Faltam:
para o ENEM

Revise os tipos de tecido conjuntivo (aula 1) – Biologia Enem

Revise aqui nesta aula gratuita do Blog do Enem os tipos de tecido conjuntivo e arrase nas questões de Biologia do Enem e dos vestibulares do Brasil.

Os tecidos conjuntivos originam-se da mesoderme e possuem uma grande quantidade de substância intercelular, formada por diferentes tipos de fibras proteicas.

Dependendo do tipo de célula e de matriz extracelular, os tecidos conjuntivos irão desempenhar diferentes funções no organismo, como o transporte de substâncias, armazenamento de energia e sustentação.

Você conhece os tipos de tecidos conjuntivos e suas funções? Não? Então fique ligado neste post e arrase nas questões de Biologia do Enem e dos vestibulares.

Dica 1: Revise também o tecido epitelial e suas características! Veja este super post com uma divertida videoaula de biologia do professor Paulo Jubilut e dicas da professora Juliana Evelyn dos Santos: https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-tecido-epitelial/
Para iniciar sua revisão, veja esta interessante videoaula de biologia do professor Hélio Apóstolo, do canal Vestibulando do Youtube:

E aí, curtiu o vídeo? Muito bom, não é mesmo? Agora, para revisar tudo sobre os tecidos conjuntivos, veja o resumo que preparamos para você:

Biologia Enem

Tecido conjuntivo propriamente dito: O tecido conjuntivo propriamente dito situa-se abaixo da epiderme na pele, assim como em regiões internas do organismo,protegendo e preenchendo espaços entre os órgãos internos. Nesse tecido há uma grande quantidade de material extracelular, formada por um gel com mucopolissacarídeos e proteínas ligadas a glicídios que dão firmeza e elasticidade ao tecido.

Nessa matriz estão mergulhados vários tipos de células, como os fibroblastos (que produzem proteínas e glicídios), adipócitos (que armazenam gordura), macrófagos (que fagocitam microrganismos e partículas inertes), plasmócitos (que fabricam anticorpos) e mastócitos (que produzem histamina e heparina – vasodilatadora e anticoagulante).

Na matriz há ainda três tipos de fibras: colágenas (resistente à tração), elásticas (feitas de elastina, que cede à tração e volta ao formato original) e reticulares (formado de glicoproteínas que compõem uma rede de sustentação).

De acordo com a quantidade de fibras presentes no tecido conjuntivo propriamente dito podemos classificá-lo em dois subtipos: denso (com grande concentração de filbras, presente nos tendões) e frouxo (com poucas fibras, presente nos espaços entre os órgãos e na pele).

Dica 2:Revise também o sistema nervoso! Veja esta super revisão com aula da Khan Academy! https://blogdoenem.com.br/biologia-sistema-nervoso/

Tecido conjuntivo adiposo: O tecido conjuntivo adiposo tem como principal função reservar energia na forma de lipídeos. Além disso, auxilia o organismo na proteção térmica e na proteção contra choques mecânicos. Neste tecido encontramos os adipócitos, células que possuem boa parte do seu interior ocupado por uma bolsa que reserva lipídeo.

Dica 3: Que tal dar uma revisadinha no sistema imunológico? Veja este post com uma divertida aula de biologia da Khan Academy: https://blogdoenem.com.br/sistema-imunologico-biologia-enem/

Tecido conjuntivocartilaginoso: Também chamado de cartilagem, o tecido conjuntivo cartilaginoso é formado por células jovens, os condroblastos (produtoras de fibras colágenas e da matriz), que depois, quando adultas, são chamadas de condrócitos.

Estas células ao envelhecerem têm uma redução de volume e, assim, ficam alojadas em lacunas presentes na matriz extracelular. O tecido cartilaginoso é resistente, porém não tão rígido quanto o tecido ósseo. Além disso, assim como o tecido epitelial, as cartilagens não possuem vasos sanguíneos ou nervos. Por tal motivo, precisa ser nutrido pelos tecidos adjacentes.

O tecido conjuntivo cartilaginoso é encontrado entre algumas articulações móveis para amortecer movimentos. Além disso, pode formar estruturas como o nariz, as orelhas, partes da laringe e epiglote.

Tecido conjuntivo ósseo: O tecido conjuntivo ósseo é um tecido de sustentação definitivo, mais forte e rígido do que a cartilagem. Isso ocorre, pois, a matriz é enriquecida com sais de cálcio, fósforo e magnésio.

Além disso, a matriz óssea contém fibras colágenas que conferem ao tecido certa elasticidade. O tecido ósseo, ao contrário do que possa parecer, é um tecido vivo. Por isso, possui vasos sanguíneos o permeando para levar nutrientes e oxigênio.

Estes vasos sanguíneos estão em canais que passam por entre a matriz, chamados de canais de Havers. A matriz óssea é produzida por células jovens chamada de osteoblastos. Quando essas células ficam maduras, passam a ser chamadas de osteócitos, que se alojam em cavidades ou lacunas que se ligam através de pequenos canais.

Além dessas duas células há também os osteoclastos, células responsáveis pela desconstrução e remodelamento do tecido conjuntivo ósseo.

Dica 4:Revise também o esqueleto humano e suas funções! Para isto, veja este super post com dicas da professora Juliana: https://blogdoenem.com.br/esqueleto-humano-biologia-enem/

Tecido conjuntivo hematopoiético:O tecido conjuntivo hematopoiético é responsável pela produção de elementos figurados do sangue.

Podemos dividir este tecido em dois tipos: tecido mieloide ou medula óssea vermelha (presente no interior de alguns ossos, possui células-tronco capazes de se transformarem em células sanguíneas) e tecido linfático ou linfoide (nesse tecido, os linfócitos, produzidos na medula óssea, reproduz-se e passa a atacar antígenos, está presente nos linfonodos, no timo e no baço).

O sangue e a linfa também podem ser considerados como tipos especiais de tecido conjuntivo, em que a matriz extracelular é líquida.

Agora que você já revisou os principais tipos de tecido conjuntivo, que tal testar seus conhecimentos?

1) (UEL-2006) O osso, apesar da aparente dureza, é considerado um tecido plástico, em vista da constante renovação de sua matriz. Utilizando-se dessa propriedade,ortodontistas corrigem as posições dos dentes,ortopedistas orientam as consolidações de fraturas e fisioterapeutas corrigem defeitos ósseos decorrentes de posturas inadequadas. A matriz dos ossos tem uma parte orgânica proteica constituída principalmente por colágeno,e uma parte inorgânica constituída por cristais de fosfato de cálcio, na forma de hidroxiapatita.Com base no texto e nos conhecimentos sobre tecido ósseo, é correto afirmar:

a) A matriz óssea tem um caráter de plasticidade em razão da presença de grande quantidade de água associada aos cristais de hidroxiapatita.

b) A plasticidade do tecido ósseo é resultante da capacidade de reabsorção e de síntese de nova matriz orgânica pelas células ósseas.

c) O tecido ósseo é considerado plástico em decorrência da consistência gelatinosa da proteína colágeno que lhe confere alta compressibilidade.

d) A plasticidade do tecido ósseo, por decorrer da substituição do colágeno, aumenta progressivamente, ao longo da vida de um indivíduo.

e) A matriz óssea é denominada plástica porque os ossos são os vestígios mais duradouros que permanecem após a morte do indivíduo.

2) (FaZU-2001) As células do sangue são originadas de células totipotentes que estão localizadas:

a) no tecido nervoso

b) no tecido muscular liso

c) na medula óssea vermelha

d) no tecido muscular estriado

e) no tecido cartilaginoso

Respostas: 1) B; 2) C.

Dica 5: Você quer ver mais vídeos legais de Biologia? Então acesse a plataforma da Khan Academy em português! Lá você encontrará vídeo-aulas e exercícios de várias disciplinas que podem te ajudar no Enem! Confira: https://pt.khanacademy.org/welcome
Dica 6: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente! https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-apostila-gratuita/
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.