Classificação dos Verbos – Aula de revisão Gramática Enem

Revise sobre a Classificação do Verbos em mais uma aula de Gramática Enem e fique preparado para o dia das provas

Classificação dos verbos

Segundo o vínculo que os verbos estabelecem com os seus modelos (ver estrutura verbal), classificam-se em regular, irregular, anômalo, defectivo e abundante.

Regulares e irregulares

Leia a tirinha a seguir e atente para os verbos.

Níquel Náusea – Fernando Gonsales

Gramática Enem

Folha de São Paulo, 19/06/2006.

Após a leitura da tira, você deve ter notado quatro verbos: pode, joga, acham e querem. Agora pense a qual conjugação cada um pertence. É interessante, passá-los para o infinitivo verbal: poder, querer, jogar e achar. Logo se percebe que os dois primeiros são da segunda conjugação e os dois últimos da primeira. Para saber se são regulares ou não, você deve compará-los com os seus modelos. Não precisa verificar todos os tempos e modos, basta averiguar os tempos do presente e pretérito perfeito do modo indicativo. Assim, substitua o radical do verbo-modelo pelo radical do verbo que queremos conjugar. A vogal temática e as desinências de modo-temporal e número-pessoal não se modificam. Se apresentar alguma mudança no radical ou nas flexões, o verbo será irregular, em contrapartida, regular caso não haja nenhuma alteração de paradigma.

Veja, a seguir, como fazer.

Presente do indicativo

Modelo da 1ª conjugação

Verbo beijar

Comparação com os verbos jogar e achar

beij +o

beij + as

beij + a

beij + amos

beij + ais

Beij + am

jog + o

jog + as

jog + a

jog + amos

jog + ais

jog + am

ach + o

ach + as

ach + a

ach + amos

ach + ais

acha +am

Após as comparações, concluímos que os verbos joga e acham são regulares, pois não apresentam nenhuma alteração no radical nem nas flexões.

Presente do indicativo

Modelo da 2ª conjugação

Verbo escrever

Comparação com o verbo poder

escrev +o

escrev + es

escrev + e

escrev + emos

escrev + eis

escrev + em

poss + o

pod + es

pod + e

pod + emos

pod + eis

pod + em

 

Pretérito perfeito do indicativo

Modelo da 2ª conjugação

Verbo escrever

Comparação com o verbo querer

escrev +i

escrev + este

escrev + eu

escrev + emos

escrev + estes

escrev + eram

quis +

quis + este

quis +

quis + emos

quis + este

quis + eram

 

Após as comparações, concluímos que os verbos poder e querer são irregulares, porque, no primeiro caso, há alteração do radical e, no segundo, alteração do radical e das flexões.

Não se considera irregularidade a mudança de grafia para manter a pronúncia como visto em fingir / finjo; brincar / brinquei; carregar / carreguei; descer / desço.

 Principais verbos irregulares que merecem destaque

Lembramos que os verbos irregulares são os que não seguem os paradigmas, ou seja, caracterizam-se por apresentar alterações no radical ou nas desinências.

Primeira conjugação

Nomear

Presente do indicativo

Presente do subjuntivo

Pretérito perfeito do indicativo

nomeio

nomeie

nomeia

nomeamos

nomeais

nomeiam

nomeie

nomeies

nomeies

nomeemos

nomeeis

nomeiem

nomeei

nomeaste

nomeou

nomeamos

nomeastes

nomearam

Pretérito imperfeito indicativo

Imperativo afirmativo

Imperativo negativo

nomeava

nomeavas

nomeava

nomeávamos

nomeáveis

nomeavam

…………

nomeia

nomeie

nomeemos

nomeai

nomeiem

…………

não nomeies

não nomeie

não nomeemos

não nomeeis

não nomeiem

Observação: Os verbos terminados em –ear são irregulares nesses modos e tempos acima, os demais são regulares. Seguem esse modelo os verbos apear, passear, folhear, bloquear, afear, hastear, semear, recrear, estrear, gear, granjear e, lisonjear.

Odiar

Presente do indicativo

Presente do subjuntivo

Pretérito perfeito indicativo

odeio

odeies

odeia

odiamos

odiais

odeiam

odeie

odiaste

odeie

odiemos

odieis

odeiem

odieio deias

odiou

odiemos

odiastes

odiaram

Observação: Os verbos irregulares que terminam em –iar são apenas cinco: mediar, ansiar, remediar, incendiar e, odiar. Lembre-se da palavra MARIO, que são as letras iniciais desses verbos. Os demais, como copiar, premiar, caluniar, abreviar, são regulares.

Segunda conjugação

Pôr

Presente do indicativo

Pretérito imperfeito

do subjuntivo

Futuro do subjuntivo

ponho

pões

põe

pomos

pondes

põem

punha

punhas

punha

púnhamos

púnheis

punham

puser

puseres

puser

pusermos

puserdes

puserem

Observação: Seguem este mesmo modelo os verbos derivados de pôr: compor, dispor, repor, supor, recompor. Além disso, em todas as conjugações este verbo é grafado com a letra s.

Querer

Presente do indicativo

Pretérito perfeito

do indicativo

Pretérito mais-que-perfeito

do indicativo

quero

queres

quer

queremos

quereis

querem

quis

quiseste

quis

quisemos

quisestes

quiseram

quisera

quiseras

quisera

quiséramos

quiséreis

quiseram

Presente do subjuntivo

Pretérito imperfeito

do subjuntivo

Futuro do subjuntivo

queira

queiras

queira

queiramos

queirais

queiram

quisesse

quisesses

quisesse

quiséssemos

quisésseis

quisessem

quiser

quiseres

quiser

quisermos

quiserdes

quiserem

Observação: O verbo querer grafa-se sempre com a letra s.

Requerer

Presente do indicativo

Presente do subjuntivo

 

requeiro

requeres

requer

requeremos

requereis

requerem

requeira

requeiras

requeira

requeiramos

requeirais

requeiram

 

Observação: O verbo requerer não é derivado de querer.

Ver

Presente do indicativo

Pretérito perfeito do indicativo

Pretérito mais-que-perfeito do indicativo

vejo

vês

vemos

vemos

veem

vi

viste

viste

vimos

vistes

viram

vira

viras

vira

víramos

víreis

viram

Presente do subjuntivo

Futuro do subjuntivo

Imperativo afirmativo

veja

vejas

veja

vejamos

vejais

vejam

vir

vires

vir

virmos

virdes

virem

…………

veja

vejamos

vede

vejam

Observação: Assim se conjugam os derivados rever, prever, entrever e, antever. Muita atenção ao conjugar o futuro do subjuntivo.

Terceira conjugação

Vir

Presente do indicativo

Pretérito perfeito

do indicativo

Imperativo afirmativo

venho

vens

vem

vimos

vindes

vêm

vim

vieste

veio

viemos

viestes

vieram

…………..

vem

venha

venhamos

vende

venham

Presente do subjuntivo

Pretérito imperfeito

do subjuntivo

Futuro do subjuntivo

venha

venhas

venha

venhamos

venhais

venham

viesse

viesses

viesse

viéssemos

viésseis

viessem

vier

vieres

vier

viermos

vierdes

vierem

Observação: Como vir se conjugam os derivados convir, intervir, advir e, provir.

 Anômalos

Os verbos anômalos também são considerados irregulares. Classificam-se dessa maneira por apresentar, na sua conjugação, radicais bem -diferenciados em razão de sua origem latina. São anômalos os verbos ir e ser. Note, a seguir, os seus radicais: ser (sou, era, serei, fui, seja); ir (vou, ia, irei, fui).

Defectivos

Os verbos defectivos caracterizam-se por não apresentarem conjugação completa, faltam a eles algumas flexões verbais. Geralmente a situação ocorre com verbos no presente do indicativo e do subjuntivo, e no imperativo.

Exemplo:

verbo colorir (sinônimo de pintar).

Presente do indicativo

Imperativo afirmativo

Imperativo negativo

Presente do subjuntivo

eu ………..

tu colores

ele colore

nós colorimos

vós coloris

eles colorem

…………

colore tu

…………

…………

colori vós

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

Exemplo:

verbo falir (sinônimo de abrir falência)

Presente do indicativo

Imperativo afirmativo

Imperativo negativo

Presente do subjuntivo

eu

tu …………

ele …………

nós falimos

vós falis

eles …………

…………

…………

…………

…………

fali vós

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

Exemplo:

verbo reaver (sinônimo de recuperar)

Presente do indicativo

Imperativo afirmativo

Imperativo negativo

Presente do subjuntivo

eu

tu …………

ele …………

nós reavemos

vós reaveis

eles …………

…………

…………

…………

…………

reavei vós

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

…………

Abundantes

Fazem parte também da classificação verbal os abundantes, que se caracterizam por apresentar mais de uma forma para assinalar a flexão verbal. Normalmente, esse fato ocorre no particípio, que além de apresentar as formas regulares (-ado, -ido), contém as irregulares, como aceso, enxuto e eleito.

Veja, a seguir, a relação das formas duplas do particípio.

1ª conjugação

Infinitivo

Particípio regular

Particípio irregular

aceitar

entregar

enxugar

aceitado

entregado

enxugado

aceito

entregue

enxuto

2ª conjugação

Infinitivo

Particípio regular

Particípio irregular

acender

benzer

devolver

acendido

benzido

devolvido

aceso

bento

desenvolto

3ª conjugação

Infinitivo

Particípio regular

Particípio irregular

corrigir

emergir

extinguir

corrigido

emergido

extinguido

correto

emerso

extinto

Observação:

Existem alguns particípios que só possuem a forma irregular, como dizer (dito), escrever (escrito), fazer (feito), ver (visto), vir (vindo), pôr (posto), cobrir (coberto), abrir (aberto). Os verbos derivados desses também apresentam só o particípio irregular: reescrever (reescrito), entreabrir (entreaberto). E há outros que só possuem a forma regular: chegar (chegado) e expelir (expelido).

Como empregar o particípio?

Quando existe a forma dupla do particípio, normalmente os verbos auxiliares ter e haver acompanham a forma regular e os auxiliares ser, estar e, ficar acompanham os particípios irregulares.

Ter e haver

Os verbos auxiliares (ter e haver) são usados na formação dos tempos compostos junto com os particípios. Nesse caso, devem ser usados os particípios regulares, todavia na falta do regular usa-se o irregular.

Exemplos:

Mila havia estudado muito para a prova de Geografia.

Se Yuri tiver feito todos os cálculos, poderá participar da maratona de Matemática.

Ser, estar, ficar

Os verbos auxiliares (ser, estar e ficar)r são usados na formação da voz passiva junto com os particípios. Nesse caso, devem ser usados os particípios irregulares, entretanto na falta do irregular, usa-se o regular.

Exemplos:

O deputado foi preso por improbidade administrativa.

Gil foi visitado na fazenda por seu tio da Paraíba.

O cãozinho ficou esmagado pela bolsa do carteiro.

Algumas cidades estavam isoladas pelas águas da tempestade.

Observação:

– Os verbos pagar, gastar e pegar podem ser usados junto aos verbos ter, haver, ser e estar quando estiverem na forma irregular. Porém nas formas regulares só são usados junto aos verbos ter e haver. Resumindo:

ter/ haver/ ser/ estar/ + gasto/ pago/ ganho

ter/ haver + gastado, pagado, ganhado

Saiba mais sobre a Classificação dos Verbos nesta aula do canal GramáticaEmVídeo, disponível no Youtube. Após assistir, revise o que você aprendeu respondendo aos nossos desafios!

Desafios

Questão 1

(UFPR) Quais os conjuntos de frases cujas lacunas podem ser preenchidas por vier, vir e vimos, respectivamente?

a) I. Quando __________ a Curitiba, traga sua mãe.

II. Se _________ Pedro, avise-o da minha chegada.

III. Ontem nós __________ um peixe enorme no lago.

b) I. Se tu _________ com mentiras, verás o que é bom!

II. Entregue-lhe isto, se o ______________ amanhã.

III. Nós sempre ____________ aqui pelo mesmo caminho.

c) I. Se __________ à escola amanhã, terá uma surpresa.

II. Peça-lhe para __________ aqui quando puder.

III. Pela presente circular _____________ pedir seu auxílio aos flagelados.

d) I. Tudo estará pronto para quando _________ o Papa.

II. No caso de você ________ algo estranho, chame-nos.

III. Perguntarão se _________ embora de medo.

e) I. Enquanto não ___________ o aumento, nada pagarei.

II. Se você e Pedro os _______________ nada comentem com eles.

III. Ontem nós __________ de Curitiba a Antonina em uma hora.

Dica 1 – Relembre sobre Poesia Concreta em mais esta aula preparatória para Literatura Enem. O Exame Nacional do Ensino Médio está quase chegando, estude conosco! – https://blogdoenem.com.br/poesia-concreta-literatura-enem/

Questão 2

Complete as lacunas com o particípio solicitado entre parênteses.

a) Tinha _____________mais do que deveria. (gastar)

b) Havia ____________ um belo resfriado. (pegar)

c) Era ___________ pela primeira vez um operário à Presidência. (eleger)

d) Por descuido do filho, a televisão ficou ________ à noite inteira. (acender)

e) O rapaz havia ___________ ao serviço com trinta minutos de atraso. (chegar)

f) A mãe tinha ____________ todo seu material sobre a mesa do escritório. (pôr)

Dica 2 – Saiba tudo sobre João Cabral de Melo Neto em mais esta aula de revisão para Literatura Enem. Estude com a gente para o Exame Nacional do Ensino Médio! – https://blogdoenem.com.br/joao-cabral-de-melo-neto-literatura-enem/

Questão 3

Complete as frases, utilizando os verbos dos parênteses nos tempos exigidos pelos verbos destacados.

a) Se ele __________ (vir), discutirá conosco as reivindicações da categoria.

b) Se ___________ (fazer) tudo com carinho, seremos recompensados.

c) Se ___________ (chegar) antes das oito horas, encontrarás as tropas ainda perfiladas.

d) Quando __________ (mediar) um combate, estarei realizando um sonho.

Dica 3 – Conheça um pouco da vida e da obra da escritora Clarice Lispector nesta aula preparatória para a prova de Literatura Enem – https://blogdoenem.com.br/clarice-lispector-literatura-enem/

Questão 4

Complete as frases, utilizando os verbos dos parênteses nos tempos exigidos pelos verbos destacados.

a) Se ele _____________ (requerer) o documento dentro do prazo, seria prontamente atendido.

b) Se _____________ (reaver) todo o dinheiro roubado, pagaríamos uma recompensa.

c) Se _____________ (fazer) dezesseis anos, teria direito ao voto nesta eleição.

d) Se _____________ (ouvir) os teus pais, não aconteceria esta confusão.

Questão 5

Conjugue os verbos de acordo com o solicitado entre parênteses.

a) As modelos eu ____________ meia hora antes do desfile. (maquiar – presente do indicativo)

b) Por um cargo melhor este ano tu ____________(ansiar – presente do indicativo)

c) Quando teu time perde, eu __________ muito.
(rir – presente do indicativo)

d) Tu ____________ (compor) uma ótima canção. (pretérito perfeito do indicativo)

e) Ele ____________ (contradizer) tudo o que o réu falou. (pretérito perfeito do indicativo)

 

Você consegue resolver estes exercícios? Então resolva e coloque um comentário no post, logo abaixo, explicando o seu raciocínio e apontando a alternativa correta para cada questão. Quem compartilha a resolução de um exercício ganha em dobro: ensina e aprende ao mesmo tempo. Ensinar é uma das melhores formas de aprender!

compartilhe