Flores Angiospermas – Revisão de Biologia Enem

Gineceu, androceu, pétalas, sépalas... Revise todas as estruturas das flores das angiospermas com o Blog do Enem!

As flores geralmente são as partes mais chamativas e admiradas das plantas. Coloridas e geralmente perfumadas, as flores das angiospermas atraem animais que ajudam na reprodução destas plantas – os polinizadores. Você conhece todas as partes de uma flor de angiosperma? Não? Então revise aqui com o Blog do Enem e arrebente as questões de Biologia do Enem e dos Vestibulares!

As flores são os órgãos reprodutivos de uma planta. Em geral, as angiospermas apresentam flores monoicas (hermafroditas), ou seja, que possuem os dois sexos (masculino e feminino) em uma mesma flor. Além das estruturas envolvidas na produção de gametas, as flores geralmente possuem outras estruturas envolvidas na atração de polinizadores, como pétalas e nectários. Para saber disso e muito mais sobre as estruturas florais, veja o resumo que preparamos para você:

Pedúnculo: Também chamado de haste, o pedúnculo é uma estrutura que prende a flor ao caule e sustenta as demais estruturas florais.

Receptáculo: O receptáculo é uma porção dilatada da extremidade do pedúnculo. O receptáculo serve de base para a inserção a vários conjuntos de círculos de verticilos florais (folhas modificadas que formam as estruturas forais). No receptáculo podem também se formar nectários.

Nectários: Estrutura que geralmente se desenvolve o receptáculo. O nectário produz néctar, líquido adocicado cuja principal função é atrair polinizadores (como borboletas, abelhas, beija-flores e morcegos).

Cálice: O cálice possui, em geral, coloração verde. O cálice é composto de sépalas, folhas pouco modificadas que protegem o botão da flor durante seu desenvolvimento, antes de desabrochar. Veja as sépalas de uma rosa na imagem a seguir:

Flores das angiospermas

Dica 1: Revise também os tipos de caules! Veja este super post com dicas da professora Juliana Santos.

Corola: A corola geralmente é a parte mais vistosa da flor. É composta de um conjunto de folhas modificadas – as pétalas. As pétalas possuem as mais variadas cores e formas e podem secretar diferentes odores (com cheiros agradáveis ao nosso olfato ou não) para atrair os diferentes polinizadores. Além disso, as pétalas também ajudam a proteger os verticilos mais internos.

Flores das angiospermas

Dica 2: Você sabia que as pétalas possuem estruturas epidérmicas especiais para dar a elas textura aveludada? São as papilas! Saiba disso e muito mais neste super post sobre tecidos vegetais.

Androceu: O androceu é a parte masculina da flor. As folhas que formam o androceu são muito modificadas (nem parecem folhas!) – são os estames. Cada estame possui uma parte mais dilatada na extremidade (que corresponderia ao libo de uma folha) – a antera (dividida em dois compartimentos com um tecido conectivo entre elas) e o filete, que é continuação do tecido conectivo e prende o androceu ao receptáculo. Cada compartimento da antera possui dois sacos polínicos (microsporângios) que produzem esporos e geram o grão de pólen (gametófito masculino). O grão de pólen irá originar o gameta masculino.

Flores das angiospermas

Gineceu: O gineceu é a parte feminina da flor.  O gineceu é constituído por folhas modificadas que se fecham e formam os carpelos. Cada carpelo possui uma base dilatada, chamada de ovário. Acima do ovário há um tubo, chamado de pedúnculo ou estilete. Na extremidade do estilete há uma segunda dilatação – o estigma, que recebe o grão de pólen pouco antes da fecundação. No ovário, dependendo da espécie, podemos encontrar um ou mais óvulos (macrosporângios) que produzem esporos. Quando os óvulos crescem, formam-se os sacos embrionários (gametófito feminino), onde está a oosfera (gameta feminino). Na maior parte das espécies encontramos gineceus com carpelos independentes, cada um com seu ovário e, em cada ovário, há uma cavidade – a loja ou loco, com um ou mais óvulos. Há também flores que possuem carpelos fundidos que formam um único ovário, que pode ter um ou mais óvulos.

Flores das angiospermas

Dica 3: Vocês conhece a estrutura das folhas? Não? Então dê uma espiadinha neste post e fique craque em botânica.

E aí, curtiu o resumo? Conseguiu tirar suas dúvidas? Beleza! Agora, que tal ver uma videoaula para fixar o conteúdo? Veja esta ótima videoaula do canal “Me salva!”, do Youtube:

E aí, curtiu o vídeo? Beleza! Agora, que tal testar seus conhecimentos?

1) (PUC – MG) Relacione a primeira coluna com a segunda:

  1. Cálice
  2. Corola
  3. Androceu
  4. Gineceu

( ) Conjunto de estames.
( ) Formado pelas sépalas.
( ) Conjunto de pétalas.
( ) Formado por uma ou mais folhas carpelares. A relação está CORRETA em:

a) 1, 2, 3 e 4.
b) 2, 4, 3 e 1.
c) 3, 1, 2 e 4.
d) 4, 3, 1 e 2.
e) 2, 1, 4 e 3.

Resposta: C.

Dica 5: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente!
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.