Engenharia de Materiais: veja o curso de graduação e o mercado de trabalho

Antes de escolher sua profissão, pesquise e descubra como é o mercado de trabalho e quais são as principais disciplinas. Hoje você vai conhecer tudo sobre o curso de Graduação em Engenharia de Materiais!

A Engenharia de Materiais é um ramo que estuda e desenvolve tecnologias inovadoras para a produção de novos produtos. Utiliza a pesquisa de materiais e novas aplicações para os já existentes. Essa pesquisa resulta na criação de novos materiais como ligas metálicas, resinas e plásticos para a indústria.

Quem é o Engenheiro de Materiais?engenharia de materiaisQuem se forma no curso de graduação em Engenharia de Materiais atua como profissional que, além de utilizar a pesquisa na criação de materiais como ligas metálicas, plásticos e resinas; aperfeiçoará suas propriedades,  estabelece novas combinações com o objetivo de criar novos materiais.

É o responsável por todo o processo de produção desde a seleção da matéria-prima até a finalização dos produtos criados. As principais áreas de atuação do Engenheiro de materiais são a de polímeros, metais e cerâmica.

O curso graduação em Engenharia de materiais

Por ser um curso de caráter predominantemente científico, a maior parte de sua carga horária se passa em laboratórios. Com duração de cinco anos, a partir de terceiro ano, ou seja, da formação básica em engenharia, o aluno optará por umas das áreas de especialização: metais, cerâmicas ou polímeros.

Ao fazer a escolha das disciplinas dará ênfase a uma área:

  • Metais – O profissional especializado em metais atuará na produção de aço, em diversos tipos de indústrias, inclusive as de alta tecnologia como na produção de processadores de computador.
    Cerâmica – O Engenheiro especializado em cerâmica atuará na produção de tijolos, telhas e produtos de revestimento. Além disso, poderá trabalhar em indústrias de vidro.
    Polímeros – Este profissional desenvolverá diversos tipos de plásticos para todos os tipos de aplicação.

O estágio é obrigatório e o momento atual para iniciá-lo é a partir do quinto ano. Como estagiário o alunos desenvolverá atividades como controle de qualidade de materiais e produtos, projetos de produtos, ensaios de matérias-primas e produtos, dentre outras.

Aqui você conhece as principais disciplinas que vai estudar ao longo do curso de graduação em Engenharia de Materiais: Mineralogia; Física; Química; Resistência de Materiais; Cálculo; Siderurgia; Termodinâmica dos solos; Tratamento de minérios.

Entenda melhor sobre o curso de Engenharia de Materiais assistindo a este vídeo produzido pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, a Unisinos, no Estado do Rio Grande do Sul:

Dica 2: Mandar bem na Redação faz toda a diferença na sua média final no Enem ou no Vestibular. Veja aqui as principais dicas para uma boa Redação.

Mercado de trabalho para Engenharia de Materiais

O mercado carece de profissionais formados em Engenharia de Materiais, porém isso não significa falta de oportunidades. Pelo contrário, demonstra um mercado pronto para receber novos profissionais. As indústrias siderúrgicas e petroquímicas são as que mais contratam Engenheiros de Materiais.Graduação em Engenharia de Materiais

Além disso, os engenheiros de materiais podem atuar em indústrias na transformação de polímeros. A Petrobrás também é uma ótima oportunidade de trabalho uma vez que contrata esses profissionais para desenvolver materiais que resistam aos ambientes do petróleo, além de fazer a manutenção desses equipamentos.

O Salário inicial, segundo Crea-SP, está na faixa de R$ 4,5 mil.

Perfil do profissional após a formação

O profissional após a formação deverá ser capaz de atuar na resolução de problemas nos processos de fabricação e seleção dos materiais envolvidos nos mais variados tipos de aplicações. Além disso, trata-se de um profissional engajado e preocupado com as questões ambientais, sociais e humanas.

Apesar de se tratar de uma área bastante científica, o profissional formado em Engenharia de Materiais será capaz de desenvolver trabalhos em equipe e buscar sempre estar atualizado sobre novas tecnologias.

E aí, pronto para entrar em Engenharia de Materiais? Se esse ainda não é o seu curso, clique aqui e conheça o nosso Guia de Profissões.

 Post escrito por Lidiane Franqui, blogueira e redatora freelancer. Escreve para sites e blogs de diversos segmentos, entre eles educação, Marketin Digital e desenvolvimento pessoal.  Facebook: https://www.facebook.com/lidiane.franqui.3