A Origem das Espécies e Charles Darwin – Biologia Enem & Encceja

O inglês que revolucionou a história da ciência colheu as evidências da Teoria da Evolução das Espécies a bordo do veleiro Beagle. Confira a incrível trajetória de Charles Darwin. Cai no Vestibular e no Enem também.

Charles Darwin, naturalista inglês, publicou em 1859 seu famoso e reverenciado livro “A origem das espécies”. O livro revolucionou as ciências biológicas e assombrou a religiosa sociedade da época. Darwin viveu na Inglaterra (1809 – 1882). Naquele tempo, tentar explicar em uma “simples ideia” o mecanismo que move as mudanças que ocorrem nos seres vivos desde o início da vida era um desafio científico e religioso.

Até então os humanos na Inglaterra e países da Europa Ocidental estavam sob forte influência do Cristianismo. Antes das descobertas de Charles Darwin eles mais ‘acreditavam numa ordem divina’ do que organizavam os fatos da natureza a partir de evidências científicas.

A evolução por seleção natural ou darwinismo, descrita magistralmente pelo cientista, serve até hoje de base para grande parte dos estudos de ecologia, zoologia, genética e outras tantas áreas da biologia. É hora de revisar para as questões do Enem e dos Vestibulares. Venha nesta viagem com Charles Darwin!Charles Darwin e o veleiro Beagle

A Seleção Natural

Ao voltar da famosa viagem ao redor do mundo a bordo do navio (veleiro)  HMS Beagle, Darwin começou a compilar os conhecimentos adquiridos na viagem e continuou a observar os seres vivos, principalmente os selecionados pelos seres humanos para a produção agrícola e agropecuária.

Ao estudá-los, Darwin observou que os seres humanos selecionavam para reprodução espécies animais e vegetais com características desejáveis, desprezando as demais, em um processo de seleção artificial. Um dos pontos mais importantes de sua observação era a variação que indivíduos de uma mesma espécie apresentavam.

A Sobrevivência dos mais aptos

Em 1838, Darwin lê o livro do economista Thomas Malthus, sobre a população humana. Neste livro, Malthus dizia que a população humana crescia mais rápido que a produção de alimentos e que, ao longo do tempo, isto se tornaria um fator limitante para o crescimento da população.

Dessa maneira, os humanos teriam que lutar por suas vidas, em uma competição entre si, onde somente os mais fortes sobreviveriam.

A sobrevivência determina a condição de reprodução

A partir disso e de suas observações, Charles Darwin (foto) concluiu que esse mecanismo também funcionaria na natureza: os indivíduos com mais chances de sobrevivência seriam aqueles cujas características fossem mais apropriadas para enfrentar as condições ambientais.

Com esta formulação lógica, Darwin afirmou na na época que desta maneira as espécies tenderiam um maior sucesso reprodutivo.charles darwinCharles Darwin

Desse modo, nascia o conceito de seleção natural, sobre o qual Darwin afirmou: “A essa preservação de variações favoráveis e rejeição de variações prejudiciais eu chamo de seleção natural”.

Somente em 24 de novembro de 1859 é que Darwin consolida seus pensamentos e observações ao publicar o clássico livro A Origem das Espécies. Com este livro Darwin mudou tudo o que se pensava até então sobre A Evolução das Espécies.

Veja Como funciona a evolução por seleção natural:

O mecanismo evolutivo conhecido por ‘seleção natural’ proposto por Darwin segue alguns pontos:

1 – Primeiramente, é importante saber que os indivíduos de uma espécie podem ter muitas variações tanto no funcionamento de seus organismos, quanto na forma de seus corpos.

2 – Muitas das características de um indivíduo são transmitidas para seus descendentes.

3 – Caso todos os indivíduos de uma população sejam capazes de se reproduzirem, a população cresceria muito rápido, em progressão geométrica.

4 – Os recursos do ambiente são limitados. Há um limite de espaço, de alimento, de água. Sendo assim, os indivíduos de uma população competem por esses recursos em uma lua pela vida e pela sobrevivência de seus filhotes.

Segundo Darwin, nesta luta pela vida, apenas os seres mais adaptados ou aptos conseguiriam sobreviver e produzir descendentes (seleção natural). Essas características aumentariam a sobrevivência e o sucesso reprodutivo e seriam transmitidas para os descendentes do indivíduo.

Aula Gratuita sobre a teoria de Charles Darwin

Para completar a introdução a este  assunto, veja esta super vídeo-aula da professora Juliana Evelyn Santos, do canal Curso Enem Gratuito. Depois siga no post para conhecer mais sobre a Teoria da Evolução das Espécies.

E aí, gostou do vídeo? Legal! Agora, para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto, veja o texto que preparamos com super dicas para você arrasar nas questões de biologia!

Seleção Natural x Alterações e Novas Espécies

As diversas alterações sofridas em diferentes populações podem gerar barreiras reprodutivas, favorecendo o aparecimento de novas espécies. Isso quer dizer que as modificações sofridas por duas populações submetidas à condições ambientais diferentes podem produzir duas novas espécies.

Para comprovar isso, podemos cruzar indivíduos de cada uma dessas populações diferentes e, caso os indivíduos desse cruzamento sejam estéreis, podemos ter duas novas espécies.

Agora, para entender melhor o mecanismo da seleção natural, veja o vídeo a seguir da Khan Academy, ele traz uma aula super didática que explica a seleção natural através do exemplo da borboleta-coruja:

É importante lembrar, que apesar de a teoria da seleção natural ser comprovadamente verdadeira, Darwin não conseguiu explicar a origem e a transmissão das variações que surgiam nos seres vivos. Na época de Darwin as mutações e as leis de Mendel não eram conhecidas.

Hoje sabemos também que a seleção natural não é o único mecanismo que rege a evolução. A mutação, a deriva genética e a migração de indivíduos também agem para a modificação dos seres vivos ao longo do tempo. Todos estes fatores juntos compõem a teoria sintética da evolução ou neodarwinismo.

Dica Importante: Antes de fazer os Exercícios sobre A Origem das Espécies o Blog do Enem recomenda a você estudar as teorias sobre a origem da vida no Universo. Acesse esta aula especial sobre as Teorias de Origem da VidaTeorias sobre A Origem da Vida

Agora é hora do Simulado sobre A Origem das Espécies

.

A Evolução das Espécies

.

=============================================

Veja o que mais cai nas provas do Enem e dos Vestibulares

Planos de Estudos Gratuitos com aulas  de todas as matérias do Enem 2017. Marque nos favoritos os Temas que você precisa revisar e veja as dicas de Redação, Matemática, Biologia, Química, Inglês, História, Física, Filosofia, História, Geografia, e Literatura. É aula hoje, e amanhã também.

curso Enem online gratuito

10 Temas que mais caem no Enem – Plano de Estudos

Plano de Estudos de Química Enem

Plano de Estudos de Biologia Enem

Plano de Estudos de Matemática Enem

Plano de Estudos de Geografia Enem

Simulado Enem 2017 Gratuito – Provas Online de todas as matérias

Plano de Estudos Enem Completo – Todas as matérias

Plano de Estudos de História Enem

Física: os 10 temas que mais caem no Enem

Plano de Estudos de Português Enem

10 dicas de História para o Enem e Vestibulares

10 conteúdos que mais caem de Química

Mandar bem no Enem é tudo de bom.

Simulado Enem Online – Escolha a sua próxima prova:

Biologia

Filosofia

Física

Geografia

Gramática

História

Inglês

Literatura

Matemática

Química

Espanhol

Sociologia

Encceja

Mais Exercícios sobre A Origem das Espécies

Agora que você já está ligado na seleção natural, que tal fazer alguns exercícios para testar seus conhecimentos?

1)  (UFCE-CE) Leia o trecho a seguir:

… a natureza fornece as variações sucessivas, o homem as acumula em certos sentidos que lhes são úteis. Assim sendo, pode-se dizer que o homem criou, para seu proveito, raças úteis.

Sobre o trecho apresentado, retirado do livro A origem das espécies, de Charles Darwin, pode-se dizer que:

a) caracteriza a seleção artificial;
b) expressa o conceito de herança dos caracteres adquiridos;
c) constitui a base da teoria fixista;
d) refere-se à seleção natural;
e) refere-se ao surgimento das várias raças humanas.

Resposta: A.

2) (UNIFESP-2007) De acordo com a teoria da evolução biológica, os seres vivos vêm se modificando gradualmente ao longo das gerações, desde o seu surgimento na Terra, em um processo de adaptação evolutiva. Segundo essa teoria,

a) os indivíduos mais bem adaptados transmitem as características aos descendentes.

b) ocorre a seleção de características morfológicas adquiridas pelo uso frequente.

c) a seleção natural apenas elimina aqueles indivíduos que sofreram mutação.

d) as mutações são dirigidas para genes específicos que proporcionam maior vantagem aos seus portadores.

e) as mutações dirigidas são seguidas da seleção aleatória das mais adaptativas.

Resposta: A.

3) (PASUSP-2009) Pela Teoria da Evolução, proposta por Charles Darwin, as populações podem, ao longo do tempo, sofrer adaptações ao meio em que vivem. Essas adaptações podem gerar barreiras reprodutivas, favorecendo o surgimento de novas espécies. De acordo com tal informação, imagine duas populações de insetos da mesma espécie ancestral, que se mantiveram separadas geograficamente durante milhares de anos. Considere que, por uma alteração ambiental, as duas populações voltem a ter contato. A ocorrência de especiação será confirmada na hipótese de que os insetos das duas populações

a) consigam efetivamente cruzar e gerem descendentes férteis.

b) consigam efetivamente cruzar e gerem descendentes estéreis.

c) acumulem diferenças genéticas e gerem descendência fértil.

d) manifestem diferenças comportamentais, mas gerem descendência fértil.

e) gerem descendentes férteis com características híbridas.

Resposta: B

Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.