Sisu 2021: tudo o que você precisa saber

O Sisu 2021 do segundo semestre vai oferecer mais de 62 mil vagas em universidades públicas de todo o Brasil. As inscrições vão de 3 a 6 de agosto e o resultado sai no dia 10. Confira tudo o que você precisa saber para garantir a sua vaga!

Quem faz o Exame Nacional do Ensino Médio tem várias chances de ingressar no ensino superior. A principal delas é por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas para universidades públicas de todo o Brasil. O programa foi criado pelo Ministério da Educação (Mec) em 2010 com o objetivo de democratizar o acesso de estudantes a universidades.

O que é Sisu

O Sisu é um sistema no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para quem prestou o Enem. Ou seja: para concorrer a vagas em universidade públicas, você deve se inscrever  no Sisu depois de ter feito o Enem. As inscrições ocorrem duas vezes por ano, uma em janeiro e outra por volta de junho. Por conta da pandemia de Covid-19, em 2021 a segunda edição do Sisu ocorre no mês de agosto.

Saiba mais informações sobre o que é o Sisu com o vídeo do Curso Enem Gratuito:

Qual a diferença entre o Sisu e o Prouni

Os estudantes que se inscrevem no Sisu estão concorrendo a vagas em universidades públicas. Isso quer dizer que é um programa totalmente gratuito, pois não existe nenhuma taxa de inscrição, matrícula ou mensalidade em instituições públicas de ensino.

Enquanto isso, o Programa Universidade para Todos (Prouni) é um sistema de distribuição de bolsas de estudo em instituições de ensino privadas. Existem duas modalidades de bolsa no Prouni: as integrais e as parciais. Assim, quem recebe bolsa integral não precisa pagar as mensalidades. Já quem recebe bolsa parcial precisa arcar com metade do valor das mensalidades.

Quem pode participar do Sisu

Para participar do Sisu é preciso cumprir os seguintes requisitos:

  • Ter feito a última edição do Enem;
  • Não ter zerado a redação;
  • Não ter participado na condição de treineiro.

Datas da segunda edição do Sisu 2021

  • Inscrições: 3 a 6 de agosto
  • Resultado da 1ª chamada: 10 de agosto
  • Prazo para participar da lista de espera: 10 a 16 de agosto
  • Matrícula da 1ª chamada: 11 a 16 de agosto
  • Convocação dos candidatos em lista de espera pelas instituições: a partir de 19 de agosto

Como o Sisu funciona

Para se inscrever no Sisu é só acessar a página oficial do sistema durante o período de inscrições. Lá você vai poder escolher duas opções de curso. Assim, se você não for aprovado na 1ª opção, ainda tem chance de ser aprovado na 2ª. Além disso, é possível alterar suas opções quantas vezes quiser durante as inscrições.

Geralmente as inscrições do Sisu duram 4 dias. Durante esse período você pode monitorar sua classificação parcial na opção de curso escolhido. A classificação parcial é calculada a partir das notas dos candidatos inscritos na mesma opção.

Conforme os candidatos vão se inscrevendo, essa nota pode mudar. Isso ocorre porque o Sisu calcula uma vez por dia a nota de corte para cada curso com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência.

Por exemplo: se a nota de corte para a sua opção é 500 e a sua nota para aquela opção é 540, você tem chances de ser selecionado. Entretanto, se sua nota estiver abaixo dessa média, suas chances são menores. Como é possível acompanhar as mudanças nas notas de corte, você pode ver se vale a pena continuar com aquelas duas opções ou se o melhor é mudar.

Depois que termina o período de inscrições do Sisu, basta aguardar pelo dia do resultado da primeira chamada. Se não conseguir passar em nenhuma das opções, você pode se inscrever na lista de espera.

Como fazer a inscrição do Sisu

As inscrições do Sisu são gratuitas e ocorrem exclusivamente na em sisu.mec.gov.br. Lá você deverá fazer o login no sistema gov.br, que é o mesmo utilizado nas inscrições do Enem. Depois disso, o sistema irá solicitar seu número de telefone e e-mail para que o Sisu possa entrar em contato com você.

Veja o passo a passo completo de como fazer a inscrição do Sisu

Em seguida, você já poderá realizar a pesquisa de vagas disponíveis em diferentes cursos e instituições. Também é nesta busca que são informadas as modalidades disponíveis (ampla concorrência e diferentes tipos de cotas). Depois disso, é só escolher a sua 1ª e 2ª opção de curso.

Nos dias seguintes você poderá conferir sua classificação parcial em cada opção. Lembrando que você pode mudar suas opções quantas vezes quiser até o fim do período de inscrições.

Veja abaixo um exemplo de classificação parcial. Perceba que são mostradas tanto suas notas de corte nas modalidades selecionadas quando as notas de corte necessárias para a aprovação naquela data:

Inscrição do Sisu - resultado parcial

Notas de corte

A nota de corte é a menor nota que você precisa tirar para ficar entre os aprovados. No período de inscrição, o Sisu calcula todos os dias a nota de corte de cada curso com base no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência.

Durante o período de inscrições no Sisu, você pode consultar seu boletim de desempenho para conferir sua classificação parcial nas duas opções de cursos escolhidos. A classificação parcial é calculada a partir das notas dos candidatos inscritos na mesma opção. Portanto, é apenas uma referência para auxiliar o monitoramento da sua inscrição.

Ao final do período de inscrição, a lista de selecionados é divulgada no site do Sisu. No boletim de acompanhamento, o candidato pode consultar sua classificação e o resultado final.

Melhores estratégias para o Sisu

Saiba as melhores dicas para conseguir uma vaga na universidade com o Sisu! Neste vídeo te apresentamos as melhores estratégias para o Sisu e, com elas, fica mais fácil entrar na faculdade com a nota do Enem!

Aqui no Blog nós temos listas com as notas de corte de todos os cursos e instituições que participaram do Sisu 2020. Assim você consegue ter uma noção de qual nota é necessária para entrar no curso que você deseja.

Confira as notas de corte dos cursos mais buscados:

Em seguida, confira também as notas de corte de algumas das instituições mais procuradas:

Simulador de nota de corte

Veja no Simulador de Notas de Corte do Sisu como ele te ajuda a conferir suas chances nos processos seletivos. Para utilizar o simulador, você insere no sistema uma nota estimada para o Enem, a cidade onde pretende estudar e o curso de graduação que deseja fazer. Em seguida, já fica sabendo a faixa de pontos que vai precisar.

Simulador de Notas de Corte do Enem

Veja também as notas de Corte do Prouni e do Fies

Lista de espera

Os candidatos que não forem aprovados em nenhuma das duas opções podem manifestar interesse na lista de espera do Sisu. Nesse caso, podem escolher entrar na lista de espera da 1ª ou da 2ª opção selecionada no momento da inscrição. Mas lembre-se que se você for aprovado em qualquer das opções, não pode entrar na lista de espera.

A fim de participar da lista de espera, o candidato deve acessar o sistema durante o período especificado no cronograma. É só entrar no boletim de desempenho e clicar no botão que corresponde à confirmação de interesse em participar da lista de espera do Sisu.

Diferentemente da 1ª chamada, na lista de espera são as instituições de ensino que divulgam os aprovados em seu próprio site. Assim, é importante acompanhar as convocações da lista de espera no site da universidade que você se inscreveu.

Confira o post do nosso perfil no Instagram com dicas de como escolher o curso na lista de espera do Sisu:

Distribuição de cotas

De acordo com a Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012, 50% das vagas ofertadas por instituições federais de ensino superior devem ser reservadas aos estudantes de escola pública. Dentre essas vagas, 50% são destinadas aos estudantes oriundos de famílias com renda igual ou inferior a 1,5 salário-mínimo per capita.

Além disso, essas vagas deverão ser preenchidas por candidatos que se autodeclarem pretos, pardos e indígenas e também por pessoas com deficiência.

Para saber mais sobre as diferentes modalidades de cotas, assista ao vídeo do canal do Curso Enem Gratuito:

Notas de corte para estudantes de escola pública são, em média, 6% menores

Dúvidas

Se você teve algum problema no momento da inscrição e não encontrou a resposta aqui, recomendamos que você entre em contato com os canais oficiais do Inep. Você pode enviar mensagem no perfil oficial do Inep no Facebook ou Instagram, ou ligar no número 0800 616161.

João Vianney dos Valles Santos

Psicólogo e jornalista, Vianney é diretor do Blog do Enem. Tem doutorado em Ciências Humanas, coordenou o Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, e Dirigiu o Campus Unisul Virtual. É consultor de EaD da Hoper Educação.
Categorias: Sisu Tags: , , , , ,