Exercícios sobre radioatividade

Avalie seus conhecimentos de Química com a lista de exercícios sobre radioatividade. Antes de resolver as questões, confira um resumo sobre o assunto!

A radioatividade é um fenômeno nuclear, onde átomos instáveis precisam se transformar em átomos estáveis. Confira nosso resumo e resolva os 10 exercícios sobre radioatividade que selecionamos para você!

Resumo sobre radioatividade

A radioatividade ocorre quando um átomo tem seu núcleo muito energético. Ele tende a se estabilizar, emitindo o excesso de energia na forma de partículas e ondas. Quando ocorre a desintegração, os núcleos liberam radiação em forma de partículas alfa (α), beta (β) e raios gama (γ).

A partícula alfa é uma emissão característica de núcleos muito pesados. Partículas positivas desintegram do seu núcleo 2 prótons e 2 nêutrons. A radioatividade alfa pode ser impedida por uma folha de papel. Além disso, é carregada positivamente e representada por:

Partícula alfa - radioatividade

Exemplo de partícula alfa:

Exemplo de partícula alfa - Radioatividade

A partícula beta é uma emissão característica de núcleos com excesso de nêutrons em relação aos prótons. A sua radioatividade – superior à de alfa – pode penetrar uma folha de papel, mas não uma placa de metal. A partícula beta é carregada negativamente e representada por:

Partícula beta - Radioatividade

Exemplo de partícula beta:

Exemplo de partícula beta - Radioatividade

Os raios gama são emissões características de núcleos com muita energia. A sua forte capacidade de penetração faz com que a sua radioatividade passe tanto pelo papel como pelo metal. Os raios gama representados por:

Partícula gama - radiatividade

À medida que a radiação é emitida, o átomo se desintegra, o que resulta na sua transformação, pois é o número atômico que determina o elemento químico. O tempo que essa desintegração do elemento leva para reduzir a sua massa pela metade é chamado de meia vida ou período de semidesintegração.

O que é meia-vida

O tempo de meia-vida ou período de semidesintegração representa o tempo necessário para que a atividade de uma amostra radioativa se reduza à metade.

Depois do 1º período de meia-vida, apenas metade dos átomos radioativos originais permanecem radioativos. No 2º período, somente 1/4, e assim por diante. Alguns elementos possuem meia-vida de frações de segundos. Outros, de bilhões de anos.

Videoaula sobre radioatividade

Antes de partir para os exercícios sobre radioatividade, revise o conteúdo com o professor Sobis e aprenda a calcular o tempo de meia-vida!

Exercícios sobre radioatividade

Por fim, veja como este assunto cai em questões do Enem e de vestibulares:

.

Aplicações da radioatividade

Antes de encerrar seus estudos, confira com a professora Larissa como a radioatividade é aplicada em casos como datação por carbono 14, alimentação e produção de energia:

Ana Cristina Peron

Ana Cristina Peron é formada em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. É redatora do Curso Enem Gratuito e do Blog do Enem.
Categorias: Ciências da natureza, Química, Simulado Química, Simulados Enem
Encontrou algum erro? Avise-nos para que possamos corrigir.