Enem: Dica do dia: Introdução à Bioquímica

Enem ainda tá longe mas não perca tempo, já é hora de estudar Bioquímica com a gente!

Hoje é dia de Biologia e Química no Blog. Você tá se preparando para o Enem? Não pense que é muito cedo pois é bastante conteúdo cobrado em prova e hoje vamos falar sobre os processos químicos que acontecem em nosso organismo, como o corpo processa tudo o que ingerimos, o que são proteínas, lipídios e mais um monte de outras substâncias importantes.

Dica 1: Tudo sobre a Redação no Enem: https://blogdoenem.com.br/category/cainaprova/redacao/
Dica 2: Confira todas as notas de corte do Sisu: https://blogdoenem.com.br/category/basicao/notas/
Dica 3: As melhores apostilas para você se dar bem no Enem: https://blogdoenem.com.br/category/apostila-enem/

Comece se preparando para o Enem com esse  episódio feito pela PUC do Rio de Janeiro para o Portal do Professor do MEC. Nele são apresentados diversos conceitos relacionados a Bioquímica. O tempo de apresentação é de 10 minutos.

Exercícios para praticar Bioquímica para o Enem:

Questão 1: ENEM ( 2008) Defende-se que a inclusão da carne bovina na dieta é importante, por ser uma excelente fonte de proteínas. Por outro lado, pesquisas apontam efeitos prejudiciais que a carne bovina traz à saúde, como o risco de doenças cardiovasculares. Devido aos teores de colesterol e de gordura, há quem decida substituí-la por outros tipos de carne, como a de frango e a suína. O quadro abaixo apresenta a quantidade de colesterol em diversos tipos de carne crua e cozida.Com base nessas informações, avalie as afirmativas a seguir.

 

I O risco de ocorrerem doenças cardiovasculares por ingestões habituais da mesma quantidade de carne é menor se esta for carne branca de frango do que se for toucinho.

II Uma porção de contrafilé cru possui, aproximadamente, 50% de sua massa constituída de colesterol.

III A retirada da pele de uma porção cozida de carne escura de frango altera a quantidade de colesterol a ser ingerida.

IV A pequena diferença entre os teores de colesterol encontrados no toucinho cru e no cozido indica que esse tipo de alimento é pobre em água. É correto apenas o que se afirma em:

 

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III.

d) II e IV.

e) III e IV.

Mais uma questão no modelo que você vai encontrar no Enem:

Questão 2:

Arroz e feijão formam um “par perfeito”, pois fornecem energia, aminoácidos e diversos nutrientes. O que falta em um deles pode ser encontrado no outro. Por exemplo, o arroz é pobre no aminoácido lisina, que é encontrado em abundância no feijão, e o aminoacido metionina é abundante no arroz e pouco encontrado no feijão. A tabela seguinte apresenta informações nutricionais desses dois alimentos. Smulado Enem 2009 - Questão 3  - Ciências da natureza e suas Tecnologias

SILVA, R.S. Arroz e feijão, um par perfeito..
Disponível em: htt//www.correpar.com.br. Acesso em: 2009.

A partir das informações contidas no texto e na tabela, conclui-se que:

A) os carboidratos contidos no arroz são mais nutritivos que os do feijão.

B) o arroz é mais calórico que o feijão por conter maior quantidade de lipídios.

C) proteínas do arroz têm a mesma composição de aminoácidos que as do feijão.

D) a combinação de arroz com feijão contém energia e nutrientes e é pobre em colesterol.

E) duas colheres de arroz e três de feijão são menos calóricas que três colheres de arroz e duas de feijão.

As respostas das questões estão abaixo, não vale espiar! heheh.. Siga firme na sua preparação para a prova do Enem.

Resposta 1:

Gabarito: E

Resolução: Item I – Incorreto, pois a carne branca de frango, mesmo crua ou cozida, apresenta maior teor de colesterol, podendo causar maior propensão cardiovascular e não menor como expresso neste item.

Item II – Incorreto, possui aproximadamente 0,051% de colesterol. Se 100g de contrafilé corresponde a 100 % (uma porção);  E  cada 100g de contrafilé contém 0,051g de colesterol; Logo, a porção conterá apenas 0,051% de colesterol.

Item III – Sim, conforme a tabela o teor de colesterol aumenta (de 80mg /100g, passa para 124mg/100g de carne escura de frango sem pele).

Item IV – Sim, pois se trata de um tecido adiposo (rico em gordura) e pobre em água.

Se cair uma questão como a questão 2 no Enem tá fácil né?! Veja a  resposta : Gabarito D

A tabela compara os valores nutricionais do arroz e do feijão, e as alternativas tentam relacionar estes valores com o conhecimento dos alunos.
(A) não podemos fazer esta afirmação baseando-nos apenas no número de carboidratos.
(B) novamente, não se faz uma afirmação baseado apenas na quantidade de lipídios.
(C) o arroz é rico em metionina (aminoácido) que, por sua vez, é pouco encontrado no feijão. O feijão é rico em lisina, aminoácido pobre no arroz. Lembrando que as proteínas são formadas por cadeias de aminoácidos.
(D) a questão está correta, pois o arroz tem várias vitaminas do complexo B, carboidratos, cálcio, folato e ferro. O feijão é um alimento rico em proteínas vegetais, também sendo fonte de ferro, vitaminas do complexo B e demais minerais para o bom funcionamento do
organismo. Portanto, a combinação arroz/feijão mantém os níveis de nutrientes altos e pouco colesterol.
(E) não, pois duas colheres de arroz e três de feijão somam 256 calorias, enquanto três de arroz e duas de feijão somam 239 calorias.
É isso! Gostou do episódio? Entendeu como os processos químicos funcionam na biologia do nosso organismo? Então vai acertar tudo no Enem sem sombra de dúvidas! Fique com a gente!

enem 2013

Conhece nossa rede de blogs?

– Blog do Fies

– Blog do Prouni

– Blog do Sisu

Gostou do post? Use os botões abaixo e ao lado para espalhar por suas redes sociais (sabemos que o Facebook está aberto ai no cantinho do seu computador). E claro, também usar os espaços para comentários abaixo, deixando sua critica, sugestão e também xingamentos.

Nossas redes sociais são:

Facebook: /RedeEnem (Clique AQUI para saber como receber TUDO sobre o Enem 2013)

Twitter: @RedeEnem

Canal no Youtube: Rede Passaporte

Google+ : Rede Enem

Fonte:  Zero Hora, Guia da Carreira, Portal do Professor.