Borboleta, barata, mosquito! A classe dos Insetos do Filo Arthropoda!

Os insetos estão por todos os lados! E podem aparecer nas questões de Biologia do Enem e dos vestibulares! Que tal revisar a classe Insecta do Filo dos Artrópodes?

A Classe dos insetos (ou Classe Insecta) é o maior e mais bem distribuído grupo de artrópodes, e sendo assim, o grupo mais diversificado de animais do planeta. É também o único grupo de invertebrados a apresentarem asas e se adaptarem ao voo. Os insetos são em sua maioria terrestres, com poucos representantes aquáticos. São animais com o corpo dividido em cabeça, tórax e abomen, possuem um par de antenas, três pares de patas articuladas e podem ter asas. São parte extremamente importante dos ecossistemas, servindo de alimento nas cadeias alimentares (inclusive para seres humanos de várias culturas), ajudando na polinização das plantas, sendo parasitas, ou ainda transmissores de doenças. Além de sua importância para a vida na Terra, eles podem ser muito importantes para você também, pois podem aparecer nas questões de biologia do Enem e dos vestibulares. Então, que tal revisar a Classe dos insetos?

Dica 1: Antes de continuar estudando a Classe dos Insetos, que tal estudar as principais característica do Filo dos Artrópodes? Então veja este super post: https://blogdoenem.com.br/biologia-filo-artropodes/

Para iniciar seus estudos, veja (pelo menos o início, que é bastante interessante) do documentário a seguir:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=CRkd6ZgcAbw]

E aí, curtiu o vídeo? Legal, não é? Agora, veja o resumo que preparamos para você:

Anatomia dos Insetos: Os insetos, assim como os demais artrópodes, são triblásticos, celomados, protostômios e com simetria bilateral. Possuem o corpo dividido em cabeça, tórax e abdómen. Possuem tipicamente um par de antenas, um par de olhos compostos (compostos por várias subunidades chamadas de omatídios) e três pares de patas partindo do tórax. Podem ter ainda três olhos simples, geralmente localizados acima dos olhos compostos.

 Anatomia insetos

Anatomia insetos

Dica 2: Antes de continuar estudando o Filo dos Artrópodes, que tal revisar os conceitos e características básicas do Reino dos Animais? Então, veja este super post com vídeo-aula do professor Rubens Oda e dicas da professora Juliana Evelyn dos Santos: https://blogdoenem.com.br/biologia-reino-animais/

Sistema circulatório dos Insetos: O sistema circulatório dos insetos é aberto, ou seja, o sangue sai dos vasos e penetra por entre os tecidos, retornando aos vasos posteriormente.

Sistema digestório dos Insetos: Possuem sistema digestório completo, formado de boca, papo, cecos gástricos, estômago, intestino e ânus. Os insetos possuem grande variedade de aparelhos bucais que lhes permitem explorar diferentes nichos ecológicos: mastigador (como os gafanhotos e baratas), sugador (como as borboletas e mariposas), sugador picador (como os mosquitos e pulgas), sugador não-picador (como as moscas domésticas) e lambedor (como as abelhas e vespas).

 classe insetos

Sistema excretor dos insetos: Os insetos realizam a excreção através dos tubos de Malpighi. Estas estruturas filtram o sangue que extravasa dos vasos, reabsorvem o excesso de água filtrado e concentram o ácido úrico. Como o ácido úrico é insolúvel em água, sua eliminação não necessita de água. Este é um dos fatores importantes para a conquista do ambiente terrestre.

Dica 3: Revise também o Filo dos Poríferos! Veja este super post com aula divertida do professor Paulo Jubilut e dicas da Professora Juliana Santos: https://blogdoenem.com.br/biologia-reino-animais-poriferos/

Respiração dos Insetos: A respiração nos insetos é realizada por traqueias. As traqueias são invaginações que se ramificam no interior do corpo do anima até se aproximarem de praticamente todas as células.  As traqueias abrem-se para o meio externo nas laterais do corpo do animal através de orifícios chamados de espiráculos. Como as traqueias se ramificam até todas as células, o sangue não precisa transportar gases.

Reprodução dos Insetos: Os insetos se reproduzem de maneira sexuada. São animais dioicos, ou seja, possuem sexos separados. Em geral, a fecundação é interna e são ovíparos. Os insetos podem apresentar três diferentes tipos de desenvolvimento:

Desenvolvimento ametábolo: É o desenvolvimento direto, sem metamorfose. Isso quer dizer, que do ovo, sai um animal jovem, muito semelhante ao adulto, que só precisa crescer. Exemplo: traça-de-livro.

Desenvolvimento hemimetábolo: É o desenvolvimento com metamorfose gradual ou incompleta. Isso quer dizer que os animais que saem do ovo são semelhantes aos adultos, porém lhes faltam um ou mais órgãos a serem desenvolvidos, como as asas. A esses jovens damos o nome de ninfas. Exemplo: gafanhoto, barata e percevejo.

Desenvolvimento holometábolo: É o desenvolvimento com metamorfose completa. Isso quer dizer que do ovo nasce um animal muito diferente do adulto, chamado de lagarta ou larva. A larva irá passar por um período de alimentação ativa. Após isso, ela forma um casulo ou pupa, onde a larva passa por metamorfose e se transforma em um adulto também chamado de imago). Exemplo: borboletas, mariposas, mosquitos, moscas e pulgas.

Veja na figura a seguir os diferentes tipos de desenvolvimento: A= ametábolos, B= hemimetábolos, C= holometábolos.

 Artrópodes - Insecta

Dica 4: Você conhece o Filo dos Cnidários? Não? Então se liga e revise esses animais também, pois eles também podem aparecer no Enem e nos vestibulares! Veja este post com vídeo-aula divertida do professor Paulo Jubilut: https://blogdoenem.com.br/cnidarios-aguas-vivas-corais/

Importância dos insetos para os seres humanos: Como outros seres vivos, a presença destes animais é imprescindível no equilíbrio dos ecossistemas e também em nossas vidas. Os insetos, como as abelhas, borboletas e mariposas, são os principais polinizadores das angiospermas, sendo essenciais na produção de alimentos. Outros podem causar prejuízos à agricultura, como os gafanhotos. Há ainda os que nos parasitam, como os mosquitos e piolhos. Outros ainda podem nos transmitir doenças, como o barbeiro que transmite a doença de Chagas, ou os mosquitos Aedes aegypti, que nos transmitem a dengue. Os insetos também podem nos servir de alimento, e são apreciados em muitas culturas. São alimentos ricos em proteínas, ferro e zinco, tanto que no ano passado a ONU lançou um programa para incentivar as populações ocidentais a comerem insetos visando diminuir a fome.

Para saber um pouco mais sobre os insetos sendo utilizados como alimentos pelos seres humanos, veja a reportagem a seguir do Jornal Nacional: http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2013/05/onu-sugere-comer-insetos-pra-reduzir-fome-no-mundo.html

Principais ordens de Insetos: Ordem Thisanura (traças-de-livro); Ordem Odonata (libélulas); Ordem Blattodea (baratas); Ordem Isoptera (cupins); Ordem Orthoptera (gafanhotos, esperanças e grilos); Ordem Phasmida (bichos-pau); Ordem Phthiraptera (piolhos); Ordem Heteroptera (percevejos e barbeiros); Ordem Homoptera (cigarras e pulgões); Ordem Coleoptera (besouros, joaninhas e carunchos); Ordem Hymenoptera (abelhas, vespas e formigas); Ordem Diptera (moscas e mosquitos); Ordem Lepdoptera (mariposas e borboletas); Ordem Siphonaptera (pulgas e bichos-de-pé).

 classe insetos

Dica 5: Precisa revisar mais conteúdos de biologia? Veja os vídeos de Biologia da Khan Academy já traduzidos para o Português pela equipe da Fundação Lemann no http://www.fundacaolemann.org.br/khanportugues/#videos
Dica 6: Quer treinar seus conhecimentos em Biologia? Baixe esta apostila de biologia gratuitamente! https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-apostila-gratuita/
Juliana Biologia Enem
Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Juliana Santos para o Blog do Enem. Juliana é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina. Dá aulas de Ciências e Biologia em escolas da Grande Florianópolis desde 2007. Facebook: https://www.facebook.com/juliana.evelyndossantos.