Filo dos cordados: aprenda tudo sobre a simetria das aves

Você conhece as principais características dos animais pertencentes à Classe das Aves? Não? Então, revise aqui, com o Blog do Enem!

O filo dos cordados é composto pelas aves. Muitas espécies foram domesticadas há muito tempo e fazem parte da alimentação da maior parte das pessoas. Outras, adaptadas ao ambiente humanizado, vivem em gaiolas. As aves dominam os céus e nos fascinam por sua liberdade de deslocamento.

Mas, apesar de fazerem parte da vida natural e comum do ser humano, será que você sabe quais são as principais características da classe das aves no filo dos cordados? Para aprender mais sobre estes animais vertebrados acompanhe este post.

Características gerais das aves

filo dos cordados Assim como os demais animais no filo dos cordados, as aves são animais triblásticos, celomados, deuterostômios e com simetria bilateral. Elas também são endotérmicas, ou seja, sua temperatura é constante, regulada por mecanismos metabólicos com alto custo energético.

As aves são facilmente identificadas pela presença de penas cobrindo o corpo, estruturas importantes para a manutenção da temperatura do animal e para o voo. Além disso também são caracterizadas pela presença de um bico córneo que dá início ao tubo digestório. As penas são estruturas compostas de queratina que podem ter diferentes formatos e funções dependendo da região do corpo em que se situam.

Outra característica marcante é o fato de possuírem os membros anteriores modificados em asas (apesar de nem todas as aves voarem). A pele das aves não possui glândulas, exceto por uma próxima à cauda. Nessa região situa-se uma glândula chamada de uropigial que produz uma secreção oleosa que as aves espalham sobre as penas. Dessa maneira o animal é impermeabiliza evitando assim ficar encharcado com a chuva. Caso a ave não conseguisse se impermeabilizar, isso causaria um aumento do peso corporal o que dificultaria o voo.

Circulação das aves no filo dos cordados

As aves possuem um coração tetracavitário que impede que o sangue arterial e o sangue venoso se misturem. Dessa forma, podemos considerar que elas possuem uma circulação fechada, dupla e completa. Na metade direita do coração, o sangue venoso circula para ser bombeado para os pulmões, onde será oxigenado. Então no átrio esquerdo e no ventrículo esquerdo circula o sangue arterial, rico em oxigênio.

Essa divisão do sangue permite uma oxigenação mais eficiente dos tecidos das aves. Nesse caso ela é extremamente necessária para desenvolver o voo. Para conseguir voar as aves gastam grandes quantidades de energia, assim como para a manutenção da temperatura constante de seu corpo.

Respiração das aves

As aves possuem respiração pulmonar. Esses animais possuem pulmões pequenos, porém, ligados a órgãos exclusivos desse grupo: os sacos aéreos. Esses sacos são bolsas membranosas altamente vascularizadas que se embrenham no corpo da ave. Eles reservam ar para os pulmões e também ajudam a diminuir a densidade do corpo das aves, facilitando o voo.

aves

Sistema digestório das aves

O sistema digestório inicia na boca formada por um bico córneo e termina na cloaca. As aves não possuem dentes o que é provavelmente mais uma adaptação ao voo. Pois caso elas tivessem dentes isso aumentaria o seu peso corporal dificultando o voo. A ausência de dentes faz com que as aves apresentam adaptações no tubo digestório que as ajude a triturar o alimento, como o papo e a moela.

O papo geralmente é utilizado para o armazenamento do alimento. Já a moela é musculosa e nela podem ser encontradas pedras ingeridas pelo animal que, juntamente com os movimentos do órgão, permitem que o alimento seja triturado. As aves possuem hábitos alimentares muito variados, elas podem ser herbívoras, onívoras ou carnívoras. Sendo assim, seus bicos podem apresentar diferentes formatos especializados no tipo de alimentação que consomem.

Veja na imagem a seguir, os diferentes tipos de bicos e funções:

filo dos cordados

Sistema nervoso no filo dos cordados: aves

No filo dos cordados as aves possuem o sistema nervoso ganglionar com cordão nervoso central.  Elas tem visão e audição bem desenvolvidas, em especial em águias e falcões que são tidas como caçadoras. Algumas aves migratórias conseguem perceber o campo magnético da Terra e podem enxergar a luz polarizada, ajudando estas a traçarem suas rotas de migração.

Sistema excretor das aves

As aves possuem rins que filtram os resíduos celulares presentes no sangue. Porém, são incapazes de urinar como os mamíferos: as aves não possuem bexiga urinária (mais uma maneira de diminuir o peso das aves e facilitar seu voo). Sendo assim, elas produzem uma substância chamada urato, derivada do ácido úrico, que é depositada no intestino juntamente com as fezes. Dessa maneira, quando você observa os dejetos de uma ave pode perceber que há uma parte branca e outra escura. A parte branca corresponde à excreção e a escura às fezes.

filo dos cordadosReprodução das aves no filo dos cordados

As aves se reproduzem de maneira sexuada com fecundação interna. As aves são todas ovíparas e as fêmeas (e às vezes ambos os progenitores) realizam cuidado parental, cuidando dos ovos e posteriormente dos filhotes. Muitas aves podem também realizar elaborados comportamentos de cópula, realizando movimentos, emitindo cantos elaborados ou exibindo penas e ninhos.

Exercícios

Questão 01 – (UNITAU SP/2018)
Uma das principais características da maioria das aves é a sua capacidade de voar, como sugere a tirinha, o que proporcionou para esses animais vantagens, como a ocupação da copa de árvores, agilidade na fuga de predadores, migrações em busca de melhores condições ambientais, dentre outras. Para voar, as aves contam com uma série de adaptações, as quais foram sendo selecionadas durante a sua história evolutiva, como a conversão dos membros anteriores em asas, a formação dos ossos pneumáticos, que reduz o seu peso e, em especial, a presença de penas recobrindo seu corpo.

filo dos cordadoswww.niquel.com.br

Sobre as penas das aves, assinale a alternativa INCORRETA.

a) São formadas por queratina e apresentam um eixo central chamado ráquis.

b) Estão implantadas em um folículo da pele e se estendem por uma base chamada cálamo.

c) São leves, resistentes e flexíveis, contribuindo para tornar o corpo aerodinâmico.

d) São revestidas com secreção oleosa, produzida pela glândula uropigiana, o que diminui o isolamento térmico.

e) São trocadas gradualmente e, para a maioria das espécies, isso ocorre uma vez por ano.

Questão 02 – (UECE/2015)
No que diz respeito à temperatura corpórea dos animais, assinale a opção que preenche corretamente as lacunas do texto abaixo.

____________1 e ____________2, produzem grande quantidade de calor devido à intensa alimentação. Dessa maneira, conquistaram ambientes ____________3, apesar de precisarem se alimentar frequentemente para que sua temperatura corpórea permaneça ____________4 e ____________5.

a) Aves1, peixes2, frios3, adequada4, constante5

b) Mamíferos1, anfíbios2, quentes3, baixa4, constante5

c) Peixes1, aves2, quentes3, adequada4, oscilante5

d) Mamíferos1, aves2, frios3, alta4, constante5

Questão 03 – (UCS RS/2013)
O sistema digestório das aves apresenta algumas estruturas características, que tornam a maioria desses animais onívoros, capazes de ingerir diferentes tipos de alimentos.

Considere as seguintes proposições em relação ao sistema digestório das aves.

I. A moela é um local de digestão enzimática, semelhante ao estômago humano.

II. A abertura externa, no final do sistema digestório, é a cloaca, por onde também são eliminados os produtos finais do sistema excretor e do sistema reprodutor.

III. O papo é uma região dilatada do intestino delgado, responsável pelo amolecimento de alimentos duros, como sementes e partes vegetais.

Das proposições acima, é correto afirmar que

a) apenas I está correta.

b) apenas II está correta.

c) apenas II e III estão corretas.

d) apenas I e III estão corretas.

e) I, II e III estão corretas.

 

GABARITO:

1) Gab: D
2) Gab: D
3) Gab: B