Lista de exercícios sobre Machado de Assis

Machado de Assis é um dos maiores escritores brasileiros e um dos mais cobrados no Enem! Veja o resumo e teste seus conhecimentos sobre o autor com a lista de exercícios!

Ele é considerado um dos maiores escritores da língua portuguesa. Criou personagens clássicos como Quincas Borba, Bentinho e Capitu. Por isso mesmo, cai direto nos principais vestibulares e no Enem. Pensando nisso, reunimos uma lista com 10 exercícios sobre Machado de Assis para você treinar para as provas! Não deixe de conferir também o resumo e as videoaulas!

Resumo sobre Machado de Assis

Joaquim Maria Machado de Assis nasceu em 21 de junho de 1839 e morreu em 29 de setembro de 1908. Era filho de Francisco José Machado de Assis e de Leopoldina Machado de Assis, e era neto de escravos alforriados.

Cresceu no morro do Livramento, no Rio de Janeiro. Aos 16 anos começou a trabalhar em uma tipografia e publicou os primeiros versos no jornal “A Marmota”. Em 1860, foi convidado por Quintino Bocaiúva para colaborar com o jornal “Diário do Rio de Janeiro”.

Na década de 1870, Machado publicou os poemas “Falenas” e “Americanas”, além dos “Contos Fluminenses” e “Histórias da meia-noite”. O público e a crítica consagraram seus méritos de escritor. Publicou os romances: “Ressurreição” (1872); “A Mão e a Luva” (1874); “Helena” (1876); “Iaiá Garcia” (1878). Essas obras ainda estão ligadas à literatura romântica e formam a chamada primeira fase de Machado de Assis.

Fotos de Machado de Assis
Fonte: Campanha da Faculdade Zumbi dos Palmares / Irmãos Bernardelli

Na década de 1880, a obra de Machado de Assis criou uma verdadeira revolução em termos de estilo e de conteúdo, inaugurando o Realismo no país. Os romances “Memórias póstumas de Brás Cubas” (1881); “Quincas Borba” (1891); “Dom Casmurro” (1899) e os contos “Papéis avulsos” (1882).

Depois, “Histórias sem data” (1884), “Várias histórias” (1896) e “Páginas recolhidas” (1899), entre outros, revelam o autor em sua plenitude. O espírito crítico, a grande ironia, o pessimismo e uma profunda reflexão sobre a sociedade brasileira são as suas marcas mais características.

Vida e obra de Machado de Assis

Para saber mais sobre a trajetória de Machado de Assis, assista à videoaula da professora Camila, do canal do Curso Enem Gratuito:

Depois dos exercícios sobre Machado de Assis você vai encontrar mais conteúdo sobre o autor. Não deixe de conferir para chegar preparado nas questões de Literatura!

Exercícios sobre Machado de Assis

.

Obras de Machado de Assis

“Ao verme que primeiro roeu as frias carnes do meu cadáver dedico como saudosa lembrança estas memórias póstumas.”

Eis a dedicatória da obra que inaugurou o Realismo no Brasil: Memórias Póstumas de Brás Cubas. Publicada em 1881, a obra foi considerada um romance original e diferente de tudo aquilo que já havia sido publicado por aqui. É unânime que Machado de Assis é o principal autor do Realismo brasileiro, consagrado pelo sucesso dos romances pertencentes ao referido movimento literário.

Para saber mais sobre este e outros romances de Machado de Assis, confira o vídeo da professora Camila:

Personagens Clássicos de Machado

Nos exercícios sobre Machado de Assis você deve ter se deparado com vários nomes de personagens conhecidos. Para relembrá-los de forma rápida, confira este pequeno resumo:

  • Brás Cubas: o personagem de Memórias Póstumas de Brás Cubas é um defunto-auto. Era um legítimo representante da elite brasileira do século XIX. Após sua morte, decide contar suas memórias. Assim, não tem a necessidade de mentir sobre os fatos ou pessoas. É pessimista, irônico, individualista, ambicioso, falso, hipócrita e interesseiro.
  • Bentinho: Bento Santiago, da obra Dom Casmurro, é o narrador e pseudo-autor da obra. Na velhice, momento da narração, era um homem fechado, solitário e triste. As lembranças de um passado amargo o tornaram uma pessoa reclusa. Desde menino, Bentinho foi mimado pela mãe e demais parentes, o que o fez um homem inseguro e dependente, incapaz de tomar decisões por conta própria e resolver seus problemas.
  • Capitu: a insegurança de Bentinho foi, sem dúvida, o fato gerador dos ciúmes da suspeita de adultério pela esposa Capitu com o seu amigo Escobar, que perturbavam seus pensamentos. Capitu era entendia por Bentinho como dissimulada e poderia, então, carregar este segredo dentro de si.
  • Quincas Borba: do romance de mesmo nome, é um filósofo considerado louco. É adepto da doutrina do humanitismo, já demonstrada em Memórias Póstumas de Brás Cubas, livro em que esse personagem também faz parte. Torna-se amigo de Rubião após casar-se com sua irmã, já falecida. Como forma de agradecimento por este lhe ter dedicado cuidados e atenção a seus ensinamentos, deixa-o como herdeiro de sua fortuna e do seu fiel cachorro.

Contos de Machado

Além de romances, Machado de Assis escreveu vários contos importantes e que podem cair nas provas. Então não deixe de assistir a esta última videoaula:

João Vianney dos Valles Santos

Psicólogo e jornalista, Vianney é diretor do Blog do Enem. Tem doutorado em Ciências Humanas, coordenou o Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, e Dirigiu o Campus Unisul Virtual. É consultor de EaD da Hoper Educação.
Categorias: Simulado Literatura, Simulados Enem