Faltam:
para o ENEM

Entenda a diferença entre Tema e Assunto da Redação Enem

Não caia na armadilha de confundir assunto e tema da redação Enem. O Professor Wilson Rochenbach Nunes vai explicar a você a diferença entre eles. Veja abaixo nesta revisão gratuita do Blog do Enem.

“Esse negócio de assunto  e tema da redação Enem, tipo assim, é tudo a mesma coisa. Não é?!” Nós, professores de Português, ouvimos esse comentário com frequência. Veja abaixo como esclarecer esta confusão e não errar na hora da prova.

Constantemente percebe-se a confusão entre o que é assunto e o que é tema na Redação Eenem. Você deve tomar cuidado, pois se isso não ficar bem claro, você poderá zerar sua redação. Vamos entender o que é cada um, então:redação enem diferença entre Tema e AssuntoO assunto tem um significado mais amplo, mais genérico e pode ser desdobrado em temas. Observe, por exemplo: Cidadania, Ecologia, Terrorismo, Horário Político; todos são assuntos, não há delimitação.

O tema é um recorte do assunto. Ele acarreta necessariamente um ponto de vista e dá margem à discussão. Não se esqueça de que nas redações são apresentados temas, portanto não fale da ideia geral, respeite o tema da Redação Enem.

Suponhamos que na sua proposta de redação há uma abordagem sobre cidadania, que no final culmina no tema solicitado: O direito e o dever de votar do cidadão. Na introdução, para não fugir ao tema, você deverá contextualizá-lo dentro do assunto: Uma das formas do cidadão exercer sua cidadania é por meio do voto. A partir daqui, apresentar seu ponto de vista em relação ao voto e, por fim, apresentar os argumentos que sustentem sua tese na Redação Enem.

Você observou que a discussão não será acerca da cidadania em si, mas sobre o poder do voto para defendê-la? Então, não é facinho, facinho? Boa preparação para você na Redação Enem agora que já esclareceu o que é o Tema, e o que é o Assunto.

Tema x Assunto – Se ficou alguma dúvida, vai aqui uma nova forma de abordagem: O tema está contigo no assunto. Ou seja, o Assunto é de maior amplitude, tem característica mais global, enquanto o Tema é um determinado recorte ‘dentro do assunto’.  O segredo está na boa capacidade de leitura e interpretação do Enunciado da Redação, que será o seu ponto de instigação, o seu ponto de partida.

Veja o Guia Oficial de Redação do Enem, publicado pelo MEC:

O Ministério da Educação publicou um Guia da Redação do Enem, completo, com as orientações oficiais para os candidatos e ainda exemplos de redações aprovadas com nota máxima e selecionadas como bons exemplos. Veja as dicas do MEC e depois um texto dissertativo-argumentativo premiado pelos professores avaliadores. Guia da Redação do Enem

  • Veja as dicas (exigências) do Guia da Redação do Enem:
  • Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.
  • Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa.
  • Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
  • Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
  • Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
  • Dentro do Guia da Redação Enem você encontra a explicação completa de todas as Competências cobradas na Redação, e ainda tem exemplos de textos aprovados com Medalha de Ouro no Enem, com a nota 1000. Um deles está reproduzido abaixo para você ver agora:

Veja abaixo texto Nota 1000 selecionado pelo MEC no Guia da Redação do Enem:

Redação Nota 1000 de LAIANE DA SILVA CARVALHO – Enem 2015.

Mesmo com a vigência da Lei Maria da Penha , com a criminalização do feminicídio na última década , o aumento percentual do número de mulheres vítimas de homicídio no Brasil persiste. Tipificada pela violência f ísica , moral , psicológica ou sexual , a violação dos direitos femininos tem suas raízes em construções sociais e culturais, incorporadas como legítimas, que precisam ser desfeitas, pois, do contrário, o ideal de indistinção no gozo dos direitos fundamentais do cidadão não se consolidará.

A crença na subalternidade femina é construída socialmente. A filósofa Simone de Beauvoir corrobora isso ao afirmar que “ninguém nasce mulher, torna-se mulher ”. Os dizeres de Beauvoir revelam como a associação da figura feminina a determinados papéis não é condicionada por características biológicas, mas por pré-determinações sociais.

Seguindo essa linha de pensamento, é usual , por exemplo, que mulheres que exerçam profissões tradicionalmente associadas a homens, como a de motorista , sofram preconceito no ambiente de trabalho e sejam violentadas psicologicamente. Além disso, a continuidade de práticas violentas contra a mulher é favorecida pelo que o pensador Pierre Bourdieu definiu como violência simbólica.

Nesse tipo de violência , a sociedade passa a aceitar como natural as imposições de um segmento social hegemônico, neste caso, o gênero masculino, causando a legitimação da violação de direitos e/ou da desigualdade.

Nesse contexto, urge a tomada de medidas que visem mitigar a crença de que as mulheres são inferiores. Para isso, cabe à sociedade civil organizada , o terceiro setor, a realização de palestras que instruam acerca da igualdade entre os gêneros. Ao poder público, cabe instituir a obrigatoriedade de participação masculina em fóruns, palestras e seminários que discorram acerca da importância do respeito às mulheres.

Procedendo-se assim, casos como o da francesa Olympe de Gouges, guilhotinada na Revolução Francesa por exigir direitos femininos, ficarão apenas como o símbolo de um passado em que os Direitos Humanos não eram para todos.

Gostou do texto premiado?

O MEC considera que está muito bem escrito. Faça uma comparação com os seus rascunhos, e identifique pontos de melhoria no seu texto dissertativo-argumentativo. Confira a seguir os quatro passos para a Redação Nota 1000:

Quatro passos para a Redação Enem Nota 1000

1A Estrutura da Redação
2Como fazer a Introdução da Redação
3Como defender um ponto de vista
4Três técnicas para fazer uma boa Conclusão

 Curso Enem Gratuito

Quer aumentar suas chances no próximo Exame Nacional do Ensino Médio e mandar bem nas Notas de Corte do Enem? Estude com as apostilas e aulas gratuitas do Curso Enem Online. Todas as matérias do Exame e ainda as Dicas de Redação. Acesse aqui o Curso Enem Gratuito Online.

curso enem gratuito blue fino
Acesse o Curso Enem Gratuito Online

 Aula Gratuita de Redação

Agora assista à videoaula de 10 minutos e 15 segundos do Professor Rafael Cuha do Descomplica. Certamente, não restará nenhuma dúvida. É para você mandar bem na Redação Enem.

Dicas do Blog do Enem

Dica 1: Veja aqui como adequar a linguagem à sua redação.

Dica 2: Veja aqui algumas dicas para você alcançar nota máxima na sua redação Enem ou Vestibular.

Wilson Redação
Este post sobre Redação Enem foi elaborado pelo professor Wilson Rochenbach Nunes para o Blog do Enem.
Wilson é formado em Letras pela Unilassale Canoas – RS e Mestre em Linguística Aplicada pela PUCRS.
Wilson dá aulas de Português para concursos em cursos da Grande Florianópolis e Grande Porto Alegre desde 2002.