Faltam:
para o ENEM

Advérbio e Preposição – Aula de Gramática Enem

Relembre tudo sobre Advérbio e Preposição em mais esta aula de Gramática Enem. Estude com a gente para o Exame Nacional do Ensino Médio!

Advérbio e Preposição para você nunca mais confundir tempo com lugar, modo com intensidade, e nem dúvida com negação.

Advérbio – comece pela leitura atenda da letra da música ‘Como Nossos Pais’, criada por Antônio Carlos Belchior, e que foi eternizada pela cantora Elis Regina : 

  • Não quero lhe falar meu grande amor das coisas que aprendi nos discos
  • Quero lhe contar como eu vivi e tudo o que aconteceu comigo
  • Viver é melhor que sonhar, eu sei que o amor é uma coisa boa
  • Mas também sei que qualquer canto é menor do que a vida de qualquer pessoa
  • Por isso cuidado meu bem, há perigo na esquina
  • Eles venceram e o sinal está fechado pra nós que somos jovens
  • Para abraçar seu irmão e beijar sua menina na rua
  • É que se fez o seu braço, o seu lábio e a sua voz
  • Você me pergunta pela minha paixão
  • Digo que estou encantada com uma nova invenção
  • Eu vou ficar nesta cidade, não vou voltar pro sertão
  • Pois vejo vir vindo no vento o cheiro da nova estação
  • Eu sei de tudo na ferida viva do meu coração
  • Já faz tempo eu vi você na rua, cabelo ao vento, gente jovem reunida
  • Na parede da memória essa lembrança é o quadro que dói mais
  • Minha dor é perceber que apesar de termos feito tudo o que fizemos
  • Ainda somos os mesmos e vivemos como nossos pais
  • Nossos ídolos ainda são os mesmos e as aparências não enganam não
  • Você diz que depois deles não apareceu mais ninguém
  • Você pode até dizer que eu ‘tô por fora’, ou então que eu ‘tô inventando’
  • Mas é você que ama o passado e que não vê
  • É você que ama o passado e que não vê
  • Que o novo sempre vem
  • Hoje eu sei que quem me deu a ideia de uma nova consciência e juventude
  • Tá em casa guardado por Deus contando vil metal
  • Minha dor é perceber que apesar de termos feito tudo, tudo, tudo o que fizemos
  • Nós ainda somos os mesmos e vivemos
  • ainda somos os mesmos e vivemos
  • Ainda somos os mesmos e vivemos
  • Como nossos pais

Após a leitura da letra de Como Nosos Pais, veja como se constroem as respostas para lugar, tempo, dúvida, negação, e modo, sempre de maneira inteligente pelo autor nas frases da canção:

  1. Onde aprendi as coisas?    – Na esquina.
  2. Não vou para onde?    – Para o sertão.
  3. As aparências enganam?    – Não.
  4. Quando o novo vem?    – Sempre.
  5. Quando alguém me deu uma ideia de uma nova consciência e juventude?   – Hoje.
  6. De que maneira vivemos?    – Como nossos pais.

Entenda ‘0 jogo de palavras’ criado por Belchior: As palavras e expressões obtidas como respostas indicam circunstâncias verbais; ou seja, uma ideia de lugar, tempo, negação e modo, alterando, assim, o sentido dos verbos. Esses termos podem mudar também o significado de mais duas classes gramaticais.

Observe agora estes pares de frases.

  1. Já faz tempo eu vi gente jovem reunida.
  2. Já faz tempo que vi gente muito jovem reunida.
  3. Eu vivia bem naquela época.
  4. Eu vivia muito bem naquela época.

Com o acréscimo do termo muito na frente do adjetivo ‘jovem’ e do advérbio bem, notamos que o sentido foi alterado em relação às primeiras frases.

O que é o Advérbio:

Então, advérbio é a palavra que acrescenta uma ideia de circunstância ao verbo, ao adjetivo ou ao próprio advérbio. É possível em algumas situações encontrarmos locuções adverbiais, como naquela época, na esquina, para o sertão, as quais funcionam como advérbio.

Classificação de alguns advérbios e locuções adverbiais

Classificação

exemplos

Lugar

Tempo

Modo

Intensidade

Dúvida

Negação

Afirmação

aí, ali, acima, abaixo, aqui, lá, cá, além, aquém, por fora, à direta

ontem, hoje, já, agora, brevemente, depois, logo, às vezes

bem, mal, assim, devagar, alegremente, às pressas

meio, menos, mais, muito, bastante, em excesso, demais

acaso, talvez, porventura, provavelmente, possivelmente

não, tampouco (= também não), de modo algum

sim, certamente, realmente, com certeza

Advérbios interrogativos

São aqueles que usamos para formular perguntas diretas ou indiretas, expressando algum tipo de circunstância.

Circunstância

advérbio interrogativo

Tempo

Causa

Lugar

Modo

quando

por que

onde

como

Quando você irá a minha casa? (ordem direta)

Por que você não veio à minha festa? (ordem direta)

Onde você está agora? (ordem direta)

Como você pretende ri à minha festa? (ordem direta)

Não sei quando você irá à minha casa. (ordem indireta)

Não sabia onde ficar e por que ficar. (ordem indireta)

Dicas sobre os Advérbios:

1. Os termos aonde e donde são provenientes da combinação das preposições a e de com o advérbio onde.

2. Em alguns momentos o advérbio pode modificar toda uma oração. Isso ocorre com a palavra “infelizmente” na frase a seguir: Infelizmente, nós nos separamos.

Preposição

Leia a tirinha.

img01_aula05.jpg

A palavra “de” tem que função na frase apresentada nos quadrinhos? De conectar uma palavra à outra em razão da relação de subordinação que existe entre os termos (bolo / carne). O termo que antecede a preposição é denominado regente (bolo) e o termo que a sucede, regido (carne). Portanto, em “bolo de carne”, teremos: os alunos = elemento regente; o colégio = elemento regido. E a relação estabelecida pela preposição “de” é de conteúdo.

Locuções prepositivas

São expressões formadas por advérbio mais preposição e possuem o mesmo valor de uma preposição.

Está todo mundo atrás de você.

O cão estava perto do Garfield.

Preposições

Algumas locuções prepositivas

A

De

Com

Sem

Perante

Após

Até

Desde

Contra

Por (per)

Em

Sob

Sobre

Trás

Para

Ante

apesar de

respeito de

diante de

em frente a

em torno de

ao redor de

a par de

abaixo de

acerca de

acima de

a fim de

além de

por causa de

por detrás de

perto de

para com

Combinação e contração

Podemos unir as preposições a, de, por (per), e em com outros termos. Quando juntamos uma preposição a outro termo sem que haja a perda de fonema, temos um caso de combinação (a + o = ao). Quando há alteração fônica na união da preposição mais o termo, presenciamos um caso de contração (de + a = da).

Combinação

A + o = ao

A + os = aos

A + onde = aonde

Algumas contrações

De + onde = donde

A + a = à

A + aquele = àquele

De + o = do

Em + o = no

Em + uma = numa

De + esta = desta

Em + aquela = naquela

Per + o = pela

Saiba mais sobre Advérbio e Preposição nesta aula do canal Centro de Cursos, disponível no Youtube. Após assistir, revise o que você aprendeu respondendo aos nossos desafios!

Desafios

Questão 1

As preposições ligam palavras dentro de uma mesma oração. Elas não possuem referentes no texto, simplesmente estabelecem vínculos, relações. Na oração “Morreu de fome”, a preposição “de” indica uma relação de causa, introduzindo uma locução adverbial. Então, relacione o tipo de vínculo estabelecido pelas preposições nas frases abaixo.

a) conteúdo

b) posse

c) tempo

d) lugar

e) causa

( ) Saiu pelo corredor.

( ) Acordou no meio da noite.

( ) Dormiu de desespero.

( ) As gavetas das moças foram arrumadas.

( ) A cidade não suportava mais carne de ovelha.

Dica 1 – Relembre tudo sobre Pronomes e elementos de coesão em mais esta aula de Gramática Enem. Estude com a gente para o Exame Nacional do Ensino Médio! – https://blogdoenem.com.br/pronomes-e-elementos-de-coesao-gramatica-enem/

Questão 2

Advérbio é a palavra que modifica o sentido do verbo, do adjetivo e do próprio advérbio. Além dos advérbios, temos as locuções adverbiais que são expressões que funcionam como advérbio. Assinale a alternativa em que não há advérbio ou locução adverbial nas frases a seguir.

a) Ganhava pouco, reforçava com extra.

b) Ficou só olhando.

c) Ia cortar a orelha, não importava que doesse.

d) As gavetas estavam fechadas.

e) Os nervos, músculos, a pele se formando, rápido.

Dica 2 – Revise sobre a Classificação do Verbos em mais uma aula de Gramática Enem e fique preparado para o dia das provas – https://blogdoenem.com.br/classificacao-dos-verbos-gramatica-enem/

Questão 3

O adjetivo está empregado na função de advérbio em:

a) Acesa a luz, viu claro os gestos furtivos do animal.

b) A lamparina tornou claros os degraus da escada.

c) Reservou para o céu um azul bem claro.

d) Subitamente um claro ofuscou-lhe a vista.

e) Não gostava das cores muito claras.

Dica 3 – Relembre sobre Poesia Concreta em mais esta aula preparatória para Literatura Enem. O Exame Nacional do Ensino Médio está quase chegando, estude conosco! – https://blogdoenem.com.br/poesia-concreta-literatura-enem/

Questão 4

Assinale a frase em que “meio” funciona como advérbio.

a) Só quero meio quilo.

b) Achei-o meio triste.

c) Descobri o meio de acertar.

d) Parou no meio da rua.

e) Comprou um metro e meio.

Questão 5

Classifique a locução adverbial que aparece em “Machucou-se com a lâmina”.

a) modo

b) instrumento

c) causa

d) concessão

e) fim

Você consegue resolver estes exercícios? Então resolva e coloque um comentário no post, logo abaixo, explicando o seu raciocínio e apontando a alternativa correta para cada questão. Quem compartilha a resolução de um exercício ganha em dobro: ensina e aprende ao mesmo tempo. Ensinar é uma das melhores formas de aprender!

compartilhe