Faltam:
para o ENEM

Esquistossomose – As causas e características, e como evitar. Biologia no Enem.

Esquistossomose cai no Enem e no Vestibular. Faça aqui a sua revisão gratuita sobre o ciclo do Schistosoma mansoni para chegar bem nas questões de Biologia. Agora, é com você.

A doença da Esquistossomose é muito séria e frequente nas regiões do litoral brasileiro, principalmente, onde o saneamento básico não existe e o sistema de saúde é precário. O parasita responsável é o Schistosoma.

Abaixo você pode ver o mapa da Esquistossomose no Brasil e ver como essa doença ainda é frequente em nosso país. A doença da esquistossomose é uma infecção provocada por parasitas da espécie Schistosoma, e que infectam os humanos através de larvas que estão em água doce. Uma vez em contato com o organismo entram pela pele e se transformam em vermes que têm como habitat o intestino e as veias do sistema urinário.

ciclo da esquistossomose destacada

No Brasil a Esquistossomose é conhecida também como ‘Barriga dÁgua’, Xistose, ou Doença do Caramujo. Os sintomas no organismo são dores musculares, febre e calafrios na fase inicial, e que podem chegar a diarreias e sangramentos na fase aguda, e com inchaço do abdome (fígado e baço) quando é provocada pelo Schistosoma mansoni (veja na imagem acima. Fonte: Secretaria da Saúde do Estado do Paraná).

O ambiente sem água tratada e sem tratamento de esgoto se transforma em uma área favorável à existência das larvas para dar início ao ciclo da infeção.

O Ciclo da Esquistossomose

Quando o ser humano está infectado ele se transforma num disseminador de ovos dos parasitas  Schistosoma. Os ovos saem junto com as fezes e a urina e eclodem na água. Em seguida buscam invadir tecidos de lesmas ou caracóis até que se transformem em larvas que sobrevivem na água por 48 horas. Humanos que andam descalços, que lavam roupa, ou que se banham nestas águas podem, então, ser contaminados pelas larvas que penetram através dapele até chegar aos intestinos ou ao sistema urinário.

O Mapa da Esquistossomose no Brasil

Enem 2013

 

Fique atento, o Enem poderá cobrar de você informações que relacionem a situação de saneamento básico no Brasil e quais medidas profiláxicas devemos ter para combater a disseminação da esquistossomose. Para isso, veja algumas recomendações do médico Drauzio Varella,  sobre como evitar a contaminação da doença.

Esteja atento às normas básicas de higiene e saneamento ambiental. Evite contato com a água represada ou de enxurrada que pode estar infestada pelo parasita;

Saiba que os caramujos podem ser combatidos de várias maneiras diferentes: por controle biológico, químico e das condições do meio ambiente. Como seu habitat natural preferido são lugares com pouca água e correnteza, algumas medidas podem ser tomadas como drenar, aterrar ou aumentar a velocidade da água na área em que vivem. O controle biológico pode ser exercido por animais que se alimentam dos caramujos (peixes, patos, etc) e o químico pelo uso de moluscocidas;

Use roupas adequadas, botas e luvas de borracha se tiver que entrar em contato com águas supostamente infectadas;

Cabem às autoridades sanitárias a destruição do habitat das larvas e o trabalho de informar a população. Isso não isenta ninguém da responsabilidade de alertar as pessoas, principalmente as que vivem em áreas presumidamente infectadas.

Veja a aula abaixo, do Professor Jubilut, sobre essa doença parasitária tipicamente humana. Aprenda mais um pouco com o Blog do Enem e seja nota 1000 em Ciências da Natureza no Enem!

Gostou? Aula boa né? Você pode revisar todo o conteúdo do Enem com as aulas do Curso Enem Online Gratuito. Confira: 

Curso Enem Gratuito

Quer aumentar suas chances no próximo Exame Nacional do Ensino Médio e mandar bem nas Notas de Corte do Enem? Estude com as apostilas e aulas gratuitas do Curso Enem Online. Todas as matérias do Exame e ainda as Dicas de Redação. Acesse aqui o Curso Enem Gratuito Online.

curso enem gratuito blue fino
Acesse o Curso Enem Gratuito Online

Quatro passos para a Redação Enem Nota 1000

1A Estrutura da Redação
2Como fazer a Introdução da Redação
3Como defender um ponto de vista
4Três técnicas para fazer uma boa Conclusão