Dia da Mulher: público feminino é maioria quando o assunto é educação

Feliz Dia da Mulher! Esses são os votos de toda a equipe do Blog do Enem para você, estudante e leitora de nossos conteúdos! Veja no post as conquistas e os desafios para a verdadeira equiparação entre os gêneros.

A equipe do Blog do Enem deseja a você, mulher, em qualquer idade, que permaneça buscando o melhor para sua vida!

Nós do Blog somos uma prova viva de como as mulheres estão cada vez mais se empoderando, assumindo as frentes de suas carreiras e buscando se profissionalizar. Temos muito a comemorar no Dia da Mulher quando o assunto é a educação.Em números significativos podemos comprovar esta feliz realidade da atual participação feminina: 65% do público do Blog do Enem é feminino! No próprio Exame Nacional do Ensino Médio a maioria também é feminina, com 57%  das inscrições.

As mulheres também são maioria nos candidatos do  Sistema da Seleção Unificada (Sisu), e das matrículas no Ensino Superior. As alunas representam 57% do total de vagas ocupadas no ensino superior em todo o Brasil!

Se você ainda não está matriculada numa universidade, a chance pode ser agora mesmo com as Bolsas de Estudo do mês da mulher, valendo para todos os cursos. Bolsas de Estudo no mês da mulher Há vagas no país todo com bolsas para Medicina Veterinária, Psicologia, Administração, Enfermagem, Nutrição, Odontologia, Pedagogia e mais 137 carreiras universitárias. Veja aqui as Bolsas disponíveis na sua cidade.

Mulheres estudam mais que os homens – A maior participação das mulheres no Ensino Superior não é um fenômeno apenas brasileiros.  Aqui elas já são maioria na Medicina, Direito, Odontologia, Psicologia, Farmácia, Fisioterapia e muitos outros cursos. Nas engenharias já chegam a 40% das matrículas.

Nossos dados espelham uma tendência mundial. Segundo a Organization for Economic Cooperation and Development (OECD), as mulheres passaram a estudar muito mais ao longo do século 20. No gráfico abaixo veja que que a partir das décadas de 1960 e de 1970 as mulheres passaram a acumular mais anos de estudo do que os homens:mulheres com mais anos de estudo que os homens - dia da mulherMas, apesar das conquistas educacionais, a realidade não é a mesma no mercado de trabalho. As mulheres ainda têm salários menores e ocupam menos cargos de direção.

Além disso, mulheres enfrentam outras dificuldades como a dupla jornada, que é a cumulação do emprego formal com o trabalho doméstico, pelo qual normalmente são responsabilizadas.

Aqui no Blog do Enem, a equipe está cada vez mais conscientizada sobre a desigualdade de gênero e o longo caminho que a mulher ainda tem que percorrer para conquistar seus direitos. Por isso, aproveitamos este Dia da Mulher para compartilhar os princípios do empoderamento feminino com nossas leitoras e leitores!

Empoderamento Feminino

Empoderamento feminino é um dos termos de que mais se tem ouvido falar nos últimos tempos. Pode-se até dizer que ele está na “moda” e é completamente propício se falar dele hoje. Isto porque, como o próprio nome já sugere, é o ato de as mulheres assumirem o poder, isto é, a mulher assumir uma posição de protagonismo na sua vida e na sociedade, buscando realmente o seu lugar e os seus direitos.

Tudo isso de forma democrática e promovendo a equidade de gênero em todas as atividades sociais e da economia, conforme prevê a Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e o Empoderamento das Mulheres (ONU Mulheres).

Segundo a entidade, estes são os sete Princípios de Empoderamento das Mulheres:

  1. Estabelecer liderança corporativa sensível à igualdade de gênero, no mais alto nível;
  2. Tratar todas as mulheres e homens de forma justa no trabalho, respeitando e apoiando os direitos humanos e a não-discriminação;
  3. Garantir a saúde, segurança e bem-estar de todas as mulheres e homens que trabalham na empresa;
  4. Promover educação, capacitação e desenvolvimento profissional para as mulheres;
  5. Apoiar empreendedorismo de mulheres e promover políticas de empoderamento das mulheres através das cadeias de suprimentos e marketing;
  6. Promover a igualdade de gênero através de iniciativas voltadas à comunidade e ao ativismo social;
  7. Medir, documentar e publicar os progressos da empresa na promoção da igualdade de gênero.

Empodere-se você também!

O Assédio Sexual como tema de Redação

O ano de 2017 foi marcado pela explosão de denúncias de assédio sexual contra mulheres em todo o mundo. O destaque alcançou a mídia e as redes sociais pelo envolvimento de pessoas famosas do mundo do Cinema, da Televisão e da Política. Esses acontecimentos tiveram enorme repercussão e deram início a um debate a nível global sobre o assunto. Com tantas abordagens possíveis envolvendo o assédio sexual, este é um tema forte para a Redação Enem 2019. Clique na imagem abaixo para ver uma aula completa sobre Assédio Sexual e como o tema pode cair na Redação: tema de redação - dia da mulher

Muitas vezes a vítima de assédio sexual tem dificuldades em se defender física e socialmente, e se cala. Ela pode precisar de ajuda para vencer os limites necessários para se posicionar e mesmo chegar à uma denúncia formal.

Você sabia dessas informações? Então empolgue-se ainda mais com as perspectivas de melhoria a partir da educação, e participe com ações, postura e atitude contra a discriminação em todas as formas.

Não basta “ficar na torcida”. Para mudar, mesmo, é preciso estudar e correr atrás do seus sonhos para garantir para você e todas as mulheres um lugar ao sol.

A conquista envolve ter seus direitos garantidos, respeito, dignidade, conhecimento científico e com salários justos!

Martha Ramos

Post escrito por Martha Ramos. Jornalista formada na Universidade Estácio de Sá em Santa Catarina. Fez Pós-Graduação em Marketing e trabalha com produção de conteúdos para jornais, revistas, empresas e blogs. Face: https://www.facebook.com/martha.ramos.5203