Migrações – Geografia Enem

Vem com a gente revisar as migrações para gabaritar em Geografia no Enem e nos vestibulares!

Os seres humanos, desde a sua origem, se deslocam no espaço geográfico por diversos motivos: busca por recursos, fuga de conflitos, fuga de desastres ou simplesmente curiosidade. Com a delimitação dos diferentes países ao redor do mundo, estes movimentos passaram a ser monitorados e a migração humana hoje é um importante ponto de discussão entre as nações.

Você conhece os conceitos de migração? Não? Então se liga neste post de geografia para gabaritar as questões de ciência humanas do Enem e dos vestibulares!

O conceito de migração, imigração e emigração é comumente confundido, para falar sobre migrações é preciso saber que:

  • Migração: movimento de entrada ou saída de indivíduos em países diferentes ou dentro de um mesmo país (de um estado para o outro, de uma cidade para a outra etc).
  • Imigração: entrada de estrangeiros em um país; estabelecimento de indivíduos em cidade, estado ou região do seu próprio país, que não é de sua origem ou país que também não é de sua origem.
  • Emigração: saída espontânea de um país; movimentação de uma para outra região dentro de um mesmo país; sair de um país ou lugar onde se vive para viver em outro, provisória ou definitivamente.

Com frequência, a imprensa noticia a entrada ilegal de pessoas em países ricos, bem como a reação dos governos desses países no sentido de conter a imigração.

No mapa da figura a seguir é possível observar os principais fluxos migratórios mundiais ocorridos no século XXI.

Fonte: http://cartotheque.sciences-po.fr/media/Migrations_2013/238/

Segundo relatório das migrações do mundo , realizado em 2011, os meios de comunicação noticiaram com frequência o aumento da entrada ilegal de africanos na Europa, em decorrência da crise que abalou a África setentrional. No entanto, apenas uma pequena parte dos deslocados buscou refúgio na Europa; a maior parte deles migrou para países vizinhos, reforçando, assim, os fluxos intrarregionais. Esses dados constam que a migração dentro de uma mesma região é maior do que a migração entre regiões menos desenvolvidas para outras mais desenvolvidas. Mesmo assim, os conflitos mais intensos ocorrem quando migrantes de países pobres tentam cruzar as fronteiras de países ricos.

Dica 1: Você já ouviu falar de movimentos pendulares? Não? Então dá uma olhada neste outro post sobre migração do professor Léo.

O fluxo anual de migrantes no mundo ganhou força a partir dos anos 1980. As catástrofes naturais, a busca de oportunidade de emprego, as perseguições por motivos etnorreligiosos ou as guerras motivaram a emigração (saída) de um grande número de pessoas de diversos países. Entre 1950 e 1970, esses fluxos migratórios eram bem vindos, principalmente na Europa, em virtude dos esforços necessários para a reconstrução do continente após a Segunda Guerra Mundial. Os europeus necessitavam de mão de obra menos qualificada para atividades como a construção civil.

De acordo com relatório da ONU, apesar das persistências dos efeitos da crise econômica mundial que se instalou a partir de 2008, houve apenas uma ligeira retração no número de pessoas deslocadas para as regiões mais ricas do planeta. Os Estados Unidos, por exemplo, receberam certa de 1,150 mil imigrantes (em 2009) e esse número recuou somente para 1,142 mil (em 2010). A análise dos dados dos últimos cinco anos, as migrações ainda ocorrem deforma significativa no mundo. Em 2005, o total de imigrantes no mundo foi de 191 milhões, e em 2010, esse número saltou para 240 milhões. Porém, o número de migrantes internos foi muito mais acentuado, chegando a 740 milhões em 2010. Essa situação demonstra que 1 em cada 7 habitantes da população mundial é emigrante.

A imigração é responsável por um grande fluxo de recursos financeiros de países ricos para países pobres. As remessas de dinheiro de trabalhadores imigrantes para suas famílias, que continuam residindo em seus países de origem, são muito relevantes para as economias de países menos desenvolvidos. Só em 2010, as remessas enviadas para os países da América Latina foram de mais de 58 milhões de dólares.

Conseguiu compreender um pouco melhor sobre os processos de migrações? Revise o tema com este vídeo do Curso Enem Gratuito:

Dica 2: Se tiver um pouquinho mais de tempo, veja também o filme Dheepan (2015). Vencedor da Palma de Ouro em 2015, “Dheepan” (O Refúgio, no título brasileiro) é um longa francês protagonizado por um guerrilheiro do Sri Lanka (mesmo país de origem dos atores). Ao final da Guerra Civil no seu país, ele decide fugir ao lado de uma mulher e uma criança desconhecidas (na esperança de que isso facilite sua imigração) e se refugia em Paris. Lá, ele luta para encontrar trabalho e proteger sua nova “família”. O filme está disponível no Youtube:

Agora que você já sabe tudo sobre migração, que tal testar seus conhecimentos?

  1. (Enem 2011)As migrações transnacionais, intensificadas e generalizadas nas últimas décadas do século XX, expressam aspectos particularmente importantes da problemática racial, visto como dilema também mundial. Deslocam-se indivíduos, famílias e coletividades para lugares próximos e distantes, envolvendo mudanças mais ou menos drásticas nas condições de vida e trabalho, em padrões e valores socioculturais. Deslocam-se para sociedades semelhantes ou radicalmente distintas, algumas vezes compreendendo culturas ou mesmo civilizações totalmente diversas.

IANNI, O. A era do globalismo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1996.

A mobilidade populacional da segunda metade do século XX teve um papel importante na formação social e econômica de diversos estados nacionais. Uma razão para os movimentos migratórios nas últimas décadas e uma política migratória atual dos países desenvolvidos são

  1. a) a busca de oportunidades de trabalho e o aumento de barreiras contra a imigração.
  2. b) a necessidade de qualificação profissional e a abertura das fronteiras para os imigrantes.
  3. c) o desenvolvimento de projetos de pesquisa e o acautelamento dos bens dos imigrantes.
  4. d) a expansão da fronteira agrícola e a expulsão dos imigrantes qualificados.
  5. e) a fuga decorrente de conflitos políticos e o fortalecimento de políticas sociais.

2. (ENEM 2006) Tendências nas migrações internacionais

O relatório anual (2002) da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) revela transformações na origem dos fluxos migratórios. Observa-se aumento das migrações de chineses, filipinos, russos e ucranianos com destino aos países-membros da OCDE. Também foi registrado aumento de fluxos migratórios provenientes da América latina.

Trends in International migration – 2002. Internet: www.ocde.org (com adaptações).

No mapa seguinte, estão destacados, com a cor preta, os países que mais receberam esses fluxos migratórios em 2002.

As migrações citadas estão relacionadas, principalmente, à

  1. a) ameaça de terrorismo em países pertencentes à OCDE.
  2. b) política dos países mais ricos de incentivo à migração.
  3. c) perseguição religiosa em países muçulmanos.
  4. d) repressão política em países do Leste Europeu.
  5. e) busca de oportunidades de emprego.

Gabarito

  1. A

Resolução: A questão nos pede uma razão de migração, então a primeira parte de todas as alternativas estão corretas. Mas ela também pede uma política migratória dos países desenvolvidos. A abertura de fronteiras não é uma política observável hoje em dia, nesses países desenvolvidos, nem as políticas sociais para com eles. Contudo, embora em geral os imigrantes sejam indesejados, imigrantes altamente qualificados não o são (basta lembrar da intensa imigração de PHD’s para os Estados Unidos, por exemplo). Assim sendo, somente a alternativa “a” nos contempla com o que foi pedido na questão.

  1. E

Resolução: A questão nos coloca um mapa, que evidencia os países que mais receberam migrantes em 2002. Ao interpretarmos o mapa, vemos que são países com grande desenvolvimento econômico. A questão nos pede uma razão para migração, mas relacionadas a atração não a expulsão. Isso nos leva a letra “e”.

Curso Enem Gratuito

Quer aumentar suas chances no próximo Exame Nacional do Ensino Médio e mandar bem nas Notas de Corte do Enem? Estude com as apostilas e aulas gratuitas do Curso Enem Online. Todas as matérias do Exame e ainda as Dicas de Redação. Acesse aqui o Curso Enem Gratuito Online.

curso enem gratuito blue fino

Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Priscila Colturato para o Blog do Enem. Priscila é formada em Geografia pela Universidade Federal de Santa Catarina.