Faltam:
para o ENEM

Os órgãos vegetais: Flor, Fruto e Semente – Biologia Enem

A disciplina de Biologia Enem é uma das mais interessantes de aprender, não acham? Animais, plantas, anatomia... Tudo que nos cerca o dia todo. Que tal dar mais uma estuda num conteúdo bacana: as partes Flor, Fruto e Semente de uma planta?

Galerinha,, vamos continuar nossos estudos de Biologia Enem para alcançar o sucesso na prova? São tantos tópicos e tantas informações que não dá pra parar!!! Hoje, vamos continuar os estudos em relação à organologia vegetal, abordando 3 órgãos reprodutivos: Flor, Fruto e Semente.

Todos já devem ter parado pra pensar sobre o que é realmente uma flor e qual a função da sua existência, além do fato de enfeitarem nossos parques, avenidas e jardins durante a primavera?

Veja aqui tudo sobre o Biologia Enem – https://blogdoenem.com.br/tag/biologia-enem/

A flor nada mais é do que órgão reprodutivo das plantas superiores (angiospermas). Uma flor é geralmente constituída por quatro conjuntos de folhas modificadas, denominadas de verticilos florais, e são eles:

  1. Cálice: conjunto de sépalas;
  2. Corola: conjunto de pétalas, geralmente vistosas, para atração de polinizadores;
  3. Androceu: conjunto de estames;
  4. Gineceu: constituído pelos carpelos.

Porém, para ser denominada como flor completa, ela ainda deve constituir:

       5.  Pedúnculo floral: local de união do ramo a flor;
6.  Receptáculo floral: área de sustentação do cálice e corola.

Biologia Enem

Lembre-se que esta imagem é de flores com órgãos reprodutores de ambos os sexos conhecidas como hermafroditas (ou monóicas). Já as flores que apresentam órgãos reprodutores de apenas um dos sexos (só o carpelo ou só os estames) são chamadas de dióicas.

Se as flores são os órgãos reprodutivos, onde estão os gametas e como ocorre a fecundação? Perguntinha boa de Biologia Enem para a prova né?

O androceu é o conjunto de estames e é ali que se formam os gametas masculinos denominados núcleos espermáticos. Quando a flor está madura, ocorre a libertação dos grãos de pólen da antera, que é a parte “achatadinha” do estame, onde é produzido o pólen.

No gineceu, formado por conjunto de carpelos, se formam os gametas femininos da flor. Um ou mais carpelos formam uma estrutura em forma de vaso – o ovário. No interior do ovário, formam-se um ou mais óvulos vegetais que são estruturas complexas, constituídas por muitas células. Dentre elas, uma célula especializada – a OOSFERA – é o gameta feminino.

Então, o que é realmente a fecundação?

Biologia Enem

 

Fique atento na Biologia Enem: Para que a fecundação ocorra é necessário que haja a polinização!

A polinização é o transporte dos grãos de pólen das anteras, onde eles se formam até o ovário. É através deste processo que ocorre a aproximação dos gametas femininos e masculinos. O transporte do pólen, até o estigma, é feito por agentes polinizadores, que podem ser o vento, os insetos, os pássaros, etc. Temos, como exemplos, os diferentes tipos de polinização a seguir:

Entomofilia: Insetos;

Hidrofilia: Água;

Anemofilia: Vento;

Ornitofilia: Pássaros.

Após a polinização e a fecundação, a flor é degenerada e acabam sobrando apenas o pedúnculo e o ovário contendo óvulos.

Biologia Enem

E a fruta? E o fruto? Será que tem diferença entre esses dois termos? Anote ai a dica pra não bobear na prova de Biologia do ENEM 2013!

A palavra fruta é utilizada para nomear os órgãos vegetais comestíveis e adocicados, de sabor agradável. Mas o termo fruto  aplica-se a todos os órgãos vegetais que se originam do desenvolvimento do ovário. Assim, a banana, o mamão e a laranja são frutas e também frutos. A berinjela e o tomate não são frutas, mas são frutos.

Nos seus estudos de Biologia Enem, você deve saber que um fruto é constituído por duas partes principais:

  1. Pericarpo: resultante do desenvolvimento das paredes do ovário;
  • Epicarpo (camada mais externa);
  • Mesocarpo (camada intermediária) parte do fruto que mais se desenvolve, sintetizando e acumulando substâncias nutritivas, principalmente açúcares;
  • Endocarpo (camada mais interna).

      2.   Sementes: resultantes do desenvolvimento dos óvulos fecundados.

Biologia Enem

Como tudo na biologia, os frutos também são classificados em grupos, neste caso em frutos carnosos ou secos.

1. Frutos carnosos: Geralmente comestíveis e ricos em substâncias nutritivas, entre eles:

  • Bagas – São frutos que têm uma ou várias sementes soltas, como é o caso do mamão, da melancia, da goiaba, entre outros.
  • Drupas – Têm um endocarpo duro, dentro do qual há uma semente. É o caso da manga, do pêssego, do abacate, etc.

2. Frutos secos: frutos que têm pericarpo seco.

  • Frutos deiscentes  – Quando maduros, se abrem liberando as sementes. Exemplo vagens do feijão, soja, ervilha, etc.
  • Frutos indeiscentes – Não se abrem quando maduros. Exemplo os grãos de milho, arroz e trigo, etc.

E a semente? A semente é o óvulo modificado e desenvolvido. Toda a semente possui um envoltório, mais ou menos rígido, e um embrião inativo da futura planta e um material de reserva alimentar chamado endosperma ou albúmen.

Em condições favoráveis interna e externamente, a semente pode iniciar o processo de germinação. Entre essas condições temos: umidade, oxigênio, maturação da semente, entre outros.

Ah, queridos alunos de Biologia Enem, estávamos quase esquecendo de comentar aqui um assunto super importante, em relação aos frutos: você já ouviu falar dos PSEUDOFRUTOS??!

Eles causam algumas dúvidas e caem como pegadinha nas provas. Preste atenção!!

Nos pseudofrutos, a porção comestível não é o ovário desenvolvido, por exemplo o caju. O que ocorre é a hipertrofia do pedúnculo floral. Na maçã, na pera ou no morango, entretanto, é o receptáculo floral que se desenvolve. Veja essa vídeo-aula, que você nunca mais vai esquecer deste detalhe!

Agora vamos praticar o que vimos hoje com exercícios? Desta forma, não tem como esquecer as informações para a prova do ENEM 2013.

EXERCÍCIOS

1. Marque a alternativa incorreta:

a) A maioria das flores apresenta os quatro tipos de verticilos florais – gineceu, androceu, corola e cálice, sendo por isso chamada de flores completas.
b) O androceu é um conjunto de estames. Os estames são constituídos por filete e antera.
c) A flor, assim como o estróbilo das gimnospermas, é um ramo especializado em que há folhas férteis com esporângios, os esporofilos.
d) A autofecundação é uma estratégia que as plantas desenvolveram a fim de aumentarem a sua produção de frutos, por isso ela é muito vantajosa para a espécie.
e) O gineceu é o aparelho reprodutor feminino da planta.

2. (UFMS) As flores são estruturas que têm função na reprodução sexual das plantas angiospermas, onde se podem distinguir diferentes verticilos florais, entre os quais:

a) Tépalas: conjunto de pétalas de cores diferentes; Corola: conjunto de sépalas; Gineceu: sistema reprodutor masculino;
b) Corola: conjunto de sépalas; Cálice: conjunto androceu-gineceu; Perianto: conjunto de pétalas;
c) Corola: conjunto de sépalas; Gineceu: sistema reprodutor masculino; Perianto: conjunto androceu-gineceu;
d) Cálice: conjunto de pétalas; Androceu: sistema reprodutor feminino; Perigônio: conjunto de pétalas iguais;
e) Cálice: conjunto de sépalas; Androceu: sistema reprodutor masculino; Gineceu: sistema reprodutor feminino.

3. O feijão é uma semente de grande importância na alimentação humana. Entretanto, até atingir a fase de semente, o óvulo fecundado tem seus componentes (I, II, III e IV) modificados profundamente.

Biologia Enem

Após a fecundação, os componentes indicados no óvulo darão origem, respectivamente, às seguintes partes da semente:
a) endosperma, tegumento, embrião, hilo.
b) endosperma, embrião, tegumento, hilo.
c) embrião, hilo, endosperma, tegumento.
d) endosperma, tegumento, hilo, embrião.
e) embrião, tegumento, endosperma, hilo.

4. (PUC-RS)

Biologia Enem

 

 

 

 

 

 

 

Por sua particularidade estrutural, o fruto representado acima se enquadra como:

a) folículo.
b) drupa.
c) aquênio.
d) baga.
e) vagem.

RESPOSTAS

1. D, é importante salientar que a autofecundação não é viável para a planta, pois ao se autofecundar ocorre uma diminuição nas chances de se formarem novos indivíduos viáveis e que estes se adaptem as variações ambientais.

2.  Letra E, nesta questão a 3 palavras diferentes Tépalas, Perigônio e Perianto.

Tépalas: quando pétalas e sépalas se assemelham na cor e na textura são chamadas de tépalas;

Perigônio: conjunto de tépalas;

Perianto: formado pelo conjunto do cálice e da corola;

3. A

4. B