Tipos de flor – Revise Biologia com o Blog do Enem

Flor simples ou inflorescência? Você sabe a diferença entre uma flor ou outra? Não? Então revise nesta aula de Biologia conosco, aqui no Blog do Enem!

As flores das angiospermas geralmente são bonitas e perfumadas. Todos os seus encantos têm como objetivo perpetuar cada espécie, permitindo a reprodução. Cada espécie de angiosperma tem flores adaptadas ao ambiente e aos polinizadores disponíveis. Há plantas que possuem flores simples, outras, inflorescências. Você sabe a diferença entre estes tipos de flores? Não? Então revise os tipos de flores aqui e arrase nas questões de Biologia do Enem e dos Vestibulares!

Classificação das flores quanto ao sexo: A maior parte das espécies de angiospermas possuem flores hermafroditas, ou seja, possuem os dois sexos na mesma flor. Quando isso ocorre, as flores possuem adaptações para evitar a autofecundação como, por exemplo, o estigma do gineceu ser mais alto que o androceu ou ainda o carpelo amadurecer antes dos estames. Há também plantas que possuem flores unissexuadas, ou seja, de sexos separados – há flores femininas e flores masculinas separadamente.  Uma planta pode ser monoica tendo flores hermafroditas (monoclinas, como a rosa) ou tendo os dois tipos de flores unissexuadas (díclinas) na mesma planta. Há ainda plantas dioicas, tendo vegetais apenas com flores unissexuadas masculinas e vegetais com flores unissexuadas femininas (como o mamoeiro).

Tipos de flor

Dica 1: Antes de continuar sua revisão, que tal estudar as estruturas das flores das angiospermas? Para isso, veja este super post com aula do canal “O Kuadro”.

Classificação das flores quanto ao número de flores por pedúnculo: Chamamos de flor simples quando encontramos apenas uma flor por pedúnculo. As flores simples ocorrem na maioria das angiospermas.

Tipos de flor

Há também plantas que possuem várias flores saindo do mesmo pedúnculo. Chamamos estes conjuntos florais de inflorescências. Existem dois tipos principais de inflorescências: as inflorescências definidas (como a “coroa-de-cristo” que tem uma flor terminal que floresce primeiro e possui crescimento definido) e as inflorescências indefinidas (como as margaridas e girassóis que possuem na extremidade da inflorescência ou no centro uma gema que continua crescendo, neste caso, as flores da periferia florescem primeiro).

Tipos de flor

Dica 2: Revise também os tipos de caules! Veja este super post com dicas da professora Juliana Santos.

Classificação das flores quanto à presença ou não de verticilos: Chamamos de completas as flores que possuem todos os verticilos florais (cálice, corola, androceu e gineceu) e incompletas aquelas em que faltam algum verticilo floral.

Classificação das flores quanto à simetria floral: Nas flores das dicotiledôneas, as flores possuem simetria tetrâmera, ou seja, cada verticilo possui quatro peças ou múltiplos de quatro. As dicotiledôneas podem também apresentar simetria pentâmera, com cinco peças ou múltiplos de cinco. Nas flores de monocotiledôneas, as flores são trímeras, ou seja, os verticilos possuem três peças ou múltiplos de três.

Dica 3: Você sabia que as pétalas possuem estruturas epidérmicas especiais para dar a elas textura aveludada? São as papilas! Saiba disso e muito mais neste super post sobre os tecidos vegetais.

E aí, conseguiu aprender um pouco mais sobre os tipos de flores? Então, para concluir sua revisão e recapitular os tipos de flores, veja esta super videoaula do canal “O Kuadro”, do Youtube:

Curtiu o vídeo? Agora, que tal testar seus conhecimentos?

(Uel) Considere as seguintes características:

I. folhas com nervuras reticuladas
II. folhas com nervuras paralelas
III. caule com feixes vasculares dispostos em círculo
IV. caule com feixes vasculares dispersos
V. flores pentâmeras
VI. flores trímeras

Assinale a alternativa da tabela que contém as características corretas de monocotiledôneas e de dicotiledôneas.

a) MONOCOTILEDÔNEAS: I, III, VI. DICOTILEDÔNEAS: II, IV, V.
b) MONOCOTILEDÔNEAS: I, IV, V. DICOTILEDÔNEAS: II, III, VI.
c) MONOCOTILEDÔNEAS: II, III, VI. DICOTILEDÔNEAS: I, IV, V.
d) MONOCOTILEDÔNEAS: II, IV, V. DICOTILEDÔNEAS: I, III, VI.
e) MONOCOTILEDÔNEAS: II, IV, VI. DICOTILEDÔNEAS: I, III, V.

Resposta: E.

Dica 4: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente!

Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.