Faltam:
para o ENEM

Domine a regra geral do uso da crase na Redação Vestibular ou Enem.

A crase assusta muito você? Você não consegue decorar as regras? Fique tranquilo! A partir de agora crase não será mais problema na sua redação. Aproveite também a videoaula para Redação no Vestibular ou no Enem.

Se você acha que crase é mais uma regra de acento, está redondamente enganada (ou enganado!). Crase é um fato que acontece e que deve ser sinalizado em sua redação no vestibular ou no Enem. Confira abaixo.

Crase significa fusão, e o sinal que a indica é chamado de grave ( ` ). Ele sinaliza que há dois “as”. Vamos ver como isso funciona? Posso garantir que é “facinho, facinho”. Observe os exemplos:

                          Preposição            artigo

Vou a o baile.
Vou a um baile.

 

O verbo ir rege a preposição a, portanto ela vai estar presente sempre que ele for usado.  Os artigos o e um acompanham o substantivo masculino baile definindo ou indefinindo-o.   Agora, observemetes outros exemplos:

                           Preposição             artigo

Vou a a festa.
Vou a uma festa.

 

Se o artigo o acompanha o substantivo baile porque é masculino, o artigo a, certamente, acompanha o substantivo feminino festa; porém, coincidentemente, a preposição e o artigo definido feminino são iguais, que resulta em dois as lado a lado, como você pode observar no quadro acima. Nesse caso, faz-se a fusão dos dois e marca-se com o sinal indicativo de crase “Vou à festa.”

Dica 1 – Não se assuste mais com o uso da vírgula: https://blogdoenem.com.br/redacao-domine-virgula/

Como você pode saber se existem dois as? É só testar! O modo mais prático de verificar é substituir o substantivo seguinte ao a por um substantivo masculino. Mas toma cuidado! Você só pode substituir se a palavra for feminina:

“Quanto a atitude do motorista, não há julgamentos.”

“Quanto ao comportamento do motorista…”

Se você observar, quando se fez a substituição do a antes de atitude, ele se transformou em ao antes de comportamento, portanto ocorre crase antes da palavra atitude:

“Quanto à atitude do motorista, não há julgamentos.”

Essencialmente, crase se testa dessa forma. Com horas não é diferente “Ele chegou a uma em ponto.” testa-se substituindo a hora pelo único horário masculino: meio-dia “Ele chegou ao meio-dia.”, portanto ocorre crase antes de uma “Ele chegou à uma em ponto.”

crase destacada

Cuidado com os pronomes demonstrativos, com eles não importa o gênero “Refiro-me aquele senhor.” Nesse caso é preciso verificar se há preposição antes do pronome “Refiro-me a aquele senhor.”, a forma correta é “Refiro-me àquele senhor.”

Dica 2 – Veja aqui a importância da gramática na sua redação: https://blogdoenem.com.br/redacao-gramatica/

Nos outros casos, não há muita diferença. Se a palavra não for um substantivo feminino, não pode ocorrer crase.

Viu só como é muito fácil! Não precisa decorar, é só entender. Existem outras situações especiais, mas essas dicas ajudarão você a não errar crase na sua redação.

Dê uma olhada no vídeo de 5 minutos e 51 segundos do professor Rafael Cunha “do Descomplica”, ele vai ajudá-lo a esclarecer qualquer dúvida que tenha ficado. Aproveite-o.

Wilson Redação
Este post foi elaborado pelo professor Wilson Rochenbach Nunes para o Blog do Enem. Wilson é formado em Letras pela Unilassale Canoas – RS e Mestre em Linguística Aplicada pela PUCRS. Dá aulas de Português para concursos em cursos da Grande Florianópolis e Grande Porto Alegre desde 2002.