Movimento Uniforme: Veja o que acontece com a bola no futebol. É Física Enem

Aprenda Física para o Enem estudando a trajetória da bola nos lances de um jogo de futebol. Você nunca mais vai esquecer o que é o Movimento Uniforme. É aprender e pronto. Venha mandar bem na Física do Enem!

Vamos pensar em uma partida de futebol. Quando a bola ou os jogadores mudam de lugar, dizemos que estão em movimento. Esse movimento pode ser de translação, rotação ou misto. A descrição dessas atividades é o campo de estudo da Cinemática e dentro dela está o movimento uniforme.

Voltando para o jogo de futebol, você consegue identificar quando o movimento de translação ocorre no campo? Não? Veja como é simples: o movimento de translação também é conhecido como movimento linear e nada mais é do que o deslocamento do jogador ou da bola ao longo de uma linha reta. Já o movimento de rotação acontece quando o corpo gira em torno de um eixo de rotação, como uma bola com efeito ou a perna do atleta, que ao aplicar um chute, movimenta as articulações do joelho.

Por fim, o movimento misto é a combinação da translação e a rotação. Um exemplo dele pode ser o caminho da bola até o gol, já que acontece um deslocamento do momento do chute até a trave e o giro que a pelota faz em seu próprio eixo.

É importante ressaltar que o movimento misto pode ser decomposto em um movimento de translação ou de rotação. Mas seja qual for o tipo de movimento que o corpo esteja submetido, para que o estudante consiga resolver qualquer exercício sobre Cinemática precisa identificar o sistema de referência, ou seja, o corpo está em repouso ou se movendo em relação a que?

Sistemas de referência

Agora vamos pensar em um goleiro que corre com a bola nos braços para evitar que os jogadores faça um gol. A bola está em movimento ou parada? A resposta correta é “Depende do referencial”. Se o sistema de referência for alguém que assiste a partida de casa ou da arquibancada a pelota estará em movimento. No entanto, se o referencial adotado for o goleiro, a bola está em repouso, ou seja, seu movimento é nulo. Parece confuso para você?

Agora vamos imaginar que você está ouvindo uma música com seus fones de ouvido enquanto se locomove dentro de um ônibus. O seu fone está parado ou em movimento? A resposta correta mais uma vez é “Depende do referencial”. Para quem está sentado na praça vendo o ônibus passar, os fones de ouvido estão em movimento, mas ele continua paradinho em sua cabeça, não é mesmo? Então, em relação ao seu corpo, o objeto está em repouso. Ficou claro? Passamos para a próxima charada.

Você sabe a diferença entre rapidez e velocidade?

Rapidez é uma grandeza escalar sempre positiva. Explicando de forma mais simples, a rapidez mede o quão rápido um corpo se move e, portanto, também é conhecida como velocidade escalar. Quanto maior for o espaço que um corpo se locomove, maior será a sua rapidez. Também podemos escrever isso de outra forma. Em uma prova de atletismo, por exemplo, as distâncias são fixas, não é mesmo? Então, o corredor mais rápido será aquele que correr essa distância fixa no menor tempo possível.

Já a velocidade de um corpo depende do seu deslocamento em certo intervalo de tempo. Trata-se de uma grandeza vetorial e, portanto, pode ser positiva ou negativa. Agora que já sabemos alguns conceitos essenciais da Cinemática, continue a leitura e vamos explicar um pouco mais sobre o Movimento Uniforme. Confira abaixo!

Movimento Uniforme

A física está aí por toda parte e basta um pouquinho de atenção para poder enxergá-la. Já citamos neste post alguns exemplos sobre os jogadores de futebol. Da mesma forma, podemos verificar que existem vários objetos que mudam de lugar. Um carro anda. O mesmo acontece com os trens, o skate, o avião e até o seu corpo durante uma caminhada. Quando os corpos estão mudando de lugar com uma velocidade constante (e diferente de zero), em relação a algum sistema de referência, dizemos que eles estão em movimento uniforme (MU).

Em termos práticos, isso significa que os objetos percorrem distâncias iguais em intervalos de tempos idênticos. Além disso, outro ponto que merece destaque é que no movimento uniforme, como a velocidade dos objetos são constantes, não há variação da velocidade instantânea. Assim, a velocidade instantânea é igual à velocidade média e a equação horário do movimento é obtida a partir da fórmula da velocidade média.

Para finalizar sua revisão, veja esta aula sobre cinemática do professor Walter André para o Blog do Enem:

Para testar seus conhecimentos sobre Movimento Uniforme, acesse a página de simulado do blog do Enem. Teste seus conhecimentos em tempo real. Até a próxima.

Curso Enem Gratuito

Quer aumentar suas chances no próximo Exame Nacional do Ensino Médio e mandar bem nas Notas de Corte do Enem? Estude com as apostilas e aulas gratuitas do Curso Enem Online. Todas as matérias do Exame e ainda as Dicas de Redação. Acesse aqui o Curso Enem Gratuito Online.

curso enem gratuito blue fino

Acesse aqui os Aulões do Blog do Enem! São videoaulas gratuitas e completas com os conteúdos mais relevantes para o Exame Nacional do Ensino Médio.

Rosângela Menezes é formada em Licenciatura em Física pela Universidade Federal do Amazonas e em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atuou como professora por 10 anos e, atualmente, escreve textos sobre Ciência e Tecnologia.