Biologia – Borboletas, aranhas, camarões: o Filo dos Artrópodes!

Os artrópodes são o grupo de animais mais biodiverso do planeta! Eles podem aparecer na prova de Biologia do Enem e nos vestibulares! Vamos revisar?

Borboletas, aranhas, camarões, mosquitos, baratas… De cada quatro animais existentes no planeta, três são artrópodes! Um post seria pouco para listar toda a variedade de animais do Filo Arthropoda que faz parte de nossas vidas! Os artrópodes podem encher nossos olhos com sua beleza, podem ser vetores de inúmeras doenças, podem compor um delicioso prato em nosso almoço, podem nos matar com sua peçonha, destruir plantações ou serem essenciais para a produção agrícola.

A grande variedade de formas e nichos ecológicos levaram os artrópodes a dominarem praticamente todos os habitats do planeta e estabelecerem inúmeras relações ecológicas com outros seres vivos. Então, querido(a) candidato(a), com certeza eles são um importante Filo a ser estudado, pois podem aparecer nas questões de Biologia do Enem e dos Vestibulares. Vamos revisar?

Dica 1: Antes de continuar estudando o Filo dos Artrópodes, que tal revisar os conceitos e características básicas do Reino dos Animais? Então, veja este super post com vídeo-aula do professor Rubens Oda e dicas da professora Juliana Evelyn dos Santos: https://blogdoenem.com.br/biologia-reino-animais/

Para iniciar sua revisão, veja esta super vídeo-aula:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=z0TLLcsFUpU]

E aí, curtiu o vídeo? Beleza! Então, para saber tudo sobre as principais características do Filo dos Artrópodes veja o super post que preparamos para você:

Anatomia geral dos Artrópodes: Os artrópodes são animais triblásticos, celomados e com simetria bilateral. Possuem o corpo metamerizado, ou seja, composto de vários segmentos ou pedacinhos. É comum que nos artrópodes alguns metâmeros se fundam, formando os tagmas.  Os artrópodes possuem o corpo coberto de exoesqueleto constituído de quitina (substância também encontrada na parede celular dos fungos), que realiza a proteção e a sustentação do corpo do animal. Alguns animais desse grupo podem ter o exoesqueleto impregnado de algumas substâncias que os fortalecem, como no caso dos crustáceos, que possuem cálcio enriquecendo seu exoesqueleto. De tempos em tempos (esse intervalo de tempo varia de espécie para espécie) os artrópodes trocam o exoesqueleto em um processo chamado de muda ou ecdise. Isso faz com que sua curva de crescimento seja diferente dos demais animais, uma vez que chegam momentos em que o exoesqueleto do animal está “apertado” e o artrópode para de crescer até que realize nova muda. A característica mais importante desse grupo é a presença de apêndices articulados, como patas, antenas e asas e peças bucais (daí seu nome, arthros = articulado + podes = pés). Veja na imagem a seguir um inseto e seu exoesqueleto após realizar ecdise. Note também os apêndices articulados característicos dos artrópodes:

biologia artropodes

Dica 2: Revise também o Filo dos Poríferos! Veja este super post com aula divertida do professor Paulo Jubilut e dicas da Professora Juliana Santos: https://blogdoenem.com.br/biologia-reino-animais-poriferos/

Habitat dos Artrópodes: Por possuírem uma grande variedade anatômica e de nichos ecológicos, os artrópodes podem ser encontrados em praticamente todos os habitats da Terra. Há representantes aquáticos, como os crustáceos (encontrados tanto em ambientes dulcícolas quanto marinhos) e terrestres (como a maior parte dos insetos, aracnídeos, quilópodes e diplópodes).

Circulação nos Artrópodes: Os artrópodes possuem circulação aberta. Isso quer dizer que o “sangue” desses animais passa por vasos e depois extravasa penetrando por entre os tecidos. No dorso desses animais há um grande vaso capaz de bombear o sangue (como um coração, porém mais alongado).

Dica 3: Você conhece o Filo dos Cnidários? Não? Então se liga e revise esses animais também, pois eles também podem aparecer no Enem e nos vestibulares! Veja este post com vídeo-aula divertida do professor Paulo Jubilut: https://blogdoenem.com.br/cnidarios-aguas-vivas-corais/

Excreção nos Artrópodes: Os órgãos excretores dos artrópodes “filtram” o sangue desses animais para retirar os resíduos celulares que formarão a urina. Cada grupo de artrópode possui um tipo de órgão excretor diferente: os insetos, quilópodes e diplópodes realizam a excreção pelos túbulos de Malphigi; os aracnídeos, além dos túbulos de Malphigi, possuem também glândulas na base das pernas chamadas de glândulas coxais; nos crustáceos, a excreção é feita pelas glândulas antenais e pelas glândulas verdes ou maxilares (como ficam na cabeça, muitas pessoas dizem, por exemplo, que o camarão tem “coco” na cabeça, mas, na verdade, é excreta).

Respiração nos Artrópodes: Novamente, o aparelho respiratório apresenta diferenças em cada grupo de artrópodes: nos insetos, quilópodes e diplópodes a respiração se dá através de traqueias – estruturas tubulares que se ramificam até entrar em contato com todas as células do animal e desembocam em orifícios chamados de espiráculos; os crustáceos respiram através de brânquias localizadas na base das pernas; os aracnídeos podem ter traqueias semelhantes às dos insetos ou filotraqueias, estruturas laminares para a troca de oxigênio.

Dica 4: Que tal revisar também o Filo dos Platelmintos? Então veja este super post: https://blogdoenem.com.br/biologia-filo-platelmintos/

Sistema nervoso dos artrópodes: O sistema nervoso dos artrópodes é ganglionar, com gânglio cerebral bem desenvolvido de onde parte um cordão nervoso ventral.

Reprodução dos artrópodes: A reprodução se dá de maneira sexuada. No grupo dos artrópodes a maioria das espécies realiza fecundação interna e é ovípara. Além disso, boa parte das espécies possui sexos separados.

Principais grupos e classificações dos artrópodes: Classe Trilobite (sem representantes atuais, os trilobitas eram abundantes nos mares de eras geológicas passadas), Subfilo Urinamia (artrópodes com apêndices articulados não ramificados, como os insetos, diplópodes e quilópodes) e Subfilo Quelicerata (artrópodes com quelíceras, como os aracnídeos e os merostomatos ou caranguejos-pata-de-cavalo).

biologia - filo artropodes

Agora, que tal testar seus conhecimentos?

(UFOP-JULHO/2002) Observe as tiras.

 artropodes questao biologia

Sobre o sistema respiratório dos insetos, pode-se dizer:

a) Tubos finos ramificados partem de orifícios (espiráculos) situados aos pares nos segmentos do tórax e abdome.

b) Os alvéolos se situam perto dos espiráculos traqueais.

c) Os espiráculos se abrem em bolsas achatadas dispostas em leques, que terminam na hemocele, em vez de músculos e tecidos como nas aranhas.

d) A respiração dos insetos é, principalmente, do tipo cutânea.

Resposta: A.

Dica 5: Precisa revisar mais conteúdos de biologia? Veja os vídeos de Biologia da Khan Academy já traduzidos para o Português pela equipe da Fundação Lemann no http://www.fundacaolemann.org.br/khanportugues/#videos
Dica 6: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente! https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-apostila-gratuita/
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.