Faltam:
para o ENEM

Propriedades Gerais da Matéria. Química para Vestibular e Enem.

Entenda tudo sobre as Propriedades Gerais da Matéria . É conteúdo de Química para o Enem e o Vestibular. Confira abaixo e revise sobre Massa, Elasticidade, Impenetrabilidade e muito mais!

Você se lembra das aulas sobre Propriedades Gerais da Matéria que acontecem ao longo do Ensino Medio? – Não está bem clara para você? Então, é hora de revisar! Vamos lá.  Veja na imagem quais são elas:

propriedades gerais da matéria

As  propriedades Gerais da Matéria são observadas em qualquer corpo, independente da substância de que ele é feito, são Massa, Extensão, Compressibilidade, Elasticidade, Divisibilidade, Impenetrabilidade, e ainda Propriedades Específicas para alguns corpos tais como ‘odor’, ‘cor’, e muito mais.  – Recordou? Então, veja abaixo para não esquecer e mergulhar bem no conteúdo.

Massa

Massa é a medida da quantidade de matéria existente em um corpo. A massa mede a resistência que um corpo possui de alterar a situação que se encontra (em repouso ou movimento), ou seja, a inércia. Quanto maior a massa, maior a inércia. Então, Massa é uma das Propriedades Gerais da Matéria!

Unidades de medida de massa

Química Enem

Extensão:

É o volume que um corpo ocupa no espaço.

Unidades de medida

aula1_fig003.tif

Compressibilidade

É a capacidade que um corpo possui de diminuir seu volume quando uma força é exercida sobre ele.

Dica 1 – Preparado para o Exame Nacional do Ensino Médio? Estude sobre as Biomoléculas nesta aula de Química Enem que preparamos para você – https://blogdoenem.com.br/biomoleculas-quimica-enem/

Gases são altamente compressíveis, enquanto líquidos e sólidos praticamente não se comprimem (Exceto sob altíssimas pressões).

aula1_fig004.tif

(a) Antes da compressão e (b) após a compressão

Elasticidade

É a capacidade que um corpo tem de voltar ao estado inicial após ser submetido a uma força de deformação.

Lembrando que essa força deve ser exercida dentro de um limite para não destruir a matéria.

Ex.: Elasticidade da nossa pele.

aula1_fig005.tif

Divisibilidade

Propriedade que a matéria tem de ser dividida em partículas muito pequenas, sem alterar suas propriedades.

aula1_fig006.tif

Pedreira em funcionamento – as rochas são fragmentadas dando origem às pedras britas, etc.

Impenetrabilidade

Dois corpos não podem estar simultaneamente (ao mesmo tempo) no mesmo lugar no espaço.

aula1_fig007.tif

Para que o copo afunde, é necessário que todo o ar presente nele saia. Percebeu como não é nada complicado de aprender as Propriedades Gerais da Matéria?

Dica 2 – Fique preparado para as provas do Enem e revise sobre as Funções Orgânicas em mais uma aula de Química Enem que preparamos para você – https://blogdoenem.com.br/funcoes-organicas-quimica-enem/

Veja agora as Propriedades Específicas da Matéria.

Estas São propriedades que variam conforme as substâncias de que a matéria é feita, e por isso mesmo não são ‘Propriedades Gerais da  Matéria’. Confira a seguir a lista e as características das Propriedades Especificas:

Organolépticas – perceptíveis pelos nossos 5 sentidos (tato, paladar, visão, audição e olfato).

Cor, odor e sabor – diferentes materiais apresentam diferentes cores, odores e sabores.

Brilho- é a capacidade que a matéria possui em refletir a luz que incide sobre ela. Ex.: Brilho do ouro, diamante, etc.

Físicas – são propriedades que caracterizam fisicamente a matéria.

Ponto de fusão e de ebulição – são as temperaturas (dependem da pressão atmosférica) onde a matéria passa do estado sólido para o estado líquido e do estado líquido para o estado gasoso, respectivamente.

Densidade ou massa específica de um corpo – é definida pela razão massa volume de um corpo, ou seja, define o quanto as moléculas estão agrupadas. Quanto mais denso, mais próximos os átomos constituintes da matéria.

aula1_fig008.tif

Solubilidade – quantidade de matéria que pode ser dissolvida em certa quantidade de solvente.

Condutividade térmica e elétrica – capacidade da matéria conduzir calor e elétrons (corrente elétrica), respectivamente.

aula1_fig009.tif

Uso de cobre para confecção de fios, panelas e canos para transporte de água aquecida.

Dureza – é a resistência que um corpo tem ao ser riscado por outro. Escala de dureza em Mohs.

Ex.: O talco tem a menor dureza natural e o diamante é o mais duro. O diamante é usado para cortar (riscar) mármore, granito e vidro.

Ductibilidade – capacidade da matéria ser transformada em fios. Ex.: Fios de cobre, fios de ouro.

Maleabilidade – capacidade da matéria ser transformada em lâminas (folhas). Ex.: Folhas de zinco, lâminas de ferro.

Magnetismo – capacidade de atrair o ferro e outros materiais paramagnéticos.

Químicas – qualquer reação química que a matéria pode sofrer.

Funcionais – Acidez; Basicidade; Salinidade

Fenômenos químicos ou reações químicas

Ocorrem quebras e formação de ligações químicas, as quais alteram a matéria. As moléculas dos reagentes são quebradas e reagrupadas para formarem novos compostos.

Dica 3 – Aproveite esta aula sobre Radioatividade de Química Enem que preparamos para você, com exercícios e videoaulas para sanar todas as suas dúvidas – https://blogdoenem.com.br/radioatividade-quimica-enem/

Ex.: Queima da madeira; reação entre um ácido e uma base formando sal e água (neutralização), etc.

aula1_fig010.tif

Queima da madeira

Fenômenos físicos ou transformações físicas. Ocorrem sem alterar as propriedades químicas da matéria. São fenômenos reversíveis ou passageiros. Misturar sem reagir os compostos é também um fenômeno físico.

Ex.: Mudança do estado físico da água; quebrar um giz, etc.

aula1_fig011.tif

Água passando do estado líquido para o estado vapor (evaporação)

Saiba mais sobre Propriedades da matéria nesta aula do canal VideosEducativos, disponível no Youtube. Após assistir, revise o que você aprendeu respondendo aos nossos desafios!

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=IH1ZEZkcI7I]

Desafios

Questão 1

As queimadas consomem milhares de hectares de florestas pelo mundo todos os anos. Quanto a elas, pode-se afirmar que:

a) as queimadas são fenômenos físicos.

b) as queimadas são fenômenos químicos.

c) gerou-se muita chuva.

d) houve mudança de estado da matéria com as queimadas.

e) as queimadas causaram uma diminuição da poluição mundial.

Questão 2

Considere os fenômenos seguintes:

I. Ao abrir uma garrafa de refrigerante, ocorre liberação de gás.

II. Ao se colocar água oxigenada sobre uma ferida, ocorre efervescência.

III. Através de um canudinho para refrigerante, ao soprar sobre água de cal, ocorre turvação.

IV. Ao se colocar fermento na massa de pão, observa-se, pouco tempo depois, a expansão da massa.

V. Quando se deixa cair, sobre a língua, gotas de limão, tem-se uma forte sensação de sabor azedo.

São fenômenos físicos:

a) I e II.

b) II e III.

c) I e IV.

d) III e V.

e) I e V.

Questão 3

Toda matéria ocupa lugar no espaço. Densidade é a razão da massa de um objeto dividida pelo volume que esta massa ocupa. Logo, se uma massa igual de material pode preencher o volume de qualquer recipiente onde é colocado, podemos afirmar que este material é:

a) líquido.

b) sólido ou gás.

c) líquido ou sólido.

d) líquido ou gás.

e) gás.

Questão 4

O cobre é um metal amplamente utilizado na fabricação de fios para transportar eletricidade, bem como na fabricação de tubulações para transporte de água aquecida.

São propriedades do Cobre exceto:

a) ductibilidade.

b) alta condutividade elétrica.

c) brilho metálico.

d) maleabilidade.

e) magnetismo.

Questão 5

Considere os processos:

I) Transformação de uma rocha em pó através de pressão.

II) Revelação de filme .

III) Desaparecimento de bolinhas de naftalina colocadas no armário para matar traças.

IV) Obtenção de querosene a partir do petróleo.

V) Corrosão de uma chapa de ferro.

São exemplos de transformações químicas os processos:

a) I, III e IV

b) II e V

c) II, IV e V

d) I, IV e V

e) I, II e V

 

Você consegue resolver estes exercícios? Então resolva e coloque um comentário no post, logo abaixo, explicando o seu raciocínio e apontando a alternativa correta para cada questão. Quem compartilha a resolução de um exercício ganha em dobro: ensina e aprende ao mesmo tempo. Ensinar é uma das melhores formas de aprender!