Exercícios sobre concentração comum e molar de soluções

Relembre como calcular concentração comum e molar de soluções e teste os seus conhecimentos com exercícios de Química que caíram no Enem e no vestibular!

A concentração comum de uma solução e a concentração molar são conteúdos que caem frequentemente nas questões de Química do Enem e dos vestibulares. Então relembre como calcular cada uma delas e teste seus conhecimentos com exercícios sobre concentração de soluções!

Resumo sobre concentração de soluções

A concentração de uma solução é a quantidade de soluto, em gramas, existente em 1 litro de solução. Em outras palavras, concentração é o quociente entre a massa do soluto (em gramas) e o volume da solução (em litros). A fórmula para calcular a concentração é a seguinte:

C = m/v

Onde:

  • C = concentração (g/L)
  • m= massa do soluto (g)
  • v= volume da solução (L)

Enquanto isso, a concentração molar ou molaridade de uma solução é quantidade em mols de soluto existente em um litro de solução. A fórmula para calcular a concentração molar pode ser uma das duas a seguir:

M = n/v

ou

M = m/Mm.v

Em que:

  • M = concentração molar (mols/L)
  • n = número de mols (mol)
  • v = volume da solução (L)
  • m = massa de soluto (g)
  • Mm = massa molar (g/mol)

A fim de saber como utilizar essas fórmulas em exercícios sobre concentração de soluções, confira o exemplo a seguir.

Exemplo

Calcule a concentração comum e a concentração molar de uma solução com 20 gramas de NaOH em 4 litros de água. Dados: Na = 23g/mol; H = 16g/mol; O = 1g/mol.

Primeiramente, vamos calcular a concentração comum com dados fornecidos pela questão:

C = m/v

C = 20g/4l

C = 5 g/l

Portanto, a concentração da solução é de 5g/l.

Em seguida, vamos calcular a concentração molar. Para isso, vamos aplicar a fórmula M = m/Mm.v. Nós já temos a massa (20g) e o volume (4l). Portanto, precisamos descobrir a massa molar antes de aplicar a fórmula. Como a questão nos forneceu a quantidade de mols presente em cada elemento, teremos que somar quantos mols existem na molécula de NaOH:

23 + 16 + 1 = 40 g/mol

Em seguida, podemos aplicar a fórmula:

Exercício sobre concentração molar de soluções

Portanto, a concentração molar da substância é de 0,125 mol/l.

Videoaula

Para entender melhor como calcular a concentração de soluções e ver mais exemplos, assista à videoaula do professor Sobis:

Exercícios sobre concentração de soluções

Por fim, resolva exercícios sobre concentração de soluções que já caíram no Enem e nos vestibulares. No final você confere seu número de acertos!

.

Ana Cristina Peron

Ana Cristina Peron é formada em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. É redatora do Curso Enem Gratuito e do Blog do Enem.
Categorias: Simulado Química, Simulados Enem