O MEC mudou as datas do Edital do Enem: provas em janeiro!

Mudou quase tudo no Edital do Enem 2020. As provas impressas vão ser realizadas em janeiro e as digitais em janeiro e fevereiro de 2021. Confira o cronograma completo!

Novas datas do Enem

Saiu a nova data do Enem 2020: a primeira prova no dia 17 de janeiro de 2021 e a segunda prova no dia 24 de janeiro de 2021. Já o Enem digital ficou para 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021. A reaplicação da prova será dia 24 de fevereiro de 2021 e 25 de fevereiro de 2021. Os resultados saem a partir do dia 29 de março de 2021. É praticamente um novo Edital do Enem 2020.

A nova data contraria a vontade dos estudantes, que votaram, em sua maioria, para a realização das provas em maio de 2021. De acordo com o MEC, a escolha foi de caráter técnico e buscando sempre uma data que favorecesse instituições e alunos. O anúncio foi feito por meio de coletiva no dia 8 de julho.

A Dica do Blog do Enem é você começar hoje mesmo a sua preparação no Curso Enem Gratuito: Aulas, Dicas, Resumos e Simulados com todas as matérias do Exame.

Adiamento do Enem

Após muita pressão da sociedade e do Congresso Nacional, o MEC cedeu e adiou as provas do Enem 2020. A mudança de datas deve-se à pandemia do novo coronavírus, que impede milhares de alunos de estudarem para as provas.

Inicialmente, a aplicação da prova escrita estava prevista para o dia primeiro e 8 de novembro de 2020. Já a digital seria nos dias 22 e 29 de novembro.

As novas datas ainda não foram divulgadas. Isso porque o MEC pretende realizar uma enquete com os participantes para definir as novas datas. A previsão é de que essa enquete seja feita em junho.

Mas, apesar do adiamento, os estudantes precisaram fazer as inscrições normalmente em maio.

Cronograma Enem 2020

  • Solicitação de isenção da taxa: até o final das inscrições
  • Inscrições: 11 a 27 de maio
  • Taxa de inscrições: R$ 85,00
  • Pagamento da taxa: 11 a 28 de maio
  • Solicitação de nome social: 25 a 29 de maio
  • Aplicação das provas digitais: 17 de janeiro de 2021  e 24 de janeiro de 2021
  • Aplicação das provas impressas: 31 de janeiro de 2021 e 7 de fevereiro de 2021
  • Resultado geral: a partir de 29 de março de 2021

Enem Digital

O edital do Enem 2020 confirmou a primeira aplicação do Enem digital. Nele, há a previsão de que 100 mil estudantes testem o modelo em diversas cidades de todo o Brasil. A lista de cidades que receberá a primeira aplicação digital do Exame Nacional do Ensino Médio pode ser conferida aqui.

O modelo de prova digital será igual ao do Enem impresso. No entanto, como as datas das provas são diferentes, as 180 questões que compõem as provas serão diferentes, assim como o tema da redação. Além disso, mesmo na aplicação digital do Enem a redação continuará sendo manuscrita pelo candidato.

A previsão é que a prova se torne totalmente digital somente em 2026. Confira o vídeo para entender melhor como a aplicação digital vai funcionar:

Isenção da taxa de inscrição

Para não pagar a taxa de inscrição do Enem, que custa R$ 85,  não é mais preciso fazer o pedido na página do participante. De acordo com o novo edital do Enem 2020, tem direito à isenção automática durante as inscrições quem cumprir algum destes pré-requisitos:

  • Estiver cursando a última série do ensino médio no ano de 2020 na rede pública de ensino;
  • Tenha cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada e tenha renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio;
  • Estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e tenha renda familiar per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Além disso, se você obteve a isenção da taxa de inscrição no Enem 2019, mas não foi fazer as provas e quer pedir isenção novamente, é necessário justificar sua ausência também na página do participante.

Todos os documentos necessários para fazer o pedido de isenção e a justificativa de ausência você pode conferir no edital do Enem 2020, tanto no digital quanto no impresso.

Inscrições

É básico fazer a sua inscrição no Enem 2020. O site do Instituto Nacional de Pesquisa é bem lógico e descomplicado. Mas, há regras claras e exigências para você cumprir no Exame.

Para se inscrever no Enem 2020, foi necessário apresentar o seu cadastro único no governo. Isso ocorreu por conta de dificuldades que os alunos tiveram ao fazer o pedido de isenção do pagamento de inscrição. Ao conectar a inscrição do Enem com o CadÚnico,  o Inep concedeu automaticamente a isenção para todos os candidatos que cumpriram os pré-requisitos socioeconômicos.

Para acertar como fazer a inscrição do Enem 2020:

Fique de olho neste Passo a Passo e depois nos campos da tela quando abrir o processo oficial. Confira sempre o preenchimento antes de avançar cada nova etapa. Se o sistema der ‘pau’, não se estresse, e faça de novo.  Se as telas mudarem, o Blog atualiza este post para você

Mais informações sobre o edital do Enem 2020:

  • Pedido de Atendimento Especializado (grávidas, portadores de necessidades especiais, mães amamentando, etc.) – Informação no ato da inscrição;
  • Ausências de quem tem isenção da taxa – Quem faltou em 2019, terá que pagar a taxa de inscrição em 2020, salvo se justificar sua ausência no sistema. É uma regra mais dura do Enem para acabar com a moleza de quem se inscrevia ‘de bobeira’ a não aparecia, gerando prejuízos com as provas perdidas, salas alugadas, fiscais e tudo o mais.
  • Validade do Enem para os processos seletivos do Sisu, do Prouni e do Fies – Não muda nada, continua valendo a nota do Enem para os critérios de nota de corte na disputa de vagas e bolsas de estudo nos programas oficiais;
  • Treineiros não foram proibidos de participar – As mudanças realizadas pelo MEC e pelo INEP não proibiram a participaram dos Treineiros nas provas do Enem.  Todos podem se inscrever e fazer a prova, observadas as regras de restrição ne isenção nas taxas e de uso dos dados posteriormente.

Para que serve a nota do Enem

Vagas no Sisu

Pela nota no Enem, o candidato disputa vagas em universidades públicas e gratuitas através do Sisu (Sistema de Seleção Unificada). Veja aqui o que é o Sisu, e como você usa a nota do Enem para concorrer em universidades públicas no Brasil inteiro.

A sua nota no Enem vai disputar contra a nota de outros candidatos, como se fosse um leilão para ver quem fica com a vaga. Maior nota ganha. Menor nota, fica de fora. O limite entre as duas é chamado ‘Nota de Corte’.

Bolsas pelo Prouni

A sua nota do Enem vale também na disputa bolsas de estudo pelo ProUni (Programa Universidade para Todos) nas Faculdades privadas. Bolsas de 100% ou de 50% do valor das mensalidades.

Bolsa de Estudos no Exterior

Quem faz boa pontuação pode disputar ainda vagas para estudar de graça no exterior em universidades e institutos da Europa que já aceitam a Nota do Enem. Veja aqui a lista de universidades  em Portugal que aceitam a Nota do Enem.

Financiamento Fies

Para quem quiser estudar em Faculdade particular e optar pelo financiamento pelo Fies (Programa de Financiamento Estudantil), também é preciso ter feito o Enem. Veja aqui o que é o Fies. Você estuda primeiro, e só paga depois que se formar.

Simulado Enem Online

Uma boa estratégia para você chegar bem no próximo Exame Nacional do Ensino Médio é testar seus conhecimentos neste Simulado Enem Online. As provas foram preparadas com os conteúdos que caem no Exame, separadas por matérias.

Você faz os exercícios e confere o Gabarito na mesma hora. Para as questões que você não acertar o sistema já indica as aulas gratuitas de revisão. O Simulado Enem Online fica disponível 24h para você, gratuitamente. Veja o simulado, e logo depois o Edital do Enem:

Veja como tirar o Certificado do Ensino Médio em 2020

Quem busca a conclusão do Ensino Médio’ através de um exame de equivalência ou de suficiência terá que participar do ENCEJA  (Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos.

A única exigência é ter 18 anos completos até o dia das provas. Veja aqui como se inscrever no ENCCEJA

Avatar

João Vianney dos Valles Santos

Categorias: Apostilas Enem, Enem Tags: ,