Faltam:
para o ENEM

Dispersões – Aula de revisão para Química Enem

Relembre tudo sobre Dispersões em mais esta aula preparatória para a prova de Química Enem. Estude com a gente para o Exame Nacional do Ensino Médio!

Dispersões

São sistemas em que uma substância está dispersa (espalhada), sob a forma de pequenas partículas, em outra substância.

Classificação das dispersões – é determinada pelo tamanho médio das partículas dispersas.

  • Soluções verdadeiras – partículas com tamanho entre 0 e 1 nm (sistema homogêneo). Ex.: Açúcar em água.
  • Soluções coloidais – partículas entre 1 e 100 nm. Ex.: Gelatina em água, maionese.
  • Suspensões – partículas maiores que 100 nm. Ex.: Terra suspensa na água.

Soluções – são misturas homogêneas de duas ou mais substâncias.

Classificação

a) De acordo com o estado de agregação da solução

  • Solução sólida – Ex: Liga metálicas;
  • Solução líquida – Ex: Sal em água;
  • Solução gasosas – Ex: Ar atmosférico.

b) De acordo com os estados de agregação dos componentes

  • Solução sólido-sólido – Ex: Ligas metálicas;
  • Solução sólido-líquido – Ex: Sal em água;
  • Solução sólido-gás – Ex: Naftaleno no ar;
  • Solução líquido-sólido – Ex: Água em sólidos, CaCl2 (é bastante higroscópico);
  • Solução líquido-líquido – Ex: Água e álcool;
  • Solução líquido-gás – Ex: Umidade do ar; Neblina.
  • Solução gás-sólido – Ex: Hidrogênio retido em platina (usado para hidrogenação de gorduras (fabricação de margarina));
  • Solução gás-líquido – Ex: Gás carbônio em refrigerantes ou água mineral com gás;
  • Solução gás-gás – Ex: Todas as misturas gasosas.

c) De acordo com a proporção entre soluto e solvente

  • Solução diluída – contém muito pouco soluto em relação ao solvente;
  • Solução concentrada – contém quantidades de solutos altas em relação ao solvente.

d) De acordo com a natureza do soluto

  • Solução molecular – as partículas dispersas (soluto) são moléculas. Ex: Açúcar em água;
  • Solução iônica – as partículas dispersas (soluto) são iônicas. Ex: Sal em água.

Regras de solubilidade

“Semelhante dissolve semelhante.”

Uma substância polar é solúvel em um solvente polar e uma substância apolar é solúvel em um solvente apolar, com algumas exceções.

Coeficiente de solubilidade ou grau de solubilidade

Refere-se à quantidade, normalmente em gramas, de soluto necessária para saturar certa quantidade de solvente em certas condições de pressão e temperatura. Quantidade máxima de soluto possível de ser solubilizada em certo solvente.

Ex: É possível dissolver até 357g de NaCl em 1 L de água nas CNTP.

Quando a quantidade de soluto dissolvida é muito pequena (tendendo a zero) dizemos que a espécie é insolúvel ou imiscível (no caso de solução de líquido-líquido).

As soluções se dividem em:

  • não saturadas – contém menos soluto que o coeficiente de solubilidade;
  • saturadas – contém massa de soluto igual ao coeficiente de solubilidade;
  • supersaturada – contém massa de soluto maior que o coeficiente de solubilidade.

Fatores que influenciam o coeficiente de solubilidade

Temperatura – a elevação da temperatura aumenta a solubilidade do soluto na maioria dos casos.

Obs.: No caso da solubilidade de gases em água, a elevação da temperatura diminui a solubilidade e o aumento de pressão aumenta a solubilidade.

Saiba mais sobre Dispersões nesta aula do canal o kuadro, disponível no Youtube. Após assistir, revise o que você aprendeu respondendo aos nossos desafios!

Desafios

Questão 1

A tabela, a seguir, refere-se à solubilidade de um determinado sal nas respectivas temperaturas:

Temperatura (ºC)

Solubilidade do Sal (g/100g de H2O)

30

60

50 70

Para dissolver 40g desse sal à 50ºC e 30ºC, as massas de água necessárias, respectivamente, são:

a) 58,20g e 66,67g

b) 68,40g e 57,14g

c) 57,14g e 66,67g

d) 66,67g e 58,20g

e) 57,14g e 68,40g

Dica 1 – Relembre tudo sobre as Fontes Energéticas em mais esta aula preparatória para a prova de Química Enem. Estude conosco para o Exame Nacional do Ensino Médio! – https://blogdoenem.com.br/fontes-energeticas-quimica-enem/

Questão 2

A hidroxiapatita é o fosfato natural existente em solos, e sua dissolução em meio ácido dá origem ao íon H2PO4sendo esse último composto necessário para a nutrição das plantas.

A reação de dissolução da hidroxiapatita pode ser representada por

Ca5(PO4)3OH(s) + 7H+(aq) → 5Ca+2(aq) + 3H2PO4(aq) + H2O(l)

hidroxiapatita

Em relação à solução apresentada na questão anterior, é correto afirmar que a hidroxiapatita origina uma solução _____________e, segundo seu estado físico, é uma solução _________________.

a) iônica – sólida

b) iônica – líquida

c) molecular – sólida

d) molecular – líquida

e) molecular – gasosa

Dica 2 – Revise tudo sobre o Cálculo de DeltaH, Entalpia e Entropia em mais uma aula de Química Enem – https://blogdoenem.com.br/calculo-de-%CE%B4h-quimica-enem/

Questão 3

A maionese é um exemplo de:

a) solução coloidal

b) suspensão

c) mistura homogênea

d) substância composta

e) solução líquido-gás

Dica 3 – Revise tudo sobre os Principais compostos orgânicos e inorgânicos em mais esta aula preparatória para a prova de Química Enem – https://blogdoenem.com.br/principais-compostos-organicos-e-inorganicos-quimica-enem/

Questão 4

Uma solução composta por duas colheres de sopa de açúcar (34,2g) e uma colher de sopa de água (18,0g) foi preparada. Sabendo que: MMsacarose = 342,0g mol1,MMágua = 18,0g mol-1, Pfsacarose = 184°C e Pfágua = 0°C, podemos dize r que:

1) A água é o solvente, e o açúcar o soluto.

2) O açúcar é o solvente, uma vez que sua massa é maior que a da água.

3) À temperatura ambiente, o açúcar não pode ser considerado solvente por ser um composto sólido.

Está(ão) correta(s):

a) 1 apenas

b) 2 apenas

c) 3 apenas

d) 1 e 3 apenas

e) 1, 2 e 3

Questão 5

Colocando-se 400g de cloreto de sódio (NaCl) em 1 litro de água pura, à temperatura de 25°C, podemos afirmar que:

Dado: CS = 360g de NaCl / L de água, a 25°C.

a) O sal se dissolve totalmente.

b) O sal não se dissolve.

c) Parte do sal se dissolve e o excesso se deposita, formando uma solução saturada.

d) O cloreto de sódio, a 25°C, é insolúvel.

e) Precisaríamos de 200g de cloreto de sódio a mais para que ele se dissolvesse totalmente.

 Você consegue resolver estes exercícios? Então resolva e coloque um comentário no post, logo abaixo, explicando o seu raciocínio e apontando a alternativa correta para cada questão. Quem compartilha a resolução de um exercício ganha em dobro: ensina e aprende ao mesmo tempo. Ensinar é uma das melhores formas de aprender!