar em sala de aula é um grande exercício que deve ser realizado todos os dias.
Identificou alguns desses oito aspectos em você? Se sim, cuide da sua concentração e aproveite de forma mais satisfatória os seus estudos. Com já cantou o Cazuza, ‘o temo não para’.

estudantes-fazendo-prova-p

Dica do Blog – Notas de Corte no Sisu e no Prouni – Veja quantos pontos você precisa para entrar no curso dos seus sonhos: https://blogdoenem.com.br/notas-corte-universidades/

 

Post escrito por Mariana Oliveira. Formada pelo curso técnico de Design Gráfico pela instituição do SENAI-MG e é graduada na Faculdade Tecnológica de Produção Multimídia pela universidade da PUC-Minas. Atualmente, escreve textos voltados para a área de publicidade e comunicação em geral.
Twitter: @marioliveirain — Facebook: /marianaoliveirai