SISU 2020: veja como fazer sua inscrição e todas as Notas de Corte

Confira o calendário de inscrições, as novas regras do sistema, a política de Cotas Socioeconômicas e de Cotas Raciais. Aprenda como funciona o jogo das Notas de Corte para você conseguir conquistar sua vaga nas Universidades Públicas.

Mandar bem no Sistema de Seleção Unificada é básico para conseguir uma vaga nas Universidades Públicas. Tem Medicina, Direito, Psicologia, Engenharias, Educação Física e todos os cursos de graça. Mas, para entrar, é preciso vencer as Notas de Corte do Sisu.

Confira neste Blog do Sisu um tira-dúvidas com as principais dicas que você precisa para entender o Sistema, fazer a sua inscrição, entender o jogo das Notas de Corte, e conseguir a sua vaga no curso desejado.

O que é o SISU? – O  Sistema de Seleção Unificada é um mecanismo nacional de comparação automática de notas do Enem entre os alunos que disputam as vagas de um curso de graduação nas universidades públicas, centros universitários ou faculdades. Podem ser instituições federais, estaduais ou municipais.Blog do SisuA USP – Universidade de São Paulo, por exemplo, é uma Universidade Estadual. A Universidade de Brasília – UnB,  é uma universidade federal, assim como a UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro, e a UFMG 0 Universidade Federal de Minas Gerais, por exemplo.

Quando acontece o SISU? – As inscrições para as vagas do Sistema de Seleção Unificada acontecem duas vezes por ano. No primeiro semestre o processo ocorre logo após a divulgação das notas do Enem, em janeiro. E, há uma nova rodada para o segundo semestre, com inscrições em junho/julho.

Como funciona o Sisu? – Veja as dicas com a Jade Philippe, diretora de conteúdo do Blog do Enem

Os candidatos às vagas nos cursos de graduação do SISU podem se inscrever livremente em até dois cursos de graduação diferentes, disputando as vagas ao mesmo tempo.

Os cursos podem ser de uma mesma instituição ou de instituições diferentes. Fica com a vaga o candidato que tiver a melhor Nota do Enem de acordo com os critérios da disputa. Se liga aqui nas dicas do Blog do Sisu para não vacilar!

10 Estratégias para mandar bem no SISU

Veja com a Jade Philippe, diretora do Blog do Enem e do canal Curso Enem Gratuito as 10 Estratégias para você conquistar uma vaga no Sistema de Seleção Unificada.

Quem pode participar do SISU 2020?

– Para concorrer a uma das 300 mil vagas anuais do Sisu  os candidatos devem ter feito o Enem do ano anterior. Por exemplo, para concorrer no SISU 2020 o candidato precisa ter uma nota válida no Enem 2019.

Para o SISU 2020, o candidato deve ter feito o Enem 2019, e assim sucessivamente. Além disso, candidatos que tiverem tirado zero na redação do Enem não poderão disputar uma vaga pelo Sisu.

Têm Cotas no SISU? – Sim. 50% das vagas das Universidades Federais estão reservadas para alunos que fizeram todo o Ensino Médio em escolas públicas, ou que fizeram o Ensino Médio em escolas privadas com Bolsa de Estudo.

Além desta Cota pela origem escolar dos candidatos há ainda divisões das vagas pelas cotas de acordo com a faixa de renda familiar bruta mensal dos candidatos, e por características de origem étnica (indígenas, negros, etc.).

Veja aqui uma explicação completa sobre a Lei de Cotas no SISU.

Os candidatos podem optar por concorrer na categoria de disputa por Cotas, caso preencham o requisitos legais, ou podem optar pela disputa na categoria de Ampla Concorrência, onde não há reserva de vagas por critérios socioeconômicos ou raciais. As Notas de Corte na disputa por Ampla Concorrência costumam ser mais altas que na disputa por Cotas.

O que é a Renda Familiar Mensal Bruta Per Capita? – Os critérios de renda familiar mensal dos candidatos são importantes na disputa de vagas pelas cotas. Há vagas no Sisu para quem tem renda familiar mensal per capita de até 1,5 salários mínimos, e vagas para quem tem renda acima deste patamar.

O cálculo da renda familiar para o SISU precisa ser feito pela soma dos rendimentos do trabalho (ou aposentadoria) de todos os membros da família que vivem na mesma casa do candidato, e em seguida pela divisão do montante pela quantidade de familiares moradores que dependem desta mesma renda.

Veja como fazer a conta da Renda Familiar Mensal per capita. É simples fazer esta conta. Muita gente fica de fora só porque não se liga nas dicas do Blog do Sisu.

 

O que são as Notas de Corte do SISU?

– O Sisu funciona como um leilão de vagas, onde a moeda de cada participante do leilão são as Notas do Enem do ano anterior. Em Medicina, por exemplo, se existem 25 vagas na disputa por Ampla Concorrência, o sistema classifica automaticamente os 25 candidatos inscritos naquela instituição com as melhores notas.

A nota do último classificado dentro deste grupo fica registrada como ‘a nota de corte’. São quatro dias de disputa, e o Ministério da Educação solta resultados parciais das notas de corte no final dos três primeiros dias da disputa.

Então, se a nota de corte estiver muito mais alta que a sua nota, você pode pesquisar outras opções de cursos (ou universidades) que estejam com notas de corte mais próximas da sua pontuação no Enem.

Ou seja, você pode mudar as suas opções de curso até o último dia das inscrições. Essa é a dica do Blog do Sisu! Veja mais abaixo o calendário completo, as regras do SISU, e como fazer sua inscrição.

As Notas de Corte do SISU

Veja as Notas de Corte do Sisu e consulte também o Simulador das Notas de Corte para saber onde daria para você passar. O Blog do Enem mostra para você as Notas de Corte do Sisu em todas as universidades públicas e também dos cursos mais procurados.

  • Notas de corte das universidades mais procuradas

Veja quantos pontos são necessários para entrar em cada curso das seguintes instituições: USPUFRJUFMGUFCUFRGSUFGUFPRUFAMIFSPUFFUnBUFBAUFSCarNo final do post tem a lista completa para todas as universidades públicas e institutos federais.

Cursos mais procurados:  Direito,  Administração;  Pedagogia;  Engenharia Civil;  Enfermagem;  Medicina;  Educação Física, Serviço SocialFisioterapiaPsicologiaBiologia.

 

Cronograma oficial do Sisu 2020

  • Resultado do Enem 2019: 17 de janeiro
  • Inscrições Siu 2020: 21 a 24 de janeiro
  • Resultado: 28 de janeiro
  • Inscrição na Lista de Espera: 29/01 a 4/02
  • Chamadas da Lista de Espera: 07/02 a 30/04

Critérios de desempate no Sisu 2020:

É difícil acontecer, mas, e se dois candidatos ficam empatados em último lugar? De acordo com o edital do Sisu 2020, estes são os critérios de desempate:

  1. Maior nota na redação;
  2. Maior nota na prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias;
  3. Maior nota na prova de Matemática e suas Tecnologias;
  4. Maior nota na prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  5. Maior nota na prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Como fazer a sua inscrição no Sisu 2020

Com o Blog do Enem você aprende todos os passos, desde a inscrição e até a fazer simulações de opção de curso ou de instituições. Logo após o sistema abrir você poderá ir testando as suas notas do Enem em diversas instituições e cursos quando o sistema estiver aberto.

1ª etapa

Quando o sistema estiver aberto para inscrições, entre na página oficial do Sisu, e veja o botão laranja “Fazer Inscrição”. Sisu passo a passo 1Importante: O MEC só vai ativar o link para você preencher o cadastro na semana de inscrições.

2ª etapa

Em seguida, basta digitar seu número de inscrição no Enem, sua senha cadastrada e escrever o que aparecer na imagem de segurança para provar que você não é um robô.

Sisu passo 2O sistema já puxa as notas que você tiver alcançado no Enem 2019 e coloca automaticamente para disputar as vagas do curso e instituição que você escolher.

3ª etapa

Confirme os seus dados de contato, como celular e e-mail. Você pode clicar também em “Usar os mesmos dados do Enem”.

Sisu passo 3Selecione a opção “Estou ciente do aviso sobre os dados de contato” e clique em confirmar.

 

4ª etapa

Comece sua inscrição no Sisu 2019 escolhendo a sua primeira opção de curso de graduação:Sisu passo 4Para escolher a sua primeira opção de curso você pode procurar por município, por instituição ou por curso.

No exemplo abaixo, a busca foi realizada digitando o nome da instituição.Passo a passo Sisu - Blog do EnemNo caso da busca realizada por instituição, você verá uma lista com todos os cursos disponíveis.

Clique em cima do curso que você escolheu e confira o número de vagas e suas modalidades.

Em seguida, clique em “Escolher este curso”.Passo a passo Sisu - Blog do Enem

5ª etapa

Selecione entre as opções de vaga para ampla concorrência ou para ações afirmativas. Passo a passo Sisu - Blog do EnemLembrando que o número de vagas e os critérios das ações afirmativas podem variar de acordo com cada curso/instituição.

Dica do Blog – Após clicar em “Escolher modalidade”,  você verá informações sobre o curso, a instituição e os documentos exigidos pela mesma para a inscrição no Sisu.

Leia atentamente e, se estiver de acordo, selecione a opção “Estou ciente de toda a documentação exigida para a matrícula, assim como das demais informações contidas acima”.

6ª etapa da inscrição no Sisu 2020

Logo em seguida é só clicar em “Confirmar minha inscrição nesta opção”. Passo a passo Sisu - Blog do EnemSe você quiser trocar sua categoria de vaga, ainda dá tempo, é só clicar em “Escolher outra modalidade”.

 

Após clicar em “Confirmar minha inscrição nesta opção”, você verá um resumo das informações sobre o curso escolhido em primeira opção. Se você trocar de ideia, ainda pode “Cancelar opção” ou “Escolher outro curso”.

Se não, é só partir direto para a segunda opção de curso, onde os passos serão os mesmos que fizemos na escolha da primeira.Passo a passo Sisu - Blog do Enem

Confira seus cursos escolhidos em primeira e segunda opção. Se desejar, você pode imprimir sua inscrição no Sisu.

Você pode alterar ou cancelar sua inscrição, mas isso só pode ser feito até às 23h59min do dia 24 de janeiro de 2020.

E, então fique de olhos abertos. Você ainda pode trocar a primeira opção pela segunda, é só clicar em inverter opções:Passo a passo Sisu - Blog do EnemNada difícil, não é mesmo?

Dicas do Blog do SISU

– Vale a pena entrar na lista de espera?

Se você não for aprovado na primeira chamada do Sisu, vale a pena, sim, colocar o nome na lista de espera.Todo ano as listas chamam milhares de nomes para ocupar as vagas não preenchidas pelos aprovados.

Olha só o que acontece: muitas pessoas que passam no Sisu não aparecem para fazer a matrícula, porque fazem as contas e verificam que custa caro morar em outras cidades, e que muitas vezes é mais barato pagar uma faculdade particular na sua própria cidade.

Também acontece de os candidatos aprovados no Sisu passarem em outras universidades que ainda fazem vestibulares próprios, e aí não se matricularem no curso em que passaram pelo Sisu.

Independentemente dos motivos pessoais de cada candidato, o fato é que sempre aparecem vagas para a lista de espera. Fique de olho em todas as etapas: assim que sair o resultado oficial do Sisu, abrem as inscrições para a lista de espera! O detalhe é que você só pode escolher um dos cursos para os quais concorreu no Sisu.

Simulador de Notas de Corte do Sisu:

O Simulador de Notas de Corte é simples como um Game para testar suas chances no Sisu, no Prouni e no Fies. Escolha um curso de graduação, uma cidade, e coloque a sua nota média ‘real’ ou apenas uma nota sugerida, e veja os resultados. Preencha os campos do formulário a seguir:

Simulador de Notas de Corte do Enem

Têm resultados no Simulador de Notas de Corte para Bolsas de Estudo do Prouni nas faculdades e universidades privadas; para as vagas com Financiamento Estudantil pelo FIES; e também para as edições do Sisu nas universidades públicas.

O Simulador foi criado pelos desenvolvedores da Rede Alumni, empresa parceira do Blog do Enem com o Programa Quero Bolsa.

Notas de corte do Sisu – todas as universidades

Notas de Corte do Sisu – Todas as Universidades

FURG – Universidade Federal de Rio Grande
UDESC- Universidade do Estado de Santa Catarina
UECE – Universidade do Estado do Ceará
UEL – Universidade Estadual de Londrina
UEMG – Universidade do Estado de Minas Gerais
UEMS – Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
UENF – Univ. Est. do Norte Fluminense
UENP – Univ. Estadual do Norte do Paraná
UEPB – Universidade Estadual da Paraíba
UERGS – Universidade Estadual do Rio Grande do Sul
UERN – Universidade Estadual do Rio Grande do Norte
UESB – Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
UESC – Universidade Estadual de Santa Cruz
UESPI – Universidade Estadual do Piauí
UEZO – Universidade Estadual da Zona Oeste (RJ)
UFABC – Universidade Federal do ABC
UFAC – Universidade Federal do Acre
UFAL – Universidade Federal de Alagoas
UFAM – Universidade Federal do Amazonas
UFBA- Universidade Federal da Bahia
UFC – Universidade Federal do Ceará
UFCA – Universidade Federal do Cariri
UFCG – Universidade Federal de Campina Grande
UFCSCPA – Univ. Fed. de Ciências da Saúde de POA
UFERSA – Universidade Federal Rural do Semi-Árido
UFES – Universidade Federal do Espírito Santo
UFF – Universidade Federal Fluminense
UFFS – Universidade Federal da Fronteira Sul
UFG – Universidade Federal de Goiás
UFGD – Univ. Federal da Grande Dourados
UFJF – Universidade Federal de Juiz de Fora
UFLA – Universidade Federal de Lavras
UFMA – Universidade Federal do Maranhão
UFMG – Universidade Federal de Minas Gerais
UFMS – Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
UFMT – Universidade Federal de Mato Grosso
UFOB – Universidade Federal do Oeste da Bahia
UFOP – Universidade Federal de Ouro Preto
UFPA – Universidade Federal do Pará
UFPB – Universidade Federal da Paraíba
UFPE – Universidade Federal de Pernambuco
UFPEL – Universidade Federal de Pelotas
UFPI – Universidade Federal do Piauí
UFPR – Universidade Federal do Paraná
UFRA – Universidade Federal Rural da Amazônia
UFRB – Univ. Federal do Recôncavo da Bahia
UFRGS – Univ. Federal do Rio Grande do Sul
UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro
UFRN – Universidade Federal do Rio Grande do Norte
UFRPE – Universidade Federal Rural de Pernambuco
UFRR – Universidade Federal de Roraima
UFRRJ – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
UFS – Universidade Federal de Sergipe
UFSB – Universidade Federal do Sul da Bahia
UFSC – Universidade Federal de Santa Catarina
UFSCAR – Universidade Federal de São Carlos
UFSJ – Universidade Federal de São João del-Rei
UFSM – Universidade Federal de Santa Maria
UFT – Universidade Federal no Tocantins
UFTM: Universidade Fed. do Triângulo Mineiro
UFU – Universidade Federal de Uberlândia
UFV – Universidade Federal de Viçosa
UFVJM – Univ. Fed. dos V. do Jequitin. e Mucuri
UnB – Universidade de Brasília
UNEAL – Universidade Estadual de Alagoas
UNEB – Universidade do Estado da Bahia
UNEMAT – Universidade Estadual de Mato Grosso
UNESPAR – Universidade Estadual do Paraná
UNICENTRO – Univ. do Centro-Oeste do Estado do Paraná
UNIFAL-MG – Universidade Federal de Alfenas
UNIFAP – Univ. Fed. do Amapá
UNIFEI – Universidade Federal de Itajubá
UNIFERSA: Universidade Fed. Rural do Semi-Árido
UNIFESP – Universidade Federal de São Paulo
UNIFESSPA – Univ. do Sul e Sudeste do Pará
UNILA – Univ. Integração Latino-Americana
UNILAB – U. Integ. Int. da Lusofonia Afro-Brasileira
UNIMONTES – Univ. Estadual de Montes Claros
UNIOESTE – Univ. Estadual do Oeste do Paraná
UNIPAMPA – Universidade Federal do Pampa
UNIRIO – Universidade Federal do Estado do Rio
UNITINS – Universidade do Estado do Tocantins
UNIVASF – Univ. Fed. do Vale do São Francisco
UPE – Universidade (Estadual) de Pernambuco
USP – Universidade de São Paulo
UTFPR – Universidade Tecnológica Federal do Paraná

NOTAS DE CORTE DO SISU NOS INSTITUTOS E FACULDADES PÚBLICAS

CEFET – Minas Gerais
CEFET – Rio de Janeiro
ENCE – Rio de Janeiro
ESCS – Escola Superior de Ciências da Saúde
FAETERJ: Faculdade de Tecnologia do RJ
ISEPAM – Inst. Sup. de Ed. Prof. Aldo Muylaert
ISERJ – Inst. Sup. de Ed. do Rio de Janeiro
IF Catarinense – Inst. Fed. Catarinense
IF Goiano – Instituto Federal Goiano
IFS – Instituto Federal de Sergipe
IF Sertão – Inst. Federal do Sertão – PE
IFAC – Instituto Federal do Acre
IFAL – Instituto Federal de Alagoas
IFAM – Instituto Federal do Amazonas
IFAP – Instituto Federal do Amapá
IFB – Instituto Federal de Brasília
IFBA – Instituto Federal da Bahia
IF Baiano – Instituto Federal Baiano
IFC – Instituto Federal Catarinense
IFCE – Instituto Federal do Ceará
IF Farroupilha – Inst. Fed. Farroupilha
IF Fluminense – Instituto Federal Fluminense
IFES – Instituto Federal do Espírito Santo
IFG – Instituto Federal de Goiás
IFMA – Instituto Federal do Maranhão
IFMG – Instituto Federal de Minas Gerais
IFMS – Instituto Fed. de Mato Grosso do Sul
IFMT – Inst. Federal de Mato Grosso
IFNMG – Inst. Fed. do Norte de Minas Gerais
IFPA – Instituto Federal do Pará
IFPB: Instituto Federal da Paraíba
IFPE – Instituto Federal de Pernambuco
IFPI – Instituto Federal do Piauí
IFPR – Instituto Federal do Paraná
IFRJ – Instituto Federal do Rio de Janeiro
IFRN – Inst. Fed. do Rio Grande do Norte
IFRO – Instituto Federal de Rondônia
IFRR – Instituto Federal de Roraima
IFRS – Instituto Federal Rio Grande do Sul
IFSC – Inst. Fed. de Santa Catarina
IF SERTÃO – Inst. Federal do Sertão
IFSE – Instituto Federal de Sergipe
IFSEMG – Instituto Federal Sudeste de MG
IFSP – Instituto Federal de São Paulo
IF Sul de Minas – Inst. Federal Sul de MG
IFSUL – Inst. Fed. Sul-Rio-Grandense
IFTM. Instituto Fed. do Triângulo Mineiro
IFTO – Inst. Federal do Tocantins

 

Notas de corte do Sisu por curso

Curtiu as dicas do Blog do Sisu?

 

João Vianney
Post de João Vianney Valle dos Santos. Psicólogo e jornalista, Vianney é diretor do Blog do Enem. Tem doutorado em Ciências Humanas, coordenou o Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, e Dirigiu o Campus Unisul Virtual. [email protected]
Categorias: Enem, Sisu Tags: